Curso Online de biosegurança em estetica! levando saúde e credibilidade aõs clientes !
4 estrelas 1 aluno avaliou

Curso Online de biosegurança em estetica! levando saúde e credibilidade aõs clientes !

neste curso vamos poder mostrar aõs nossos clientes que não so nos preocupamos se eles frequentam nosso centro estetico ou salão de belez...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 13 horas

Por: R$ 35,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

neste curso vamos poder mostrar aõs nossos clientes que não so nos preocupamos se eles frequentam nosso centro estetico ou salão de beleza.
mas tambem nos preocupamos em mostrar que estamos atualizados em nossa area e fornecendo a ales segurança naquilo que fazemos zelando por sua saúde e bem estar.
através de estarmos sempre atualizando nosso curriculo profissional adquirindo mais e mais experiencia e conhecimento no que fazemos com amor e seriedae e acima de tudo responsabilidade por quem entra em nosso estabelecimento de trabalho.afinal e minimo que podemos oferecer por estarem nos dando preferencia.

Graduada no curso superior de estetica e cosmetologia: pós graduação em Docência do ensino supeior. Especilaista em unhas artificiais de gel.acrigel e fibras. Atua há seis anos na área de estética facial,corporal,terapia capilar,drenagem no pré e pós operatório,eletroterapia aplicada a estética, depilação. Formada pelo senac; curso de maquiagem e cabelereiro profissional. curso superior de terapia capilar. ]FORMAÇÃO:Especialização em: Psicologia e Psicopedagogia Educação à Distância Educação Ambiental Gestão de RH Gestão de Talentos


- Cláudia Rosa Silvério De Souza

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • BIOSSEGURANÇA NA ESTÉTICA

    .  . 

    biossegurança na estética

  • .INTRODUÇÃO

    a biossegurança em estética consiste em ações de prevenção de doenças no ambiente de trabalho. sabemos que quando se trata da relação de contato profissional-cliente os riscos de serem transmitidas doenças que vão desde um simples resfriado, até uma micose, hepatite e aids existem. algumas medidas hoje são até mesmo colocadas no guia técnico que existe para profissionais, um trabalho realizado pela covisa, com o propósito de garantir a qualidade da saúde daquele que cuida da beleza. em razão da crescente demanda do segmento de beleza, a vigilância sanitária mobiliza-se para verificar e garantir a qualidade e segurança do serviço prestado.
    para quem entende que beleza está ligada diretamente com o bem-estar e esse com a saúde, inserir tais atitudes no ambiente de trabalho é contribuir também pela credibilidade na atuação da esteticista ou do profissional de beleza.

    .introdução

  • os custos não existem, quando se leva em conta, o diferencial em ter beleza com segurança, os clientes sentem a diferença, pagam por ela e só tendem a crescer no seu estabelecimento, você obtém além dos resultados em seus tratamentos sem comprometimento, a certeza de que é uma profissional, uma verdadeira "cuidadora" da beleza, do bem-estar e do principal: saúde! promova isso, contagie o mercado com o que há de melhor!

    objetivo: o curso de biossegurança visa atualizar manicures, cabeleireiros podólogos, esteticistas na implementação das normas de controle de infecção e a redução dos riscos presentes no exercício da profissão.

  • Objetivo

    habilitar os profissionais para a definição e aplicação de tratamentos estéticos favorecendo o bem-estar físico e mental; proporcionar aos alunos uma visão ampla sobre planejamento, execução e gestão de serviços relacionados à estética, beleza e saúde; habilitar os profissionais em questão para o uso correto das diversas metodologias de produtos e equipamentos utilizados nos procedimentos estéticos e terapêuticos;
    capacitar profissionais tornando os aptos a ação multidisciplinar, nos processos relacionados com a prática nos diversos espaços de trabalho, habilitar profissionais para que estabeleçam um canal de comunicação nas áreas da saúde e beleza, colocando-se no mercado de trabalho como uma mão-de-obra capaz de interagir nos âmbitos correlacionados a estética, beleza e saúde, visando o equilíbrio da qualidade de vida do ser humano

    objetivo

  • Estrutura físico-funcional

    os estabelecimentos destinados à realização de procedimentos em clínica de estética deverão obedecer às normas gerais e específicas de edificações, previstas nas legislações federal, estadual e municipal vigentes; nas normas específicas da associação brasileira de
    normas técnicas (abnt); nos regulamentos das concessionárias de serviços públicos, bem como atender aos requisitos da resolução da agência nacional de vigilância sanitária rdc anvisa nº 50, de 2002, no que couber, suas atualizações ou outro instrumento legal
    que venha a substituí-la.

    estrutura físico-funcional

  • BIOSSEGURANÇA DEFINIÇÃO

    biossegurança é um conjunto de procedimentos, ações, técnicas, metodologias, equipamentos e dispositivos capazes de eliminar ou minimizar riscos inerentes as atividades de pesquisa, produção, ensino, desenvolvimento tecnológico e prestação de serviços, que podem comprometer a saúde do homem, dos animais, do meio ambiente ou a qualidade dos trabalhos desenvolvido .

    biossegurança definição

  • BIOSEGURANÇA EM PODOLOGIA

    os profissionais em podologia têm consciência e cuidados para com seus clientes.
    fazem uso de todos os meios de biossegurança disponíveis, desinfecção e esterilização dos materiais não descartáveis em estufas ou auto-clave.
    da aids a hepatite, existe uma série de vírus, bactérias, fungos (micose), colocando em risco a vida humana. 
    é notório o crescimento do mercado de embelezamento e tratamento de pés e mãos. o surgimento de locais especializados e o grande número de pessoas que buscam especialização nesta área nos dão provas de que este segmento está em ascensão. no entanto, junto com o crescimento vem também a preocupação com a assepsia e a esterilização, pois o número elevado de atendimentos exige cuidado redobrado.

    biosegurança em podologia

  • Como é feita a esterelização dos instrumentos:

     os instrumentais são lavados com água e sabão. é utilizado uma escova, para eliminar quaisquer focos de contaminação e matéria orgânica.
    após esse procedimento, serão mergulhado os instrumentos em solução desencrustante para fazer uma desinfecção.15 minutos depois, serão bem enxaguados, secados e colocados em envelopes para ser esterilizados .
    será colocado os instrumentos em envelope ou estojo de inox apropriados para esterilização. “esse envelope ou estojo lacrado só será aberto na frente do cliente na hora de atende-lo, caso contrario, não aceite, é sua saúde que está em risco”

    como é feita a esterelização dos instrumentos:

  • º será colocado o instrumental embalado na estufa ou autoclave.  tem que respeitar a norma de tempo de esterilização correto, que é de 170º (uma hora), 160º (duas horas).”
    portanto, o profissional tem que ter estojos suficientes para fazer atendimento, e dar tempo para fazer esterilização adequada entre um atendimento e outro”. "quero afirmar aqui, que independente de usar a estufa ou auto clave, se o profissional não fizer todo procedimento completo de esterelização, não vai resolver, portanto o profissional por traz do equipamento tem que ser responsável para o equipamento funcionar"

  • especificamente na podologia, o controle de infecção cruzada (infecção transmitida do cliente para o profissional ou vice-versa) são a principal preocupação, tanto  para o profissional como para o cliente.
    por tanto o uso de produtos descartáveis é fundamental, e tendo assim cada vez mais aceitação por parte dos clientes.

  • Materiais de proteção para o Cliente e para a Podóloga são:

    para a cliente :lixas
    lâminas descartaveis
    instrumentos embalados e esterilizados
    toalhas branca de tecido e mais a descartável
    para a podóloga : touca
    luvas
    avental
    máscara
    óculos de proteção

    materiais de proteção para o cliente e para a podóloga são:


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 35,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • BIOSSEGURANÇA NA ESTÉTICA
  • .INTRODUÇÃO
  • Objetivo
  • Estrutura físico-funcional
  • BIOSSEGURANÇA DEFINIÇÃO
  • BIOSEGURANÇA EM PODOLOGIA
  • Como é feita a esterelização dos instrumentos:
  • Materiais de proteção para o Cliente e para a Podóloga são:
  • Controle de Infecção Cruzada”.
  • MANUAL DE BIOSSEGURANÇA PARA SALÕES DE BELEZA
  • Doenças transmissíveis associadas a atividades de manicure, pedicure e correlatos.
  • HEPATITE C
  • HEPATITE B
  • Como se transmite:
  • MICOSES
  • Como evitar:
  • Os cuidados com os instrumentais (alicates, navalhas, tesouras, escovas, etc.)
  • Como proceder:
  • PROCESSO DE ESTERILIZAÇÃO
  • Aparelhos ideais para uma boa esterilização
  • Você também pode instruir sua cliente à trazer seu próprio material
  • Cuidado com as escovas progressivas!!!!!!!!
  • O formol pode causar reações como:
  • Depilação
  • ATENÇÃO ESTETICISTAS!
  • BRONZEAMENTO ARTIFICIAL
  • Outras questões importantes que você precisa saber, antes de abrir seu salão de beleza.
  • Higiene nos gabinetes de estética
  • As medidas a tomar
  • Definições que deverá saber
  • Condições de higiene
  • Higienização dos utensílios
  • ATENÇÃO NA AREA ESTETICA
  • TIPOS DE RISCO
  • Classificação de risco biológico:
  • Dicas de como e quando lavar as mãos
  • perfil do profissional
  • MÉTODOS DE CONTROLE DE AGENTE DE RISCO
  • Equipamentos de Proteção Individual
  • o profissional deve considerar algumas características ao comprar máscaras, as quais devem:
  • algumas recomendações para o uso das máscaras, as quais incluem que o profissional:
  • Limpeza de Pele: O Risco de Contaminação 
  • Principais Doenças Infecto-Contagiosas
  • Manual de Prevenção de Infecções Associadas a Procedimentos Estéticos
  • Estrutura físico-funcional
  • Os estabelecimentos que realizam procedimentos em estética são de acordo com a legislação sanitária em:
  • A sala de indução/recuperação pós-anestésica deve estar equipada com:
  • Como fazer o controle de infecção?
  • Qual é a documentação mínima necessária?
  • Quem é o responsável pelo PCINF?
  • Cabe ao profissional responsável pelo PCINF:
  • Cabe ao enfermeiro ou técnico da clínica: :
  • Cabe aos responsáveis pela clínica:
  • Qual deve ser o conteúdo mínimo do manual de prevenção de infecções?
  • Como fazer a vigilância?
  • Técnica de higiene das mãos
  • Recomendações gerais:
  • Anti-sepsia em procedimentos invasivos
  • Anti-sépticos recomendados
  • Procedimentos cirúrgicos
  • Anti-sepsia da pele do paciente
  • Técnicas assépticas
  • Higiene ambiental
  • Métodos de limpeza
  • Gerenciamento de resíduos
  • Armazenagem, conservação e dispensação de medicamentos
  • Seguem exemplos de formulários para registrar e acompanhar os produtos adquiridos, assim como para controlar a temperatura onde são armazenados.
  • Desinfecção e esterilização de artigos
  • Desinfecção
  • Esterilização
  • Investigação em pacientes com suspeita de infecção
  • Prevenção de infecção em profissionais de saúde
  • Medidas institucionais
  • Medidas individuais
  • CONCLUSÃÕ