Curso Online de COMO TOCAR SAX?
5 estrelas 1 aluno avaliou

Curso Online de COMO TOCAR SAX?

ESTE CURSO E PARA INICIANTES DO SAX. COM TECNICAS PARA UM BOM APRENDIZADO.

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 2 horas

Por: R$ 30,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

ESTE CURSO E PARA INICIANTES DO SAX.
COM TECNICAS PARA UM BOM APRENDIZADO.

MUSICO PROFISSIONAL REGISTRADO NA ORDEN DOS MUSICOS DO BRASIL ,PROFESSOR DE CANTO: EM TECNICA VOCAL,CANTO CORAL E FISIOLOGIA DA VOZ. COMEÇOU SEUS ESTUDOS AOS 16 ANOS PELO C.S.L (SP) PROFESSOR DE MUSICA COM ESPECIALIDADE EM: BATERIA,BAIXO,VIOLAO,TECLADO , REGENCIA,TROMPETE. MAESTRO DE VOZ E PROFESSOR DE MUSICALIZAÇAO INFANTIL DA P.M.C. PROFESSOR DO PROGETO APRENDA MUSICA E PROFESSOR E LIDER DA ESCOLA DE MUSICA SANSBEL.


- Anisio Vicente Da Silva Junior

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • COMO TOCAR SAX? TECNICAS PARA INICIANTES

    como tocar sax? tecnicas para iniciantes

    autor:valquimar belmonte

  • INDICE

    indice

    as diferentes embocaduras do sax
    a grande confusao
    como deve ser a embocadura?
    posiçao da boquilha na boca
    apoiando os dentes superiores na boquilha
    o atrito com os dentes
    mantendo o apoio dos dentes
    encontrando a altura certa da correia
    teste do tudel
    como saber se sua embocadura esta firme?
    estamos tocando a embocadura relaxada?
    o super agudo do sax
    boquilhas
    palhetas
    embocadura e afinaçao.

  • As diferentes embocaduras do Sax

    as diferentes embocaduras do sax

    vamos falar nesta dica técnica de um dos assuntos mais polêmicos para os saxofonistas: a tal da "embocadura certa". cada músico possui boca, arcada dentária, cavidade bucal e lábios diferentes, além da variedade de boquilhas e palhetas. tudo isso influencia nas embocaduras. tentamos encaixar a boquilha em nossa boca e, dependendo de nossos lábios, arcada dentária e cavidade bucal, vamos ter respostas diferentes, de acordo com a posição da boquilha na boca

  • há várias maneiras de se colocar a boquilha na boca. essa maneira específica é por nós chamada de embocadura. existem vários tipos de embocaduras, como também há diferentes boquilhas e palhetas. temos que formar um conjunto equilibrado e único para nosso próprio uso. o mesmo conjunto (embocadura, boquilha e palheta) não funciona bem com outro saxofonista e vice-versa, justamente pela diversificação de lábios, arcadas dentárias e cavidade bucal.

  • a confusão sobre qual a melhor palheta, boquilha ou embocadura a ser usada pelo saxofonista é também comum em outros instrumentos de sopro, como o clarinete, flauta transversal, trompete, trombone, oboé, etc. isso porque somos diferentes e temos respostas diferentes ao que somos expostos.
    podemos classificar a embocadura do sax em dois grupos básicos: alguns saxofonistas adotam o apoio dos dentes superiores na boquilha e outros não, sendo que cada um dos estilos tem suas próprias variantes.
    não estou afirmando que devemos ter maneiras diferentes de fazer a embocadura, mas sim falando que, em minha experiência como professor aqui e fora do brasil, pude observar as diversas embocaduras adotadas pelos saxofonistas, profissionais ou amadores, e cada tipo tem suas qualidades

  • A diferença básica entre os dois tipos de embocadura é: O apoio dos dentes superiores na boquilha

    a diferença básica entre os dois tipos de embocadura é: o apoio dos dentes superiores na boquilha

    uma corrente de saxofonistas adota e usa o apoio dos dentes. outros, em vez de usar o dente, utilizam o lábio para dar firmeza à embocadura, o que não acontece, pois o lábio não tem a consistência de um dente.
    você deve estar se perguntando: qual é a melhor embocadura? se você tem essa dúvida, é porque ainda está usando o lábio. quem usa o apoio dos dentes não tem essa dúvida! veja a figura abaixo.

  • A grande confusão

    a grande confusão

    a confusão começou há muito tempo, quando o brasil era escasso em métodos e bons professores. havia (e existe até hoje) um método importado ­ que eu não vou citar, é claro ­, um dos mais conhecido para saxofone, adotado pelas escolas , conservatórios e igrejas evangélicas. sua explicação de como se fazer a embocadura é um absurdo, uma aberração musical, embora tenha exercícios escritos que são gostosos de executar.
    quantos músicos tiveram arruinada a sua carreira pelo uso deste "método" de se fazer a embocadura sem o uso dos dentes superiores no apoio da boquilha? ele indica somente o apoio dos lábios superiores e inferiores voltados para dentro, seguido de um golpe seco com a língua para fazer vibrar a palheta e produzir o som com a sílaba "tu". que falta de informação! veja a figura 2.

  • professores que confiaram nesse método não tiveram e nunca teriam a intenção de ensinar errado. simplesmente, eles não conhecem outra maneira de fazer embocadura, e isso é muito triste.
    que fique claro que minha intenção é ajudar a mudar esse quadro em nosso país. para isso, precisamos se conscientizar do problema e, principalmente, como tratá-lo. posso afirmar, porém, que é crescente o número de saxofonistas que adotam e mudam sua embocadura para o apoio dos dentes. prova disso são os novos saxofonistas evangélicos, com destaque em bandas gospel, todos eles donos de uma ótima técnica e sonoridade

  • Como deve ser a embocadura?

    como deve ser a embocadura?

    o uso dos lábios é aconselhável somente para quem não tem os dentes superiores ou possui algum tipo de ponte móvel ou algum outro problema com a raiz do dente. consulte um dentista e mostre o seu problema em relação à boquilha. se necessário, peça ao seu professor para conversar com o dentista para expor como é feito esse apoio dos dentes na boquilha ou mostre esta matéria com os desenhos das embocaduras, pois isto pode ajudá-lo a encontrar uma solução para seu problema. não é necessário morder a boquilha e, mesmo que você use uma dentadura, ponte móvel ou dente postiço, isso não é impedimento para o uso da embocadura de apoio com os dentes. esse apoio só deverá ser evitado caso venha trazer algum dano à sua saúde. sem esses sintomas, você deve usar o apoio dos dentes superiores na boquilha.
    caso venha sentir algum tipo de dor, consulte seu dentista pois isso não é normal, e você pode estar com algum problema.

  • Posição da boquilha na boca

    posição da boquilha na boca

  • Apoiando os dentes superiores na boquilha

    apoiando os dentes superiores na boquilha

    quando somente usamos os lábios para segurar a boquilha em nossa boca, sem o uso dos dentes superiores, a afinação fica seriamente comprometida em passagens rápidas ou de intervalos distantes, e o músico não tem domínio dos graves e tampouco dos agudos, pois não trabalha os harmônicos, que necessitam da precisão de abertura feita com o apoio dos dentes (tanto para os graves como para os agudos). desse modo, a sonoridade é pequena e a resistência superbaixa. se, ainda assim, o músico tira um som bonito, não se engane! o efeito dura pouco, pois o lábio não tem resistência para manter o som ou segurar a afinação


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 30,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • COMO TOCAR SAX? TECNICAS PARA INICIANTES
  • INDICE
  • As diferentes embocaduras do Sax
  • A diferença básica entre os dois tipos de embocadura é: O apoio dos dentes superiores na boquilha
  • A grande confusão
  • Como deve ser a embocadura?
  • Posição da boquilha na boca
  • Apoiando os dentes superiores na boquilha
  • O atrito com os dentes
  • Mantendo o apoio dos dentes
  • Encontrando a altura certa da correia
  • Teste do tudel
  • Como saber se sua embocadura está firme
  • Como saber se estamos tocando com a embocadura relaxada
  • Os super agudos do sax
  • 1ª parte - Boquilhas
  • 2ª Parte - Palhetas
  • 3ª Parte - Embocadura
  • 4ª Parte - Afinação