Curso Online de O VISUALISMO - MOVIMENTO PÓS-MODERNO
5 estrelas 1 aluno avaliou

Curso Online de O VISUALISMO - MOVIMENTO PÓS-MODERNO

Primeira parte: Integração da vida do escritor. Dissertação: Etnia do Movimento Pós-moderno Primeiro livro: momentos... (Registro: 01/...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 31 horas

Por: R$ 38,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Primeira parte:
Integração da vida do escritor.

Dissertação: Etnia do Movimento Pós-moderno
Primeiro livro: momentos... (Registro: 01/02/1. 996).
Tope 01/A (Vocação)
Tope 01/B (A busca de conteúdo interior)
Tope 01/C (Etnia vocacional)

Segundo livro: Espelhos de sol (Registro: 15/01/1. 999).
Tope 02 (Conclusão vocacional do escritor)

Terceiro livro: As barcas de Derlim (Registro: 18/06/2. 001).
Tope 3 (Visualismo do mundo externo)

Quarto livro: Um cálix de sol (Registro: 18/06/2. 001).
Tope 4 (Busca do eu, que ficou aos doze anos).

Quinto livro: Tratados do surrealismo Registro: 17/02/2006
Tope 5 (A Ciência das artes)

Sexto livro: comportamento humano (Registro: 17/02/2. 006).
Tope 06/A (Contextos com a realidade humana)
Tope 06/B (O racismo)
Tope 06/C (A desenhista)

Sétimo livro: caminhos de ferro
Tope 07 (Visualização amorosa)

Oitavo livro: sessão histórica de nina spear
Tope 08 (Os altos e baixos de Nina)

Nono livro: ciclo dos 1.700 Sonetos
Tope 09 (O visualismo em sonetos)

Segunda parte:
O Visualismo dentro das duas Eras existentes
O Visualismo dos cinco sentidos humanos (mais o sexto)...
1. Audição
2. Visão
3 e 4. Olfato e Paladar
5. Tato
6. Sexto sentido
Apologia aos inventores científicos.

Terceira parte:
100 Sonetos pós-modernos:
(1 sextilha, 1 quintilha, 1 quadra e 1 terceto).

Quarta parte:
Trecho escolhido pelo escritor.

José Vieira Cabral Nasceu no dia 25 de agosto de 1.960 em Xambrê, Paraná, viveu ali até os seus oito anos de idade e depois os seus pais se mudaram para Maringá no mesmo Estado. E aos 19 anos mudou-se para São Caetano do Sul, Região do Grande ABC, São Paulo, onde permanece até o presente momento. O Autor/produtor foi comerciante a maior parte de sua vida, mas também trabalhou como empregado em algumas Empresas: Foi Administrativo e Encarregado de obras Civis, tendo como formação (Mestria em Construção Civil) e, mais de 100 Cursos de diversas áreas. Como Escritor e pesquisador escreveu diversas Obras Literárias e Didáticas: É fundador da Livraria e Editora Virtual Cabral Veríssimo (seu nome artístico) e pertencente ao Clube de autores. O seu Site:(ciacabralverissimo.loja2.com.br), onde produz os seus Livros e Cursos online para a plataforma da (www.buzzero.com/autores/jose-cabral).


- Aline Souza Santos

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • Certificado de Registro
    (Averbação)
     
    Fundaçăo
    BIBLIOTECA NACIONAL
    MINISTÉRIO DA CULTURA
    313 páginas
    Curso:
    31 horas de duração

    O VISUALISMO
    Movimento pós-moderno

     Todos os direitos
    Reservados do Autor
    José Vieira Cabral,
    CABRAL VERÍSSIMO,
    Autoria.
     
    Livraria e Editora Virtual
    Cabral Veríssimo i-Ltda.
    São Caetano do sul – SP
    CNPJ: 17.698.240/0001-04
     
    http://cabralverissimo.loja2.com.br
    cabralverissimo@yahoo.com.br

  • Índice:
      
    Tema Página
    Visualismo maior........................................................................... 004
    Introdução...................................................................................... 005
     
    Primeira parte:
    Integração da vida do escritor.
    .
    Dissertação: Etnia do Movimento Pós-moderno.......................... 006
    Primeiro livro: momentos... (Registro: 01/02/1. 996).
    Tope 01/A (Vocação).................................................................... 007
    Tope 01/B (A busca de conteúdo interior).................................... 008
    Tope 01/C (Etnia vocacional)... 009
     
    Segundo livro: Espelhos de sol (Registro: 15/01/1. 999).
    Tope 02 (Conclusão vocacional do escritor)................................ 012
     
    Terceiro livro: As barcas de Derlim (Registro: 18/06/2. 001).
    Tope 3 (Visualismo do mundo externo)....................................... 013
     

  • Quarto livro: Um cálix de sol (Registro: 18/06/2. 001).
    Tope 4 (Busca do eu, que ficou aos doze anos)........................... 014
     
    Quinto livro: Tratados do surrealismo Registro: 17/02/2006
    Tope 5 (A Ciência das artes).................................................. 015
     
    Sexto livro: comportamento humano (Registro: 17/02/2. 006).
    Tope 06/A (Contextos com a realidade humana)......................... 027
    Tope 06/B (O racismo)................................................................. 032
    Tope 06/C (A desenhista)............................................................. 034
     
    Sétimo livro: caminhos de ferro
    Tope 07 (Visualização amorosa).................................................. 037
     
    Oitavo livro: sessão histórica de nina spear
    Tope 08 (Os altos e baixos de Nina)............................................. 043
     
    Nono livro: ciclo dos 1.700 Sonetos............................................. 044
    Tope 09 (O visualismo em sonetos)............................................. 046
     

  • Segunda parte:
    O Visualismo dentro das duas Eras existentes............................. 048
    O Visualismo dos cinco sentidos humanos (mais o sexto)...
    1. Audição.................................................................................... 049
    2. Visão......................................................................................... 051
    3 e 4. Olfato e Paladar.................................................................. 077
    5. Tato........................................................................................... 075
    6. Sexto sentido............................................................................ 073
    Apologia aos inventores científicos.................................... 074 a 076
     
    Terceira parte:
    100 Sonetos pós-modernos:
    (1 sextilha, 1 quintilha, 1 quadra e 1 terceto)...................... 077 a 186
     
    Quarta parte:
    Trecho escolhido pelo escritor............................................. 187 a 230
     

  • Visualismo maior
     
    Todo o ser humano é criatura de Deus! Deus fez os céus e a terra e tudo o que há no seu Universo visto pela a criatura (Seja ela boa ou má); e fez também Deus, Universos jamais vistos pelos os mortais... O diabo nada fez! Apenas se rasteja, tentando dar rasteiras nas obras que Deus as criou.
    Deus é dono dos céus e da terra, do ouro e da prata, das criaturas com seus corpos e espíritos... E dono, dos animais viventes que tem alma e morre, e nunca ressuscitará (porque Deus não o soprou às narinas, lhe pondo o espírito).
    Nada há em toda a história o Universo que não seja Deus que o fez! A ciência, a arte e as vocações, que inspira... Também os estudos e as buscas que fazem, nas evoluções, que se desfilam numa passarela de tempos e Eras de todos os estilos...
    Onde somente ele, O Criador, pode acompanhar a cada cadência e decadência humana, desde o principio de tudo.
     

  • Introdução
     A Era Literária é a divisão e codificação das obras literárias em determinado momento histórico; Falando No caso do Brasil, tivemos ai duas Eras Literárias:
    Sendo a primeira - a Era Colonial: correspondente às obras produzidas no Brasil colônia, de 1500 a 1822, com a Literatura de Informação, referindo-se a literatura dos Jesuítas, e a escola Literária do Barroco e do Arcadismo com um período de transição chamado Pré-Romantismo e, a segunda:
    - Era Nacional, correspondente às obras produzidas depois da independência até os nossos dias, onde aparece a Escola, Romântica, Realista, Simbolista e Moderna (Modernismo).
    Muitos estudiosos dão a replica aos críticos, que chamam a produção contemporânea de Pós – Modernismo. Porém, isso é realmente uma visão autêntica do que está ai, quais os dois trilhos de uma linha férrea, que se aparelha:
    - De um lado: as linhas então terminando, e d’outro: estão começando para prosseguir a viagem... Tem-se por certo, que ambos os lados estão adequados ao espaço (terminal e inicial).
    O Visualismo Pós-moderno já entra como a terceira “Era literária”; Onde a visão de alguns alcança somente até a ponta da linha... Mas a outra visão, do apurado visualismo, prossegue mais à frente, vendo o terminal e inicio de uma terceira fase, dessa divisão sistemática de “Eras”.
    - O visualismo Pós-moderno, inicia uma nova divisão sucessora com os renovos sistemáticos e atualizados ao comportamento humano que prossegue a linha do futuro inevitável dessa nossa espécie.
     

  • Primeira parte
    (Dissertação)

    Etnia do Movimento Pós-moderno:
     
    O visualismo pós-moderno, ainda sustenta a carga da evolução pré-moderna, acrescida de conquistas de ponta na qual o modernismo o traz consigo, em honrados ombros envelhecidos, devido às coisas repetidas frisando a sua existência: mas quanto às inovações artística, científica e etc., os novos rebentos já frisam o nascimento de uma “Nova Era” onde o visualismo pós-moderno, se revela!
    E como se justifica isso? Na demonstração de apuros visuais de formas e materiais aplicados num movimento unânime da geração contemporânea: não só em obras artísticas e cientificas e, etc., mas na própria manifestação de vida humana e suas coisas complementares...
    Há nessa geração um suspiro esvoaçador... Revelando exigências de perfeição em tudo que transita a vida ao consumo de roupas e objetos e, etc. (extraída do apuro de um espírito perceptível).
    Observa-se... O invoco instalado na intuição pós-moderna espalhada no mundo inteiro; que por um lado, honra o “pai modernismo” (já um cansado da sobrecarga de ideias antigas); e por outro lado, já acrescentando as últimas visualizações globais com o afinco do “pós”.

  • O visualismo é um movimento que honra tudo isso (sobrevivendo daí) qual o filho, que sendo ajudado pelo o pai conclui os seus estudos, mas sempre procurando gerar coisas novas, indispensáveis para a mudança já prognosticada pela a evolução dos tempos, sobreposta aos sucessores do andamento...
    Nesse andamento, quem não pode voar... Que navegue, nade, pule, ande, role, rasteje, escorregue... Há um variado meio de locomoção de corpos (...). Para avançar ao menos um pouco, saindo do modernismo e, escorregando para o pós-modernismo numa manifestação de movimento visual de evolução da própria espécie humana.
    Diante a tal rebolo do tempo, tudo se evolui ou se acaba por uma consequência humana ou de natureza misteriosa, mas cada qual deverá fazer a sua parte dentro do espaço de existência de vida e, o espaço intelectual da vocação que possui.
    Algum trecho citado logo abaixo exprime segredos das chaves em que pude abrir cada obra, mostrando os seus significados individualmente, para depois conclui num autor resumo, um sumo com misturadas essências num só sabor: o visualismo pós-moderno.
    O visualismo começou em janeiro de 1. 994, com o livro momentos... (poesia de 112 páginas), que fora publicado em 1. 996.
    E isso, só se concluiu no dia 02/01/2. 010. Num sábado pela manhã, quando psicologicamente, sintetizava a visualização de nove livros.

  • Primeiro livro: momentos...
    (Registro: 01/02/1. 996).
      
    Tope 01/A
    (Vocação)
     
    Estava eu em horas paradas...
    Quando a solidão amortece a vida,
    Para reviverem tempos vividos;
    Quando então me surgiu um sol...
    E ele se inclinava e vinha rumo a sul,
    Sobejando-me raios dourados,
    Sob um céu azul,
    A me banhar com sábios talentos,
    Sobre os meus valores miúdos...
    - enriqueceu-me com ilustres conteúdos!...
    - Eram toques d’ ouro como lindas appoggiaturas,
    Fazendo do gemido a valiosa literatura!
    - Trago no peito hospitaleiro,
    A estética de um poeta brasileiro.

  • Síntese: A vocação verdadeira traz em si, o reflexo de uma visualização mística justaposta à visualização dos cinco sentidos...
    E as obras são testemunhas da sua existência (antes num campo invisível), mas depois visualizada no campo visível.
    É claro! Que no mundo invisível também poderá ser visualizada, mas unicamente por aqueles que são os portadores, numa posição mística do sexto sentido.
    A vocação imprime o resumo de cada episódio, vivido ou não, pois a realidade expressa artes e ciências... E, a ficção cria o inexistente de uma visualização oca... Ou ainda, com verdades boiando sobre salivas na língua, que sobe do queijo e desce do céu da boca.
    A alma inspirada se revela na fala, no olhar, no cheiro, no ver, no tato, no comer saboreando o gosto. Ai está o sentido de todas as vocações; Criando e edificando o mundo em castelos reais da evolução: Pulando e pulando... Sempre buscando novas criações e ajustes de melhoria naquilo que há em circulação existente.
     

  • Tope 01/B
    (A busca de conteúdo interior)

    Então, busquei conhecimentos profundos,
    Para ilustrar os meus próprios desígnios...
    Registrando os momentos!
    Mas considerei as expressões profundas...
    E as mais singelas, importantíssimas a nossa vida!
    - observei algumas almas...
    Que transbordavam o fulgor de preciosos momentos!
    E outras que, desfiguradas pela constante amargura...
    Quase inconsoláveis, exprimiam penosos gemidos...
     
    Às vezes me assento e debruço
    Ao encosto duma cadeira, cansado em sonhos!...
    Transbordando ideias recentes e antigas!
    E, com os olhos quase vendados,
    Pelas pálpebras umedecidas...
    Mergulho os meus pensamentos
    No íntimo dos tempos...
    Revivendo os momentos singelos e profundos...
    Para tirar dali, agros ou doces sumos,
    E derramar aos contextos poéticos.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 38,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • Primeira parte:
  • Integração da vida do escritor.
  • Dissertação: Etnia do Movimento Pós-moderno
  • Primeiro livro: momentos... (Registro: 01/02/1. 996).
  • Tope 01/A (Vocação)
  • Tope 01/B (A busca de conteúdo interior)
  • Tope 01/C (Etnia vocacional)
  • Segundo livro: Espelhos de sol (Registro: 15/01/1. 999).
  • Tope 02 (Conclusão vocacional do escritor)
  • Terceiro livro: As barcas de Derlim (Registro: 18/06/2. 001).
  • Tope 3 (Visualismo do mundo externo)
  • Quarto livro: Um cálix de sol (Registro: 18/06/2. 001).
  • Tope 4 (Busca do eu, que ficou aos doze anos).
  • Quinto livro: Tratados do surrealismo Registro: 17/02/2006
  • Tope 5 (A Ciência das artes)
  • Sexto livro: comportamento humano (Registro: 17/02/2. 006).
  • Tope 06/A (Contextos com a realidade humana)
  • Tope 06/B (O racismo)
  • Tope 06/C (A desenhista)
  • Sétimo livro: caminhos de ferro
  • Tope 07 (Visualização amorosa)
  • Oitavo livro: sessão histórica de nina spear
  • Tope 08 (Os altos e baixos de Nina)
  • Nono livro: ciclo dos 1.700 Sonetos
  • Tope 09 (O visualismo em sonetos)
  • Segunda parte:
  • O Visualismo dentro das duas Eras existentes
  • O Visualismo dos cinco sentidos humanos (mais o sexto)...
  • 1. Audição
  • 2. Visão
  • 3 e 4. Olfato e Paladar
  • 5. Tato
  • 6. Sexto sentido
  • Apologia aos inventores científicos.
  • Terceira parte:
  • 100 Sonetos pós-modernos:
  • (1 sextilha, 1 quintilha, 1 quadra e 1 terceto).
  • Quarta parte:
  • Trecho escolhido pelo escritor.