Curso Online de As principais psicoterapias: fundamentos teóricos, técnicas, indicações e contra-indicações.

Curso Online de As principais psicoterapias: fundamentos teóricos, técnicas, indicações e contra-indicações.

As principais psicoterapias: fundamentos teóricos, técnicas, indicações e contra-indicações.Traz um apanhado das principais linhas de psi...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 6 horas

Por: R$ 55,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

As principais psicoterapias: fundamentos teóricos, técnicas, indicações e contra-indicações.Traz um apanhado das principais linhas de psicoterapias,indicações às patologias mais vistas e suas sintomatologias, assim como reflexões sobre a postura e atribuições do Psicoterapeuta.

Graduada em Psicologia pela UFPI, especialista em Saúde Mental pela Flated e em Desenvolvimento Infantil e Comunicação Oral, ainda possui formação em Psicologia Hospitalar pela Fundação Valter Alencar e formação em Gestalt Terapia pela Exiztenze eventos.Trabalha como Psicóloga no Núcleo de Apoio à Saúde da Família - NASF e Psicoterapeuta Gestaltista em consultório particular, atendendo crianças, adolescentes, adultos e idosos.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • As Principais psicoterapias: Fundamentos Teóricos, Técnicas, Indicações e contra-indicações.

    Por: Tacyanna Carvalho

    As Principais psicoterapias: Fundamentos Teóricos, Técnicas, Indicações e contra-indicações.

  • Sumário

    Sumário

    Breve histórico sobre a origem, evolução e elementos característicos das psicoterapias
    Psicoterapias baseadas na teoria psicanalítica
    2.1. Psicanálise
    2.2. Psicodinâmica
    Terapia de apoio
    Terapia interpessoal
    Terapia comportamental
    Terapia cognitiva comportamental

  • O que é Psicoterapia?

    O que é Psicoterapia?

    É um método de tratamento mediante o qual um profissional treinado, valendo-se de meios psicológicos, especialmente a comunicação verbal e a relação terapêutica, realiza, deliberadamente, uma variedade de intervenções, com o intuito de influenciar um cliente ou paciente, auxiliando a modificar problemas de natureza emocional, cognitiva e comportamental, já que ele o procurou com essa finalidade (Strup,1978, p. ).

  • 1. Breve histórico sobre a origem, evolução e elementos característicos das psicoterapias;

    1. Breve histórico sobre a origem, evolução e elementos característicos das psicoterapias;

  • Eysenck (efeito da psicoterapia era devido a simples passagem do tempo e não decorrentes da técnicas utilizadas);

    Carl Rogers (os efeitos da terapia não eram devido a técnica especificas de cada modelo e sim decorrentes de fatores intrínsecos à relação humana que se estabelecia em qualquer terapia).

  • Na atualidade existe um consenso de que as terapias são efetivas.

    Na atualidade existe um consenso de que as terapias são efetivas.

  • Elementos característicos específicos de cada psicoterapia;
    Elementos característicos comuns às psicoterapias:

  • 2. Terapias baseadas na teoria psicanalítica

    2. Terapias baseadas na teoria psicanalítica

    2.1. Psicanálise
    Fundamentos Teóricos
    ΨA Dividir a mente.

    Três significados:
    Um conjunto de teorias psicológicas sobre o funcionamento mental, formação da personalidade e de aspectos do caráter;
    Um método ou procedimento de investigações dos conteúdos mentais;
    Um método psicoterápico que se propõe a efetuar modificações no caráter.

  • Início

  • A técnica da Psicanálise

    Presença de um divã;
    Terapeuta senta-se às costas do paciente;
    Não há contato visual direto;
    O paciente é orientado a expressar livremente e sem censura seus pensamentos, sentimentos fantasias, sonhos, imagens, assim como as associações que lhe ocorrem sem prejulgar sua relevância ou significado;

  • A técnica da Psicanálise

    O terapeuta faz o paciente observar algumas conexões entre fatos de sua vida mental (interpretação), particularmente emoções ou fantasias relacionadas com a pessoa do terapeuta (transferência) que passam despercebidas, e refletir sobre seu significado subjacente (inconsciente).
    Neurose de transferência;
    Elaboração;
    Utilizam-se quatro sessões por semana, que duram de 45 a 50 minutos.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 55,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • As Principais psicoterapias: Fundamentos Teóricos, Técnicas, Indicações e contra-indicações.
  • Sumário
  • O que é Psicoterapia?
  • 1. Breve histórico sobre a origem, evolução e elementos característicos das psicoterapias;
  • Na atualidade existe um consenso de que as terapias são efetivas.
  • 2. Terapias baseadas na teoria psicanalítica
  • Indicações :
  • Objetivos:
  • Pré-requisitos que o paciente deve ter:
  • 3. Terapia de apoio
  • Técnica
  • 4. Terapia interpessoal
  • Fundamentos
  • Técnica
  • Foco da TIP
  • Como acontece a avaliação do paciente na TIP?
  • O terapeuta interpessoal em algumas situações
  • Indicações e contra-indicações da TIP
  • 5. Terapia comportamental
  • 6. Terapia cognitiva comportamental
  • Dicas de leitura: Cordioli, A. V. As principais psicoterapias: fundamentos teóricos, técnicas, indicações e contra-indicações. In Cordioli, A. V (Org.), Psicoterapias: abordagens atuais. Porto Alegre: Artmed; 2008, 19-41.   Cordioli, A. V. e Giglio, L. Como atuam as psicoterapias: os agentes de mudança e as principais técnicas de intervenções psicoterápicas. In Cordioli, A. V (Org.), Psicoterapias: abordagens atuais. Porto Alegre: Artmed; 2008, 42-57.   Gerrig, R. J. e Zimbardo, P. G. A Psicologia e a vida. Porto Alegre: Artmed, 2005.   Huffman, K., Vernoy, M. e Vernoy, J. Psicologia. São Paulo: Atlas, 2003.   Isolan, L., Pheula, G. e Cordioli, A. V. Fatores comuns e mudança em psicoterapia. In Cordioli, A. V (Org.), Psicoterapias: abordagens atuais. Porto Alegre: Artmed; 2008, 58-73.
  • Bons Estudos!!!