Curso Online de A CONTRIBUIÇÃO DA NEUROCIÊNCIA NO BRINCAR DURANTE O DESENVOLVIMENTO INFANTIL

Curso Online de A CONTRIBUIÇÃO DA NEUROCIÊNCIA NO BRINCAR DURANTE O DESENVOLVIMENTO INFANTIL

O brincar é atividade importantíssima para a criança, desenvolvendo sua identidade e autonomia. A Neurociência contribui no entendimento...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 12 horas

De: R$ 40,00 Por: R$ 25,00
(Pagamento único)

Mais de 0 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

O brincar é atividade importantíssima para a criança, desenvolvendo sua identidade e autonomia.
A Neurociência contribui no entendimento de quais áreas do cérebro são ativadas durante a brincadeira e como isso interfere no desenvolvimento de crianças de 0 a 3 anos, pois nas brincadeiras as crianças podem desenvolver algumas capacidades importantes, tais como a atenção, a imitação, a memória, a imaginação.
Este curso objetiva verificar como o brincar colabora no desenvolvimento das crianças, a partir da definição de Neurociência e plasticidade cerebral, buscando relacionar Neurociência e o brincar.
O curso aponta como a Neurociência pode contribuir para o entendimento da importância do brincar para crianças de 0 a 3 anos.


Resumo
Introdução
Os processos lúdicos no ensino e aprendizagem
O brincar no desenvolvimento infantil
O brincar no ensino e aprendizagem
O jogo e o processo de aprendizagem
Características do desenvolvimento infantil na neurociência
O brincar e o desenvolvimento infantil
A prática pedagógica com auxílio da Neurociência
Neurociência e o lúdico na educação Infantil
CONSIDERAÇÕES FINAIS

Formação Acadêmica:Pedagogia Especialização em: Psicologia e Saúde Mental Educação à Distância Metodologia da Pesquisa



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.
  • A CONTRIBUIÇÃO DA NEUROCIÊNCIA NO BRINCAR DURANTE O DESENVOLVIMENTO INFANTIL

    A CONTRIBUIÇÃO DA NEUROCIÊNCIA NO BRINCAR DURANTE O DESENVOLVIMENTO INFANTIL

    Raquel Sampaio

  • Resumo

    Resumo

    O brincar é atividade importantíssima para a criança, desenvolvendo sua identidade e autonomia.
    A Neurociência contribui no entendimento de quais áreas do cérebro são ativadas durante a brincadeira e como isso interfere no desenvolvimento de crianças de 0 a 3 anos, pois nas brincadeiras as crianças podem desenvolver algumas capacidades importantes, tais como a atenção, a imitação, a memória, a imaginação.

  • Este curso objetiva verificar como o brincar colabora no desenvolvimento das crianças, a partir da definição de Neurociência e plasticidade cerebral, buscando relacionar Neurociência e o brincar.
    O curso aponta como a Neurociência pode contribuir para o entendimento da importância do brincar para crianças de 0 a 3 anos.

  • INTRODUÇÃO

    INTRODUÇÃO

    O ato de brincar é uma importante forma de comunicação, meio pelo qual a criança pode reproduzir o seu cotidiano, assim as brincadeiras infantis possibilitam o processo de aprendizagem, facilitam a construção da reflexão, da autonomia e da criatividade, estabelecendo uma relação entre jogo e aprendizagem.

  • Para ressaltarmos a importância do brincar no desenvolvimento integral do ser humano nos aspectos físico, social, cultural, afetivo, emocional e cognitivo se faz necessário conscientizar pais, educadores e a sociedade em geral sobre a ludicidade vivenciada na infância, mostrar que o brincar faz parte de uma aprendizagem prazerosa, não sendo somente lazer, mas um ato de aprendizagem.

  • Neste contexto, o brincar na educação proporciona estabelecer regras para si e par ao outro, contribuindo na integração do indivíduo na sociedade.

    A criança resolve conflitos e elabora hipóteses sobre o mundo que a cerca e, ao mesmo tempo, desenvolve a capacidade de compreender, de fazer-se entender e demonstrar suas opiniões.

    É importante incentivar a capacidade criadora das crianças, nas formas de relacionamento e na perspectiva da lógica infantil.

  • Nesse sentido, o objetivo central deste estudo é verificar como o brincar colabora no desenvolvimento das crianças, a partir da definição de Neurociência e plasticidade cerebral, buscando relacionar Neurociência e o brincar.
    Espera-se que este estudo aponte como a Neurociência pode contribuir para o entendimento da importância do brincar para crianças de 0 a 3 anos.

  • A ludicidade tem conquistado espaço principalmente na educação infantil, por ser o brinquedo um artefato social que simboliza a essência da infância e permite um trabalho pedagógico que possibilita a produção do conhecimento, da aprendizagem e do desenvolvimento.

    Os jogos e brinquedos fazem parte da vida da criança já que elas vivem em um mundo de fantasia, de encantamento, de sonhos onde a realidade e o faz de conta muitas vezes se entrelaçam.

  • O lúdico não é a única alternativa no intercambio ensino-aprendizagem, mas é uma ponte que auxilia na melhoria dos resultados.
    A partir disso, vamos tornar evidente a importância do “lúdico” e os jogos, os brinquedos e as brincadeiras podem ser importantes para o desenvolvimento e para a aprendizagem das crianças, destacando a questão dos gêneros.

  • Os processos lúdicos no ensino e aprendizagem

    Os processos lúdicos no ensino e aprendizagem

    O sujeito se constitui nas relações com os outros, por meio de atividades caracteristicamente humanas, que são mediadas por ferramentas técnicas e semióticas.
    Nesta perspectiva, a brincadeira infantil assume uma posição privilegiada para a análise do processo de constituição do sujeito, rompendo com a visão tradicional de que ela é uma atividade natural de satisfação de instintos infantis.

  • Quando brinca, a criança prepara-se para a vida, pois é através de sua atividade lúdica que ela vai tendo contato com o mundo físico e social, bem como vai compreendendo como são e como funcionam as coisas.
    Assim, quando a criança brinca, parece mais madura, pois entra, mesmo que de forma simbólica, no mundo adulto que cada vez se abre para que ela lide com as diversas situações.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 25,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • A CONTRIBUIÇÃO DA NEUROCIÊNCIA NO BRINCAR DURANTE O DESENVOLVIMENTO INFANTIL
  • Resumo
  • INTRODUÇÃO
  • Os processos lúdicos no ensino e aprendizagem
  • O brincar no desenvolvimento infantil  
  • O brincar no ensino e aprendizagem
  • O jogo e o processo de aprendizagem  
  • Características do desenvolvimento infantil na neurociência  
  • O brincar e o desenvolvimento infantil
  • A prática pedagógica com auxílio da Neurociência
  • Neurociência e o lúdico na educação Infantil  
  • CONSIDERAÇÕES FINAIS