Curso Online de Biologia Geral

Curso Online de Biologia Geral

Muita teoria e exercícios de biologia.

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 30 horas


Por: R$ 24,90
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Muita teoria e exercícios de biologia.

Mestre em alimentos e nutrição. Especialista em nutrição clínica e esportiva, gerontologia e qualidade de vida e metodologia de ensino de biologia e química. Professor de ciências e biologia. Bacharel em bioquímica com ênfase no entendimento de ciências dos alimentos, fitoterapia, nutrição e ensino após cursar disciplinas eletivas referentes a estas áreas e fazer estágios no decorrer da graduação.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa. Os certificados são impressos em papel de gramatura diferente e com marca d'água.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.

Modelo de certificados (imagem ilustrativa):

Frente do certificado Frente
Verso do certificado Verso
  • Biologia

    Pressão arterial é a pressão exercida pelo sangue contra a parede das artérias. Em um adulto com boa saúde, a pressão nas artérias durante a sístole ventricular pressão sistólica ou máxima é da ordem de 120 mmHg (milímetros de mercúrio). Durante a diástole, a pressão diminui, ficando em torno de 80 mmHg; essa é a pressão diastólica ou mínima.
    https://www.diferenca.com/sistole-e-diastole/

  • Introdução à Biologia

  • Obtenção de energia pelos primeiros habitantes da Terra

    São diversas as correntes de estudos sobre a origem da obtenção de energia dos seres vivos, e a hipótese autotrófica é a mais aceita atualmente. Ela defende que os primeiros seres vivos eram capazes de sintetizar seus próprios alimentos, uma vez que na Terra primitiva não havia a disponibilidade de moléculas orgânicas. Essa síntese era realizada dentro dos próprios organismos e foi chamada de quimiossíntese, em que as moléculas inorgânicas eram unidas e, por meio das reações químicas, havia a produção de energia para a manutenção da vida.
    Esses processos autotróficos foram evoluindo e surgiu a fotossíntese, um processo em que os vegetais e alguns outros seres vivos produzem seu alimento utilizando a luz solar, a água e o gás carbônico.
    Com decorrer da evolução, também surgiram os heterótrofos, que são os seres vivos que precisam da ingestão de matéria orgânica produzida por outros organismos para a manutenção de suas vidas biológicas.

  • As células se estruturam a partir de átomos unidos por ligações químicas, ou seja, são constituídas de moléculas os átomos necessários para formar moléculas são encontrados no meio ambiente e a energia necessária para ligar esses átomos é proveniente do sol percebemos, então, que a estrutura de uma célula e, portanto, de todos os organismos vivos, nada mais é do que matéria e energia, organizada em quatro tipos de macromoléculas: carboidratos, lipídeos, proteínas e ácidos nucleicos.

  • Os seres vivos, estudados através da classificação biológica, podem ser compreendidos a partir de sua variedade de características e funções, ou seja, a biodiversidade Essa se relaciona a estruturas e funções que ocorrem em diferentes níveis de organização (célula, tecido, órgãos, sistemas) As espécies autótrofas atuam como produtoras e as heterótrofas, como consumidoras Então, os seres heterótrofos só conseguem sobreviver, porque se alimentam da matéria e da energia disponibilizada pelos produtores, por meio da alimentação e da respiração Os consumidores degradam as moléculas dos tecidos que digerem (carboidratos, lipídeos, proteínas e ácidos nucleicos), devolvendo os átomos à natureza, para realimentarem o ciclo de transferência de matéria e energia.

  • Reino Monera: Esse reino engloba todos os organismos procariontes existentes, ou seja, todos os organismos que não apresentam núcleo delimitado por membrana nuclear. Nesse grupo, todos os representantes também são unicelulares, e o modo de nutrição pode ser autotrófico ou heterotrófico. Como exemplo de representantes do Reino Monera, podemos citar as bactérias e as cianobactérias.

  • A organização celular de eucariotos e procariotos difere em vários aspectos funcionais e estruturais, como número de organelas. Considerando essa definição, assinale a alternativa que descreve apenas organismos classificados como procariotos.
    Prova Ciências - Pref. de Araçoiaba/PE-2021
    A

  • Reino Protista: Esse reino, que atualmente é chamado de Protoctista, engloba seres unicelulares e pluricelulares, eucariontes, autotróficos ou heterotróficos. Como exemplo de representantes desse reino, podemos citar algas uni e multicelulares e protozoários.

  • Reino Fungi: Esse reino engloba organismos unicelulares e multicelulares, eucariontes e heterotróficos. Como exemplo, podemos citar os bolores, cogumelos e leveduras.

  • Reino Plantae ou Metaphyta: Esse reino inclui organismos multicelulares, eucariontes e autotróficos, ou seja, que produzem seu alimento. Como exemplo, podemos citar as hepáticas, as avencas, os pinheiros e os ipês.

  • Reino Animalia ou Metazoa: Nesse reino estão organismos multicelulares, eucariontes e heterotróficos. Como exemplo de representantes, podemos citar o homem, as esponjas, as águas-vivas e os peixes.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 24,90
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • Introdução à Biologia
  • Bioquímica
  • Citologia
  • Cromossomos
  • Complexo de Golgi
  • Mitocôndrias
  • Imunologia
  • Tecido Conjuntivo
  • Macrófagos
  • Mastócitos
  • Tecido Ósseo
  • Imunologia
  • O Sistema Imune
  • Fisiologia Humana
  • Microbiologia Geral
  • Bactérias
  • Fungos
  • Vírus
  • Zoologia
  • Botânica
  • Consumo Diário de Fitoquímicos e Saúde
  • Ecologia
  • Evolução
  • Introdução à Genética