Curso Online de Fatores que Modifica o Efeito Terapêutico

Curso Online de Fatores que Modifica o Efeito Terapêutico

Esse curso, fala sobre segurança do trabalho, uso de Epis, e explicações sobre bulas de medicamentos

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 2 horas

Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Esse curso, fala sobre segurança do trabalho, uso de Epis, e explicações sobre bulas de medicamentos

Sou farmacêutica, mestre e atualmente faço doutorado, tenho experiência em farmacia comercial, hospital e como professora.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • Fatores que modificam o efeito farmacológico

    fatores que modificam o efeito farmacológico

  • fatores dependentes do meio ambiente
    luz e temperatura:
    ruído: pode provocar convulsões no paciente intoxicado pela estricnina, bem como retardar ou impedir que pacientes medicados com hipnóticos adormeçam.

  • fatores dependentes da droga
    dose: quanto maior a for a dose, maior será a intensidade do efeito (relação quantitativa).
    propriedades físico – químicas: as propriedades físico-químicas da droga, tais como solubilidade, estado físico, difusibilidade são determinantes para o seu uso e a sua atividade farmacológica.
    forma farmacêutica: podem influenciar a velocidade de absorção de uma substância e a velocidade de dissolução, tendo variação nas velocidades de desintegração do sólido. a desintegração tem-se: solução aquosa> suspensão> pó> cápsula> comprimido> drágea.
    vias de administração: influenciam na velocidade de absorção das drogas.

  • fatores dependentes do organismo
    espécie animal
    sexo: fêmeas são mais susceptíveis que os machos a numerosas drogas. em caso de mulheres grávidas recomenda-se reduções de dose pra evitar efeitos indesejáveis sobre o embrião ou feto.

  • idade:
    peso corpóreo:
    estado nutricional e patológico: o estado de subnutrição ou a presença de doença principalmente hepática reduzem a atividade metabolizadora do fígado.

  • fatores genéticos: a idiossincrasia é o fenômeno que ocorre quando uma resposta anormal do indivíduo é determinada por alterações genéticas.

  • efeitos indesejáveis das drogas
    efeitos tóxicos: são efeitos que dependem da quantidade excessiva de um fármaco, caracterizando o fenômeno da superdosagem.
    efeitos teratogênicos: são manifestações anormais do desenvolvimento fetal, geradas por fármacos administrados à gestante.
    efeitos de hipersensibilidade: são ocasionados por respostas anormais do sistema imune. são independentes de doses.

  • efeitos idiossincrásicos: são reações diferentes da das reações geralmente esperadas associadas a variações individuais geneticamente.
    efeitos paradoxais: são efeitos que se caracterizam pelo aparecimento de manifestações opostas às esperadas após o uso do fármaco.
    efeito rebote: ocorre quando a interrupção do uso da droga leva ao agravamento dos sintomas;
    síndrome da retirada: manifestações clínicas em decorrência da suspensão brusca de um fármaco usado em doses terapêuticas por tempo prolongado.

  • efeitos indesejáveis das drogas de abuso

    tolerância: é uma condição que se caracteriza pela resposta diminuída de uma droga quando a mesma está sendo usada continuadamente. aumentar progressivamente as doses destas drogas para manter a intensidade dos efeitos iniciais.
    dependência: pode ser de dois tipos:
    dependência física - distúrbios físicos quando se interrompe abruptamente a administração de uma droga.
    dependência psíquica - desejo emocional ou mental de tomar a droga para se sentir bem.
    síndrome de abstinência: conjunto de sinais e sintomas característicos que aparecem após a suspensão brusca de uma droga utilizada em altas doses por tempo prolongado.

  • usos terapêuticos dos medicamentos
    antiespasmódicos: são medicamentos que combatem os espasmos. espasmos são contrações dolorosas de alguns músculos de nossos órgãos abdominais (estômago, intestino, rins, vesícula biliar e útero).
    ex: buscopan®

  • . psiquiatria
    antidepressivos: são medicamentos utilizados no tratamento de pessoas com sintomas de transtorno depressivo. ex: fluoxetina.
    psicoestimulantes: são drogas que agem estimulando as funções do snc. ex: cafeína, cocaína e anfetaminas.
    sedativos e ansiolíticos:são drogas sintéticas usadas para diminuir a ansiedade e a tensão.ex: diazepam.
    v. antibióticos
    são tratamento de infeções virais (provocadas por vírus) é ineficaz por antibióticos.
    os principais grupos de antibióticos são:
    penicilinas - ex: penicilina, ampicilina, amoxicilina etc.
    cefalosporinas - são antibióticos resistentes à enzima betalactamase (produzida por bactérias pra destruir o antibiótico.ex: cefalotina, cefalexina, cefaclor e etc.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • Fatores que modificam o efeito farmacológico