Curso Online de PATOLOGIA GERAL

Curso Online de PATOLOGIA GERAL

CURSO DESCREVE SOBRE O QUE É PATOLOGIA GERAL, VOLTADO PARA ÁREA DA SAÚDE. LESÃO E ADAPTAÇÃO CELULAR, OS TIPOS DE LESÃO CELULAR, AS PRINCI...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 8 horas

De: R$ 80,00 Por: R$ 55,90
(Pagamento único)

Mais de 0 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

CURSO DESCREVE SOBRE O QUE É PATOLOGIA GERAL, VOLTADO PARA ÁREA DA SAÚDE.
LESÃO E ADAPTAÇÃO CELULAR, OS TIPOS DE LESÃO CELULAR, AS PRINCIPAIS RESPOSTAS ADAPTATIVAS, OS TIPOS DE MORTE CELULAR, LESÃO CELULAR, NECROSE E SEUS TIPOS, GRANGRENA, APOPTOSE, INFLAMAÇÃO, SINAIS CARDINAIS, OS TIPOS DE INFLAMAÇÃO,E SUAS CARACTERÍSTICAS, ALTERAÇÕES VASCULARES E EVENTOS CELULARES.

Formada no curso de fisioterapia. Crítica, admiradora e sempre em busca de conhecimentos CURSOS: urgências e emergências; Raios x; DRY NEEDLING; Semiologia pediátrica; Reabilitação do complexo de ombro; Abordagem fisiotetapêutica em órteses e prótese; VENTILAÇÃO MECÂNICA EM PEDIATRIA; URGÊNCIAS EM PEDIATRIA.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.
  • PATOLOGIA GERAL

    PATOLOGIA GERAL

    Milian Oliveira

  • PATOLOGIA GERAL

    PATOLOGIA GERAL

    Aborda as reações básicas das células dos tecidos aos estímulos anormais relacionados as doenças.
    estudo das alterações estruturais e funcionais que ocorrem nas células, tecidos e órgãos decorrentes de doenças.

  • LESÃO E ADAPTAÇÃO CELULAR

    LESÃO E ADAPTAÇÃO CELULAR

    As células “ajustam” constantemente sua estrutura e função para se adaptarem as demandas de alterações e de estresse extracelular homeostase.
    Isso ocorre para que as mesmas continuem viáveis e funcionais.

  • As células sempre estão se adaptando ao meio em que estão inseridas.
    Estresses fisiológicos mais severos, e alguns estímulos patológicos, podem desencadear um grande número de adaptação celulares fisiológicos e morfológicos durante as quais são alcançados novos estados de estabilidade, porém alterados, preservados a viabilidade da célula.

  • Se a capacidade adaptativa é excedida (limite) ou se o estresse externo é nocivo ou incessante, desenvolver- se a lesão celular. A lesão celular pode ser:

    Reversível: as células retornam a um estado basal estável.
    Irreversível: leva a morte das células afetadas.

  • Adaptações celulares ao estresse

    Adaptações celulares ao estresse

    São alterações reversíveis em número, tamanho, fenótipo, atividade metabólica ou das funções celulares em resposta ás alterações no seu ambiente.
    Podem ser:
    Adaptações fisiológicas: ex: aumento da mama e útero na gravidez.
    Adaptações patólogicas: ex: aumento da próstata no câncer de próstata.

  • Adaptação, lesão reversível e morte celular, podem ser considerados estágios de um dano progressivo das funções e estruturas celulares normais.

  • As principais respostas adaptativas são:

    As principais respostas adaptativas são:

    hipertrofia
    hiperplasia
    atrofia
    metaplasia

  • Hipertrofia

    Hipertrofia

    Induzida por estresse mecânico ou por fatores de crescimento.
    aumento do tamanho da células aumento do tamanho do órgão;
    não existem células novas, são as mesmas aumentadas em volume.
    as células são incapazes de se dividirem. (não tem capacidade de realizar mitose; ex: células das fibras do miocárdio) .

  • Pode ser:

    Pode ser:

    Hipertrofia fisiológica: aumento do útero na gravidez, aumento da musculatura esquelética em praticantes de halterofilismo.
    Hipertrofia patológica: aumento do coração devido à hipertensão ou a doença de válvula aórtica.

  • Hiperplasia

    Aumento do número de células em resposta a hormônios e outros fatores de crescimento.
    Ocorre em tecidos cujas células são capazes de se dividirem.
    Pode ocorrer juntamente com a hipertrofia.

    Hiperplasia


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 55,90
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • PATOLOGIA GERAL
  • LESÃO E ADAPTAÇÃO CELULAR
  • Adaptações celulares ao estresse
  • As principais respostas adaptativas são:
  • Hipertrofia
  • Pode ser:
  • Hiperplasia
  • Hiperplasia fisiológica
  • Hiperplasia patológica
  • Atrofia
  • Podem ser:
  • Metaplasia
  • Lesão celular
  • Há dois tipos de morte celular:
  • Apoptose:
  • Causas da lesão celular
  • Lesão celular
  • MORFOLOGIA DA LESÃO CELULAR E TISSULAR
  • NECROSE TISSULAR
  • NECROSE DE COAGULAÇÃO
  • NECROSE DE LIQUEFAÇÃO
  • NECROSE CASEOSA
  • NECROSE GORDUROSA (OU ENZIMÁTICA)
  • GANGRENA
  • Evolução da necrose
  • APOPTOSE
  • INFLAMAÇÃO
  • SINAIS CARDINAIS
  • Mediadores inflamatórios:
  • Migração celular
  • INFLAMAÇÃO
  • Principais células envolvidas:
  • A inflamação pode ser : aguda ou crônica
  • Componentes principais da inflamação aguda:
  • Alterações vasculares
  • Eventos celulares
  • Estímulos para a inflamação aguda:
  • Resultados da inflamação aguda:
  • Padrões morfológicos da inflamação aguda
  • Padrões morfológicos na inflamação aguda
  • Padrões morfológicas da inflamação aguda
  • Inflamação crônica
  • Fatores desencadeantes da inflamação crônica:
  • Células da inflamação crônica
  • Resultados da inflamação crônica
  • Tipos de inflamação crônica
  • Efeitos sistêmicos da inflamação:
  • Mediadores de ação rápida
  • Mediadores de ação prolongada:
  • Obrigada!