Curso Online de ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM A HIPERTENSÃO ARTERIAL NA ATENÇÃO PRIMÁRIA

Curso Online de ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM A HIPERTENSÃO ARTERIAL NA ATENÇÃO PRIMÁRIA

O CURSO ENFOCA NA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM A HIPERTENSÃO ARTERIAL NA ATENÇÃO PRIMÁRIA

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 3 horas

De: R$ 40,00 Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Mais de 20 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

O CURSO ENFOCA NA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM A HIPERTENSÃO ARTERIAL NA ATENÇÃO PRIMÁRIA

ENFERMEIRO



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.
  • assistência de enfermagem a hipertensão arterial na atenção primária

    dyego silva dias

  • CONCEITO

    conceito

    é definida como uma pressão arterial sistólica maior ou igual a 140mmhg e uma pressão arterial diastólica maior ou igual a 90mmhg, em indivíduos que não estão fazendo uso de medicação anti-hipertensiva.

    doença crônica não transmissível, de natureza multifatorial e assintomática.

  • CLASSIFICAÇÃO

    classificação

    hipertensão essencial

    esf  diagnosticar, orientar e tratar os casos

    hipertensão secundária  encaminhar

  • CLASSIFICAÇÃO DA PRESSÃO ARTERIAL EM ADULTOS

    classificação da pressão arterial em adultos

  • normal – <90 e ≥140

    (iii congresso brasileiro de has)

  • MEDIDA DA PRESSÃO ARTERIAL

    medida da pressão arterial

    explicar o procedimento ao cliente, orientando-o que não fale, certificar-se que o mesmo está descansado a pelo menos 5 a 10 min. promover relaxamento para minimizar os efeito do “avental branco”;
    certificar-se de que o cliente não está com a bexiga cheia; não praticou exercícios físicos há 60-90 min; não ingeriu bebidas alcoólicas, café, alimentos, ou fumou até 30 min antes; e não está com as pernas cruzadas;
    utilizar manguito de tamanho adequado para cada tipo de cliente, cerca de 2 a 3 cm acima da fossa antecubital, centralizando a bolsa de borracha sobre a artéria braquial.

  • manter o braço do cliente na altura do coração, livre de roupas, com a palma da mão voltada para cima e cotovelo ligeiramente flertido;
    posicionar os olhos no mesmo nível da coluna de mercúrio ou do mostrador do manômetro aneróide.
    palpar o pulso radial e inflar o manguito até o seu desaparecimento, para a estimativa da pressão sistólica; desinflar rapidamente e aguardar um minuto antes de inflar novamente;

  • posicionar a campânula do estetoscópio suavemente sobre a artéria braquial, na fossa antecubital, evitando compressão excessiva.
    inflar rapidamente, de 10 em 10 mmhg, até ultrapassar, de 20 a 30 mmhg, o nível estimado da pressão sistólica. proceder a deflação, com velocidade constante inicial de 2 a 4 mmhg por segundo. após a identificação do som que determina a pressão sistólica, aumentar a velocidade para 5 a 6 mmhg para evitar congestão venosa e desconforto para o paciente.

  • auscultar cerca de 20 a 30 mmhg abaixo do último som para confirmar seu desaparecimento e depois proceder à deflação rápida e completa;
    registrar os valores obtidos, não arredondar os valores para dígitos terminados em zero ou cinco;
    esperar de 1 a 2 min antes de realizar novas medições;
    o cliente deve ser informado sobre os valores encontrados.

  • FATORES DE RISCO

    fatores de risco

    alimentação inadequada
    tabagismo
    uso excessivo de álcool
    obesidade
    estresse
    medicamentos
    sedentarismo
    idade  h: >55 e m: >65
    história familiar
    ocupação

  • CONSULTA DE ENFERMAGEM

    consulta de enfermagem

    anamnese:

    identificação
    hda
    investigação sobre fatores de risco
    história pregressa
    antecedentes familiares
    aspecto psicossocial
    avaliação dietética
    consumo de medicamentos
    atividade física


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • CONCEITO
  • CLASSIFICAÇÃO
  • CLASSIFICAÇÃO DA PRESSÃO ARTERIAL EM ADULTOS
  • MEDIDA DA PRESSÃO ARTERIAL
  • FATORES DE RISCO
  • CONSULTA DE ENFERMAGEM
  • EXAMES LABORATORIAIS
  • DIAGNÓSTICO
  • AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA E DECISÃO TERAPÊUTICA
  • DECISÃO TERAPÊUTICA SEGUNDO RISCO E PRESSÃO ARTERIAL
  • TRATAMENTO
  • CLASSES DE ANTI-HIPERTENSIVOS
  • FÁRMACOS ANTI-HIPERTENSIVOS
  • ESQUEMAS TERAPÊUTICOS
  • TRATAMENTO MEDICAMENTOSO
  • URGÊNCIA HIPERTENSIVA
  • EMERGÊNCIA HIPERTENSIVA
  • ATRIBUIÇÕES DO ENFERMEIRO
  • OBRIGADA !!!