Curso Online de Choque

Curso Online de Choque

Aprenda tudo sobre choque neurogênico, choque séptico, choque cardiogênico, choque anafilático e muito mais.

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 4 horas

Por: R$ 28,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Aprenda tudo sobre choque neurogênico, choque séptico, choque cardiogênico, choque anafilático e muito mais.


  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • CHOQUE

  • CONCEITO

    CONCEITO

    O choque é uma síndrome caracterizada por uma incapacidade do sistema circulatório em fornecer oxigênio e nutrientes aos tecidos de forma a atender as suas necessidades metabólicas.

    DESEQUILÍBRIO ENTRE A OFERTA E DEMANDA DE OXIGÊNIO

  • CLASSIFICAÇÃO DOS ESTADOS DE CHOQUE

    HIPOVOLÊMICO

    CARDIOGÊNICO

    SÉPTICO
    NEUROGÊNICO
    ANAFILÁTICO

    CHOQUE

  • CHOQUE HIPOVOLÊMICO

    CHOQUE HIPOVOLÊMICO

  • CAUSAS

    CAUSAS

    PERDA DE
    SANGUE

    PERDA DE
    PLASMA

    PERDA DE
    FLUIDOS
    ELETRÓLITOS

    RUPTURA DE VASOS
    GRAVIDEZ EXTRA
    UTERINA
    TRAUMA TGI
    TRAUMA PULMONAR
    TREUMA RENAL

    QUEIMADURAS
    PERDAS TGI
    (DIARRÉIA)

    DM
    DESCOMPENSADO
    TRAUMA
    RUPTURA
    ANEURISMA

  • FISIOPATOLOGIA

    Redução da volemia  redução das pressões de enchimento ventricular redução do volume sistólico  para manter o débito cardíaco   da FC,  RVP  manter a perfusão cerebral

    e cardíaca

    Obs.: perda sangüínea maior que 25% do volume circulante, esgotam-se os mecanismos compensatórios   do DC e da PA.
    - O volume sanguíneo de um adulto é de 70 ml/Kg, a hipotensão apenas se manifestará quando a perda sanguínea for superior a 1.500 ml de sangue

  •  DC   da oferta de O2 para os tecidos
    PO2 e Sat. de O2) mecanismos anaeróbicos  produção de ácido lático  3 alterações: vasodilatação, aumento da permeabilidade capilar e disfunção cardíaca  persistência do choque – ESTADO FINAL.

  • DIAGNÓSTICO

    DIAGNÓSTICO

    História clínica e exame físico -
    Objetiva a identificação de perdas intravasculares – hemorragia, trauma, diarréia
    Hipotensão e sinais de hipoperfusão de órgãos;
    PAS - 90 mmHg ou queda da PAS de 40mmHg da PAS habitual

  • CARACTERÍSTICAS CLÍNICAS DO CHOQUE HIPOVOLÊMICO

    CARACTERÍSTICAS CLÍNICAS DO CHOQUE HIPOVOLÊMICO

    Diminuição da PA
    Palidez e hipotensão postural
    Taquicardia sinusal
    Oligúria
    Rebaixamento do nível de consciência - RNC

  • LABORATORIAIS

    LABORATORIAIS

    Diminuição Hb e Ht
    Contagem de plaquetas e testes de coagulação
    Hiperpotassemia
    Hiperglicemia
    Lactato aumentado

  • TRATAMENTO DO CHOQUE HIPOVOLÊMICO

    TRATAMENTO DO CHOQUE HIPOVOLÊMICO

    OBJETIVO
    Restaurar o volume circulante e abordar causas subjacentes;
    A reposição volêmica deve visar melhora da perfusão;
    Saturação de O2 em 90% no mínimo;
    Acesso venoso calibroso;
    Tratamento dependerá da causa.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 28,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • CONCEITO
  • CHOQUE HIPOVOLÊMICO
  • CAUSAS
  • DIAGNÓSTICO
  • CARACTERÍSTICAS CLÍNICAS DO CHOQUE HIPOVOLÊMICO
  • LABORATORIAIS
  • TRATAMENTO DO CHOQUE HIPOVOLÊMICO
  • CHOQUE CARDIOGÊNICO
  • ETIOLOGIA
  • CHOQUE CARDIOGÊNICO
  • CICLO VICIOSO NO IAM
  • ASPECTOS CLÍNICOS CHOQUE CARDIOGÊNICO
  • EXAMES
  • TRATAMENTO
  • TRATAMENTO - MEDIDAS GERAIS
  • TRATAMENTO FARMACOLÓGICO
  • PERFUSÃO CORONÁRIA
  • CHOQUE SÉPTICO
  • Incidência e epidemiologia do choque séptico
  • Comprometimento de outros sistemas no choque séptico
  • TRATAMENTO
  • Choque Séptico
  • INTERVENÇÕES DE ENFERMAGEM NOS ESTADOS DE CHOQUE