Curso Online de Estratégia de Saúde da Família - ESF

Curso Online de Estratégia de Saúde da Família - ESF

Curso de Estratégia Saúde da Família

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 4 horas

De: R$ 40,00 Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Mais de 10 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

Curso de Estratégia Saúde da Família

Enfermeiro Especialista em Saúde da Família e Mestrando em Farmacologia.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.
  • Glaubert Aires de Sousa

    Glaubert Aires de Sousa

    Estratégia Saúde da Família: Implantação, Evolução e Desafios na Atualidade

  • SURGIMENTO DO SUS

    SURGIMENTO DO SUS

    Antes de 1988
    -INAMPS ( pagamento por procedimentos): Sistema de Saúde irracional;
    -1979 ( 1º Simpósio Nacional de Política de Saúde): início da discussão do SUS
    - 1982: mudança do pagamento por procedimentos para pagamento por diagnósticos ( AIH, AIS)

  • SURGIMENTO DO SUS

    SURGIMENTO DO SUS

    Depois de 1988
    - 8ª Conferência Nacional de Saúde;
    - Constituição Brasileira;
    - Leis 8080 e 8142;
    - NOB/ 01 (93);
    - NOAS;
    - Portaria GM 648

  • ATENÇÃO Primária em Saúde

    ATENÇÃO Primária em Saúde

    Conceito: caracteriza-se por um conjunto de ações de saúde, no âmbito individual e coletivo, que abrangem a promoção e a proteção da saúde, a prevenção de agravos, o diagnóstico, o tratamento, a reabilitação e a manutenção da saúde.
    Princípios: Universalidade; Acessibilidade e da Coordenação do Cuidado; Vínculo e continuidade; Integralidade; Responsabilização; Humanização; Equidade e Participação Social.

  • PROGRAMA DE SAÚDE DA FAMÍLIA

    PROGRAMA DE SAÚDE DA FAMÍLIA

    1994: os primeiros 55 municípios implantaram 328 Equipes de Saúde da Família;
    Reorganização do Sistema de Saúde: porta de entrada dos usuários no SUS;
    Equipes:
    - ESF ( Médico, Enfermeiro, Auxiliar de Enfermagem ou Técnico de Enfermagem e Agentes Comunitários de Saúde);
    - ESB (Dentista, Técnico de Higiene Dentária, ACD).

  • PROGRAMA DE SAÚDE DA FAMÍLIA

    PROGRAMA DE SAÚDE DA FAMÍLIA

    1 ESF: acompanha no máximo 4000 habitantes, média recomendada 3000 habitantes;
    1 ACS (no máximo 12 por ESF): acompanha 750 pessoas ou 180 famílias;
    Jornada de Trabalho: 40 horas semanais, exceto para equipes que atuem em HPP ou residentes (32 h) dos profissionais SF;

  • Princípios da Estratégia Saúde da Família

    Princípios da Estratégia Saúde da Família

    Atenção à Saúde com foco na Família e comunidade
    Territorialização / adscrição da clientela
    Diagnóstico de Situação de Saúde e Planejamento local
    Trabalho em equipe interdisciplinar
    Vínculos de co-responsabilidade entre profissionais e famílias assistidas
    Integralidade, resolubilidade e intersetorialidade das ações
    Valorização dos diversos saberes e práticas
    Estímulo à participação social

  • Áreas estratégicas de atuação

    Áreas estratégicas de atuação

    Saúde da Mulher
    Saúde do Homem
    Saúde do Idoso
    Saúde Mental
    Controle da HAS e DM
    Controle da TBC e eliminação da Hanseníase
    Saúde Bucal
    Saúde da Criança/Adolescente
    Eliminação da desnutrição infantil

  • Atribuições comuns a todos os profissionais que integram as equipes:

    Atribuições comuns a todos os profissionais que integram as equipes:

    Conhecer a realidade das famílias pelas quais são responsáveis,com ênfase nas suas características sociais,econômicas, culturais, demográficas e epidemiológicas;
    Identificar os problemas de saúde e situações de risco mais comuns aos quais aquela população está exposta;
    Elaborar, com a participação da comunidade, um plano local para o enfrentamento dos problemas de saúde e fatores que colocam em risco a saúde;
    Executar, de acordo com a qualificação de cada profissional,os procedimentos de vigilância à saúde e de vigilância epidemiológica, nas diferentes fases do ciclo de vida;
    Valorizar a relação com o usuário e com a família, para a criação de vínculo de confiança, de afeto, de respeito;

  • Atribuições comuns a todos os profissionais que integram as equipes:

    Atribuições comuns a todos os profissionais que integram as equipes:

    Realizar visitas domiciliares de acordo com o planejamento;
    Resolver os problemas de saúde no nível de atenção básica;
    Garantir acesso à continuidade do tratamento dentro de um sistema de referência e contra-refência para os casos de maior complexidade ou que necessitem de internação hospitalar;
    Prestar assistência integral à população adscrita, respondendo à demanda de forma contínua e racionalizada;
    Coordenar, participar de e/ou organizar grupos de educação para a saúde;

  • Atribuições comuns a todos os profissionais que integram as equipes

    Atribuições comuns a todos os profissionais que integram as equipes

    Promover ações intersetoriais e parcerias com organizações formais e informais existentes na comunidade para o enfrentamento conjunto dos problemas identificados;
    Fomentar a participação popular, discutindo com a comunidade conceitos de cidadania, de direito à saúde e as suas bases legais;
    Incentivar a formação e/ou participação ativa da comunidade nos Conselhos Locais de Saúde e no Conselho Municipal de Saúde;


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • Glaubert Aires de Sousa
  • SURGIMENTO DO SUS
  • ATENÇÃO Primária em Saúde
  • PROGRAMA DE SAÚDE DA FAMÍLIA
  • Princípios da Estratégia Saúde da Família
  • Áreas estratégicas de atuação
  • Atribuições comuns a todos os profissionais que integram as equipes:
  • Atribuições comuns a todos os profissionais que integram as equipes
  • Atribuições específicas do médico:
  • Atribuições específicas do enfermeiro:
  • Atribuições específicas do auxiliar de enfermagem:
  • Atribuições específicas do auxiliar de enfermagem
  • Atribuições específicas do cirurgião dentista:
  • Atribuições específicas do thd:
  • Atribuições específicas do acd:
  • Atribuições específicas do acs:
  • DESAFIOS NA ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA
  • AVANÇOS COM A IMPLANTAÇÃO DA ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA