Curso Online de Prevenção da Aterosclerose

Curso Online de Prevenção da Aterosclerose

O acúmulo de placas no coração pode provocar o infarto. Saiba como é possível prevenir este acúmulo cursando este curso.

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 5 horas


Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

O acúmulo de placas no coração pode provocar o infarto. Saiba como é possível prevenir este acúmulo cursando este curso.

Mestre em alimentos e nutrição. Professor de ciência dos alimentos, biologia, química, ciências e bioquímica. Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/1141431817967324. Pesquisador de qualidade de vida, alimentação saudável e prevenção de doenças crônicas não transmissíveis. Especialista em nutrição clínica e esportiva; gerontologia e qualidade de vida. Estudo intensamente nutrição, alimentos, saúde e gerontologia, dentre outras áreas. Nestes cursos transmito informações preciosas e atualizadas sobre alimentação e saúde com total credibilidade e clareza após estudar intensamente cada conteúdo.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa. Os certificados são impressos em papel de gramatura diferente e com marca d'água.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.

Modelo de certificados (imagem ilustrativa):

Frente do certificado Frente
Verso do certificado Verso
  • Prevenção da Aterosclerose

    http://crid.fmrp.usp.br/site/2014/11/04/a-aterosclerose/

  • ATEROSCLEROSE

    Nos dois últimos séculos, a Revolução Industrial e Tecnológica e suas correspondentes transformações sociais e econômicas resultaram numa alteração das doenças responsáveis pela enfermidade e morte.

    As doenças cardiovasculares tornaram-se a patologia crônica dominante em muitas partes do mundo e estima-se que no século XXI se tornem na principal causa de incapacidade e morte em todo o Mundo .

  • A maioria dos estudos epidemiológicos identifica maior mortalidade pelas doenças cardiovasculares, especialmente na população idosa.

  • A aterosclerose é considerada a principal causa de morbidade e mortalidade nas sociedades industrializadas.

    No Brasil, aproximadamente 300 mil óbitos ocorrem por ano, causados por doenças cardiovasculares, associadas à aterosclerose.

    Dados ainda mais preocupantes são encontrados nos Estados Unidos, onde as doenças cardiovasculares são responsáveis por cerca de 80% das mortes de pessoas com mais de 65 anos.
    ATEROSCLEROSE

  • No decorrer do desenvolvimento da aterosclerose ocorre o espessamento e estreitamento das paredes arteriais, devido à proliferação de células musculares lisas, formação de uma matriz de tecido conjuntivo, proliferação de macrófagos e linfócitos, acúmulo de lipídios e colesterol nos macrófagos e calcificação, formando a placa ou ateroma.

  • O dano ao endotélio é a causa mais comumente aceita para origem da aterosclerose. Entre os fatores de risco que estimulam este dano estão: obesidade, estresse, baixos níveis de lipoproteína de alta densidade (HDL), hipertensão arterial, sedentarismo, fumo, dietas ricas em ácidos graxos saturados e trans, hipercolesterolemia, predisposição genética e diabetes.
    Aterosclerose em estágio avançado.


  • Um antioxidante pode ser definido como qualquer substância que presente em baixas concentrações comparado a da biomolécula que pode ser oxidada pelos radicais livres ou por outras espécies reativas, inibe a oxidação dessa biomolécula de maneira eficaz.

    A oxidação das lipoproteínas de baixa densidade (LDL) tem papel fundamental no desenvolvimento da aterosclerose. Muitos alimentos funcionais contêm antioxidantes, outros diminuem a concentração ou a síntese de colesterol, diminuindo a quantidade de LDL circulante e consequentemente a possibilidade de sua oxidação.

    TRATAMENTO DA ATEROSCLEROSE

    A LDL transporta o colesterol do fígado para outros tecidos e quando EM EXCESSO é prejudicial.

  • COMPOSTOS POLIFENÓLICOS



    Vários estudos populacionais têm relatado uma associação inversa entre o consumo de compostos polifenólicos (principalmente flavonóides) e o risco de doenças cardíacas devido ao fato desses compostos serem antioxidantes, vasodilatadores, antiinflamatórios e inibidores da agregação plaquetária.

    Os compostos polifenólicos são metabólitos secundários amplamente presentes no reino vegetal.

  • Através da inibição da expressão da ciclooxigenase 2, os compostos fenólicos inibem a agregação plaquetária e o processo inflamatório.

    Eles exercem atividade antioxidante na LDL, aumentam a expressão da paraoxanase, preservando a HDL e protegendo a LDL da oxidação e estimulam a síntese de enzimas antioxidantes.

    A indução da vasodilatação por estas substâncias se deve ao estímulo da síntese de óxido nítrico que é um potente vasodilatador, presente constitutivamente no endotélio.
    COMPOSTOS POLIFENÓLICOS


    Somente os ricos em cacau.

  • Os efeitos benéficos derivados de polifenóis parecem ser mediados através de uma multiplicidade de vias bioquímicas e mecanismos de sinalização agindo de forma independente ou sinergicamente. De fato, os polifenóis têm mostrado em estudos in vivo efeitos antiateroscleróticos em estágios iniciais de desenvolvimento da aterosclerose (por exemplo, ao diminuir oxidação da LDL), melhorar a função endotelial e aumentar a liberação de óxido nítrico (potente vasodilatador); modular a inflamação e metabolismo de lipídios (ou seja, o efeito hipolipemiante); melhorar o estado antioxidante e, proteger contra episódios aterotrombóticos incluindo isquemia no miocárdio e agregação plaquetária.

  • O alho e seus extratos são ricos em compostos organosulfurados os quais reduzem o nível de colesterol sanguíneo, inibem a síntese de colesterol endógeno, suprimem a oxidação da LDL, podem aumentar o HDL plasmático, reduzem levemente a hipertensão e são antitrombóticos.

    ALHO

    O alho pode
    inibir a formação
    de trombos ou
    coágulos.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • Aterosclerose
  • Prevenção da Aterosclerose
  • Polifenóis
  • Ácidos graxos monoinsaturados
  • Fibras alimentares
  • Carotenoides