Curso Online de GESTÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS
4 estrelas 3 alunos avaliaram

Curso Online de GESTÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS

TÓPICOS ABORDADOS 1. MEIO AMBIENTE 2. POLUIÇÃO 3. IMPACTO AMBIENTAL 4. RESÍDUOS SÓLIDOS NO BRASIL 5. OBRIGAÇÕES E SANÇÕES LEGAIS 6. LEGIS...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 15 horas

Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

TÓPICOS ABORDADOS
1. MEIO AMBIENTE
2. POLUIÇÃO
3. IMPACTO AMBIENTAL
4. RESÍDUOS SÓLIDOS NO BRASIL
5. OBRIGAÇÕES E SANÇÕES LEGAIS
6. LEGISLAÇÕES AMBIENTAIS
7. GESTÃO AMBIENTAL
8. PGRS
9. LEI FEDERAL 12.305/2010
10. LOGÍSTICA REVERSA
11. EDUCAÇÃO AMBIENTAL E RESÍDUOS
12. PLANO DE GERENCIAMENTO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS
13. O PASSO-A-PASSO DA IMPLANTAÇÃO DE UM PLANO DE GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS
14. VIGILÂNCIA AMBIENTAL EM SAÚDE
15. DEFINIÇÃO RESÍDUOS SÓLIDOS
16. RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS (RSU)
17. RESÍDUOS DE FONTES ESPECIAIS
18. NORMAS UTILIZADAS PARA
CLASSIFICAÇÃO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS
19. GERENCIAMENTO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS
20. INCINERAÇÃO
21. CO-PROCESSAMENTO
22. PIRÓLISE
23. PLASMA
24. RECICLAGEM
25. RECICLAGEM
26. COMPOSTAGEM
27. RESÍDUOS DE SERVIÇOS DE SAÚDE (RSS)
28. RESÍDUOS DA CONSTRUÇÃO CIVIL - (RCC)
29. RESÍDUOS SÓLIDOS INDUSTRIAIS

PROFESSORA E ENFERMEIRA..


- Ocose Curso

- Vera Marta Silva

- Vânia Fernandes Pereira

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • GESTÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS

    GESTÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS

    CURSO

  • TÓPICOS ABORDADOS

    TÓPICOS ABORDADOS

    MEIO AMBIENTE
    POLUIÇÃO
    IMPACTO AMBIENTAL
    RESÍDUOS SÓLIDOS NO BRASIL
    OBRIGAÇÕES E SANÇÕES LEGAIS
    LEGISLAÇÕES AMBIENTAIS
    GESTÃO AMBIENTAL
    PGRS
    LEI FEDERAL 12.305/2010
    LOGÍSTICA REVERSA
    EDUCAÇÃO AMBIENTAL E RESÍDUOS
    PLANO DE GERENCIAMENTO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS
    O PASSO-A-PASSO DA IMPLANTAÇÃO DE UM PLANO DE GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS
    VIGILÂNCIA AMBIENTAL EM SAÚDE
    DEFINIÇÃO RESÍDUOS SÓLIDOS
    RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS (RSU)

    RESÍDUOS DE FONTES ESPECIAIS
    NORMAS UTILIZADAS PARA CLASSIFICAÇÃO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS
    GERENCIAMENTO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS
    INCINERAÇÃO
    CO-PROCESSAMENTO
    PIRÓLISE
    PLASMA
    RECICLAGEM
    RECICLAGEM
    COMPOSTAGEM
    RESÍDUOS DE SERVIÇOS DE SAÚDE (RSS)
    RESÍDUOS DA CONSTRUÇÃO CIVIL - (RCC)
    RESÍDUOS SÓLIDOS INDUSTRIAIS

  • MEIO AMBIENTE

    MEIO AMBIENTE

    Meio significa conjunto de elementos materiais e circunstâncias que influencia um organismo vivo.
     
    Ambiente consiste no que rodeia ou envolve por todos os lados e constitui o meio em que vive.

    Meio e ambiente são sinônimos, que designam o âmbito em que nos cerca, o nosso entorno, onde estamos inseridos e vivemos.

  • MEIO AMBIENTE

    MEIO AMBIENTE

    CLASSIFICAÇÃO
    Corresponde não apenas ao ambiente natural, abrange também outras perspectivas em que esteja inserida a vida.

    CLASSIFICA – SE O MEIO AMBIENTE A PARTIR DE QUATRO ASPECTOS:
    O meio ambiente natural ou físico;
    O meio ambiente artificial;
    O meio ambiente cultural;
    O meio ambiente do trabalho.

  • MEIO AMBIENTE NATURAL OU FÍSICO

    MEIO AMBIENTE NATURAL OU FÍSICO

    CONSTITUI OS ELEMENTOS NATURAIS:

    Ar;
    Solo;
    Subsolo;
    Biodiversidade;

    Fauna;
    Flora;
    Atmosfera;
    Agua.

  • MEIO AMBIENTE ARTIFICIAL

    MEIO AMBIENTE ARTIFICIAL

    COMPREENDE AO ESPAÇO URBANO, ABRANGENDO O CONJUNTO DE EDIFICAÇÕES (ESPAÇO URBANO FECHADO).

    EQUIPAMENTOS PÚBLICOS, COMO: RUAS, PRAÇAS, AVENIDAS, ESPAÇOS LIVRES EM GERAL (ESPAÇO URBANO ABERTO).

  • MEIO AMBIENTE CULTURAL

    MEIO AMBIENTE CULTURAL

    INTERVENÇÕES HUMANAS, MATERIAIS OU IMATERIAIS COM VALOR CULTURAL, REFERENTE A IDENTIDADE, Á AÇÃO , Á MEMORIA DOS DIFERENTES GRUPOS FORMADORES DA NACIONALIDADE OU SOCIEDADE BRASILEIRA. ABRANGE:

    O PATRIMÔNIO HISTÓRICO E ARTÍSTICO;
    PAISAGENS;
    ARQUEOLÓGICOS;
    ECOLÓGICOS, ETC.

  • MEIO AMBIENTE DO TRABALHO

    MEIO AMBIENTE DO TRABALHO

    COMPREENDE NA QUALIDADE DO AMBIENTE EM QUE O TRABALHADOR EXERCE SUA ATIVIDADE PROFISSIONAL, COM HARMONIA PARA O DESENVOLVIMENTO DA PRODUÇÃO E RESPEITO Á DIGNIDADE DA PESSOA.

  • POLUIÇÃO

    POLUIÇÃO

    A DEGRADAÇÃO DA QUALIDADE AMBIENTAL QUE:

    LANCEM MATÉRIAS OU ENERGIA EM DESACORDO COM OS PADRÕES AMBIENTAIS;
     AFETEM DESFAVORAVELMENTE A BIOTA;
     AFETEM O MEIO AMBIENTE;
    PREJUDIQUEM A SAÚDE, A SEGURANÇA E O BEM ESTAR DA POPULAÇÃO;
    CRIEM CONDIÇÕES ADVERSAS ÁS ATIVIDADES SOCIAIS E ECONÔMICAS;

    POLUIDOR
    A PESSOA FÍSICA OU JURÍDICA, DE DIREITO PÚBLICO OU PRIVADO, RESPONSÁVEL DIRETA OU INDIRETAMENTE POR ATIVIDADE CAUSADORA DE DEGRADAÇÃO AMBIENTAL.

  • IMPACTO AMBIENTAL

    IMPACTO AMBIENTAL

    OS RESÍDUOS SÓLIDOS TEM SIDO A CAUSA DE PARTE DOS TRANSTORNOS QUE A SOCIEDADE MODERNA TEM VIVIDO, DESDE PEQUENOS ALAGAMENTOS ATÉ CATÁSTROFES. LIXO JOGADO NOS CENTROS URBANOS ENTOPE BUEIROS E PIORA ALAGAMENTO.

    CIDADES INTEIRAS SÃO ALAGADAS EM VIRTUDE DO ALAGAMENTO DECORRENTE DO LIXO.

  • FATORES DO AUMENTO DE RESÍDUOS GERADOS

    FATORES DO AUMENTO DE RESÍDUOS GERADOS

    AUMENTO DA POPULAÇÃO
    GRANDES CIDADES
    AUMENTO DO CONSUMO HUMANO
    MUDANÇA NA FORMA DA PRODUÇÃO
    USO DE RECURSOS NATURAIS ACIMA DA CAPACIDADE
    AUMENTO DE PRODUTOS COM COMPONENTES E MATERIAIS DE DIFÍCIL DEGRADAÇÃO E MAIOR TOXICIDADE.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • GESTÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS
  • MEIO AMBIENTE
  • POLUIÇÃO
  • IMPACTO AMBIENTAL
  • FATORES DO AUMENTO DE RESÍDUOS GERADOS
  • EFEITOS NO AMBIENTE
  • RESÍDUOS SÓLIDOS NO BRASIL
  • OBRIGAÇÕES E SANÇÕES LEGAIS
  • LEGISLAÇÕES AMBIENTAIS
  • GESTÃO AMBIENTAL
  • PLANO DE GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS DE SERVIÇOS DE SAÚDE - PGRS
  • POLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SÓLIDOS
  • LOGÍSTICA REVERSA
  • PLANO DE GERENCIAMENTO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS
  • VIGILÂNCIA AMBIENTAL EM SAÚDE
  • RESÍDUOS SÓLIDOS
  • RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS (RSU)
  • NORMAS UTILIZADAS PARA CLASSIFICAÇÃO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS
  • GERENCIAMENTO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS
  • COLETA
  • TRATAMENTO E DISPOSIÇÃO FINAL
  • RECICLAGEM
  • COMPOSTAGEM
  • RESÍDUOS DE SERVIÇOS DE SAÚDE
  • RESÍDUOS DA CONSTRUÇÃO CIVIL
  • RESÍDUOS SÓLIDOS INDUSTRIAI