Curso Online de Pedreiro

Curso Online de Pedreiro

Objetivo desse curso é capacitar o aluno para trabalhar com construção e reformas de casa todo material didático desse curso foi desenvol...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 6 horas

De: R$ 40,00 Por: R$ 24,90
(Pagamento único)

Mais de 0 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

Objetivo desse curso é capacitar o aluno para trabalhar com construção e reformas de casa todo material didático desse curso foi desenvolvido por profissionais com anos de experiência para levar até você um método de aprendizado prático e eficaz

Trabalho a 10 anos na área de Informática Formação ? TI Técnico em Redes e Manutenção Administrador de Redes Certificações ? Cisco RS e CCNA Security



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa. Os certificados são impressos em papel de gramatura diferente e com marca d'água.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.

Modelo de certificados (imagem ilustrativa):

Frente do certificado Frente
Verso do certificado Verso
  • Atenção para melhor visualização amplie a pagina do seu navegador para 150.

  • Conteúdo

    Unidade 1
    9
    A  HISTóRIA  DA  CONSTRUçãO  CIVIL  E  DA  OCUPAçãO  DE  PEDREIRO

    Unidade 2
    33
    OS  CONHECIMENTOS  DA  OCUPAçãO  PROFISSIONAL  E  OS  MEUS  CONHECIMENTOS

    Unidade 3
    51
    F ERRAMENTAS  E  MATERIAIS  BáSICOS  DE  TRABALHO

    Unidade 4
    77
    COMO  LER  UM  PROJETO

    Unidade 5

    93
    E NTRANDO  EM  UMA  OBRA:  ORGANIZAçãO  E

    PREPARO  DO  LOCAL  DE  TRABALHO

  • u n i d a d e 1

    A história da construção

    civil e da ocupação de

    pedreiro

    O que nos vem à mente quando pensamos em construção civil?

    Casas? Prédios? Estradas? Pontes? Túneis?

    Operários? Mestres de obras? Ajudantes? Engenheiros? Carpin -
    teiros?

    Tijolo? Concreto? Cimento? Vidro? Estruturas de metal? Ma-
    deira?

    Pode ser que nos venha tudo isso. E ainda mais.

    Afnal, basta olharmos ao redor para ver que existem construções
    muito diferentes, que envolvem materiais variados e que foram
    erguidas por um conjunto de profssionais de diversas áreas,
    trabalhando em equipe.

    Mas será que sempre foi assim?

    P e d r e i r o 1

    9

    © Moacyr Lopes Junior/Folhapress

  • Atividade 1

    F a l a n d o s o b r e a c o n s t r u ç ã o c i v i l

    Vamos fazer uma roda de conversa sobre esse assunto?

    Nossa roda funcionará da seguinte forma: a classe vai se
    sentar em círculo e todos que quiserem vão falar o que
    sabem sobre construção civil, se já tiveram experiências
    nessa área e quais foram, ou se conhecem alguma histó-
    ria sobre o assunto. Pode ser alguma informação que
    leram, alguma história contada por parentes, amigos ou
    vizinhos, uma música...

    Enquanto a classe fala, o monitor vai registrar em uma
    folha o que for falado. Esse registro fcará na parede da
    sala e, de tempos em tempos, a classe voltará a ele para
    verifcar quais ideias iniciais da turma se confrmaram,
    quais dúvidas foram esclarecidas, que outras surgiram e
    foram resolvidas.

    Como tudo começou

    Modificação dos espaços:
    Ato ou ação de promover

    mudanças em determinado
    lugar. Essas mudanças po-
    dem ser de diferentes tipos:
    no que se vê, no trânsito, no
    barulho etc.

    Quando construímos uma
    casa, mudamos o que se vê

    naquele quarteirão. Quando
    um shopping é construído, o

    trânsito de todo o bairro po-
    de mudar. Quando se cons-
    trói um viaduto que liga dois
    ou mais bairros, o visual, o
    trânsito e o barulho podem
    mudar ao mesmo tempo.

    O que sabemos, estudando um pouco de história, é que
    os seres humanos sempre procuraram lugares para se
    proteger do frio, da chuva, do ataque de animais, do sol
    excessivo etc. E essa procura, possivelmente, foi uma de
    suas primeiras motivações para que começassem a pensar

    em lugares

    seguros

    para

    moradia.

    Mas

    entre

    buscar

    abrigo e

    começar, de

    fato, a

    criar

    e
    construir espaços para morar, muito tempo se passou.

    Quando falamos em construção, temos em mente a

    modif icação dos espaços,
    diversas.

    com o uso de

    técnicas

    Com base em pesquisas sobre como os seres humanos

    viviam no passado, descobriu-se que os primeiros homens
    e mulheres abrigavam-se em cavernas encontradas na
    natureza e interferiam muito pouco para modifcar esses
    ambientes.

    P e d r e i r o 1

    10

  • Trata-se de um período conhecido como Pré-história ou, como se prefere dizer
    atualmente, sociedades sem Estado. Esse período vai da origem do homem, há
    cerca de 5 milhões de anos, até aproximadamente 3500 a.C. (antes de Cristo),
    quando surgiu a escrita.

    Não parece possível afrmar que nas cavernas a ideia de construção já existisse, pois
    os lugares habitados não eram transformados. A principal intervenção humana
    nesses locais de moradia se dava pelas pinturas nas paredes. Por meio delas, os homens
    e as mulheres retratavam aspectos de sua vida cotidiana. Porém, não se tratava de
    criar espaços novos, diferentes, e sim de deixar marcas, registros do que conheciam
    e de como viviam, em forma de desenhos.

    Essas pinturas fcaram conhecidas como arte rupestre. A palavra “rupestre” se
    refere à “rocha”, local onde essa forma de arte era expressa.

    Pintura rupestre em Jabal Akakus, Líbia.

    Para marcar as diferentes etapas do desenvolvimento da humanidade e facilitar o estudo da história, os
    estudiosos dividiram a história em grandes períodos:

    Pré-história (ou sociedades sem Estado): da origem do homem, há aproximadamente 5 milhões de

    anos, até cerca de 3500 a.C. (antes de Cristo), quando surgiu a escrita.

    Antiguidade (ou Idade Antiga): do surgimento da escrita até a queda do Império Romano do Ocidente

    no ano 476 d.C. (depois de Cristo).

    Idade Média: da queda do Império Romano do Ocidente até 1453, com a Tomada de Constantinopla

    pelos turcos otomanos.

    Idade Moderna: da Tomada de Constantinopla até 1789, data da Revolução Francesa.
    Idade Contemporânea: da Revolução Francesa até nossos dias.

    P e d r e i r o 1

    11

    © Antonello Lanzellotto/age fotostock/Easypix

  • Constantinopl

    a foi capital

    do Impéri

    o Roman

    o

    do Oriente

    e

    do Impéri

    o Otomano, considerada

    a

    “por-

    t de entrada” do Ocident

    a

    e para o Oriente.

    A Tomada de Constantinopla foi o momento histórico

    que marcou o fim da dominação romana sobre o

    s povos no Oriente. Atualmente, tem

    o nom

    e d

    e

    Is-

    t a m b u l maior cidade da Turquia, seguida pel

    e é a

    a

    capital

    do

    país,

    Ancara.

    P e d r e i r o 1

    OCEANO

    ATLÂNTICO

    Império Romano do Ocidente

    Império Romano do Oriente

    12

    Constantinopla

    Roma

    Mar Negro

    Mar
    Báltico

    Mar

    do
    Norte

    0

    566 km

    © Maps World

    Fonte:SHEPHERD,W.R.TheHistoricalAtlas,1911.Disponívelem:.Acessoem:4jun.

    2012(adaptado;meramenteilustrativo;suprimidasascoordenadasgeográficas).

    © The Bridgeman Art Library/Keystone

    Antoine Vérard. CercodeConstantinopla,1499.Iluminuraemvelino,60cmx42,3cm.

    BibliotecaNacional,Turim,Itália.

    A Revolução Francesa foi o movimento social e político que tirou o poder da monarquia (dos reis),

    d a nobreza e da Igreja para dar início a uma novaforma de govern

    o na

    França a

    república. Foi tam

    -
    bém nessa época que uma nova forma de produção começou a se consolidar: o capitalismo industrial.
    ARevoluçãoFrancesaéummarcoparaasmudançaspolíticas,econômicasesociaisqueaconteceram
    n a Europa na segunda metade do século XVIII (18) e se estenderam para quase todo o mundo.

  • O ato de construir ou, mais propriamente, de modif-
    car ou criar espaços que servissem para moradia, culto,
    comércio etc. usando técnicas diferentes teve início
    somente no fm do período conhecido como Pré-história
    ou sociedades sem Estado; ou seja, no começo da cha-
    mada Idade Antiga.

    As primeiras construções humanas foram feitas com
    pedras essa foi a primeira técnica de construção apren -
    dida e utilizada pelos homens.

    A construção que vemos a seguir é uma das primeiras de
    que se tem notícia. Ela fca na Inglaterra (um país da
    Europa) e tem o nome de Stonehenge.

    Stonehenge: Palavra ingle-
    sa que significa “monumen-

    to circular feito de pedra”
    s t o n e = pedra; henge =
    monumento circular.

    Trilítico: Tri = três; lítico =
    relativo a pedra.

    Não se sabe ao certo quando ela foi erguida. Os cientistas
    acreditam que tenha sido entre os anos 3100 e 2800 a.C.
    (antes de Cristo); isto é, há aproximadamente 4 mil anos!

    Stonehenge. Inglaterra.

    Esse tipo de construção é chamado dólmen ou sistema
    trilítico: duas grandes pedras são erguidas no chão em
    posição vertical e uma terceira é colocada horizontal-
    mente sobre elas, unindo-as e formando uma espécie de
    arco, que funciona como cobertura.

    P e d r e i r o 1

    13

    h o r i z o n t a l

    v

    e

    r

    t

    i

    c

    a

    l

    v

    e

    r

    t

    i

    c

    a

    l

    © Rainer Junker/123RF

  • Várias dessas estruturas foram colocadas na terra for-
    mando um círculo. E, embora isso não possa ser com-
    provado, imagina-se que essa construção tenha sido,
    originalmente, algo parecido com o que é mostrado na
    fgura a seguir.

    E por que motivo essa construção foi feita? Embora o
    formato pareça com o de uma casa, sabe-se que esse não
    era um lugar utilizado para moradia. E existem versões
    diferentes sobre sua fnalidade, ou seja, para o que esse
    espaço era usado.

    Alguns acreditam que Stonehenge era um local de culto
    ao Sol e à Lua, ou seja, uma das formas como os povos
    da Antiguidade manifestavam suas crenças.

    Bússola: Instrumento que
    marca as direções, os pontos

    cardeais da Terra: Norte, Sul,
    Leste e Oeste; e, com isso,
    ajuda que as pessoas se lo-
    calizem e se orientem. Ela
    funciona por meio de mag-
    netismo, isto é, da proprie-
    dade da Terra de atrair me-
    tais, e foi muito utilizada
    pelos navegadores, pois, em
    alto-mar, era difícil saber se

    uma embarcação estava in-
    do para o lado certo.

    Outros afrmam que foi um espaço utilizado para o es-
    tudo dos astros e para que as pessoas pudessem se orien-
    tar no espaço (como se fosse uma bússola, ou um GPS,

    sistema

    de

    localização mais

    usado nos

    dias

    de

    hoje).

    Há ainda quem diga que Stonehenge era um lugar de
    sepultamento, uma espécie de cemitério, onde os antigos
    enterravam seus mortos.

    Mais intrigante do que sua utilidade é pensar como esse
    monumento foi erguido, já que as pedras chegam a ter

    5

    metros

    (m) de

    altura. Até

    hoje

    muitos se

    perguntam

    como foi possível construí-lo com tão poucos recursos!

    P e d r e i r o 1

    Pedra do altar

    14

    © Hudson Calasans

  • Outros exemplos de construções feitas com base em pedras são encontrados em
    diferentes épocas e locais na história da humanidade: do Egito Antigo, 2500 a.C.
    (antes de Cristo), até grandes castelos, portais e igrejas construídas na Idade Média,
    e que ainda existem na Europa, resistindo à ação do tempo.

    Veja algumas obras incríveis que foram feitas apenas cortando, empilhando, equi -
    librando e modelando pedras de diferentes tipos e tamanhos.

    Pirâmides de Gizé. Egito.

    Fortaleza de Sacsayhuamán. Cusco, Peru.

    Vista da cidade de Pirapora do Bom Jesus (SP).

    Vista de Machu Picchu. Vale do Urubamba, Peru.

    Catedral Notre-Dame. Paris, França.

    P e d r e i r o 1

    15

    © Stefan Kolumban/Pulsar Imagens

    © Jeffrey Bosdet/aaifotostock/Easypix

    © Design Pics/Diomedia

    © Dorival Moreira/Pulsar Imagens

    © Dmitry Kovyazin/Easypix

  • Várias dessas construções de pedra do passado nos impressionam: as pirâmides do
    Egito; os templos da Grécia; as imensas igrejas e os mosteiros construídos na Idade
    Média na Europa; as cidades e os monumentos erguidos pelos povos que viveram na
    América Latina antes de a região ser ocupada pelos espanhóis nos séculos XV (15) e
    XVI (16) e que fcaram conhecidos como civilizações pré -colombianas: tiahuanacos,
    incas, maias, astecas etc.

    A ocupação, pelos espanhóis, de grande parte do território americano onde hoje ficam o Peru, a Bolí-
    via, a Colômbia, o Chile, o México, entre outros países implicou a destruição quase total da cultura dos

    povos que ali viviam. Restam, atualmente, apenas partes dos monumentos e das cidades construídos
    por eles.

    Os espanhóis iniciaram a conquista da América no final do século XV (15) e, nesse processo, as civilizações
    pré-colombianas que viviam nessa região foram praticamente exterminadas. Isto aconteceu no México,

    onde existia o Império Asteca, no Peru, o Império Inca e em vários outros locais que, atualmente,
    compõem o território americano.

    Assim como a ocupação espanhola, a ocupação portuguesa do território brasileiro, que ocorreu no mes-
    mo período (ou seja, a partir do ano de 1500), também implicou a destruição de várias nações indígenas
    que aqui viviam.

    Além das mortes resultantes de combates, doenças e exploração do trabalho escravo, a violência dessas
    ocupações se manifestava pela proibição de que esses povos mantivessem sua cultura: tradições, costu-
    mes, crenças etc.

    E a ocupação urbana nos dias atuais: É harmoniosa ou violenta? Reflita a respeito e discuta com seus
    colegas.

    Essas obras chamam a atenção pela utilização predominante quase exclusiva de
    pedras em sua construção. Mas também despertam nossa curiosidade quando
    imaginamos como foi possível transportar, levantar e empilhar pedras imensas sem
    a ajuda de guindastes e outros instrumentos usados em construçõe s nos dias de hoje.

    Carregar e içar/levantar as pedras até a altura desejada não parece uma tarefa nada
    fácil, não é mesmo?

    E o mais curioso é que essas atividades exigiam conhecimentos de Matemática (como
    cálculo, geometria) e Física (como equilíbrio, força) muito sofsticados para a época
    e que, ainda hoje, são usados nas áreas de Engenharia e Arquitetura.

    Vamos voltar a esse tema mais adiante.

    Você já ouviu falar de algumas das obras que foram citadas aqui? Que tal pesquisar
    sobre elas?

    P e d r e i r o 1

    16

  • Atividade 2

    G r an d es co n s tru çõ es d e pe d r a

    1. A classe vai se dividir em quatro grupos. Cada grupo vai fazer uma pesquisa

    diferente

    e

    preparar

    uma

    apresentação para

    a

    classe.

    A primeira coisa a fazer é dividir os grupos:

    Grupo 1 Pirâmide de Quéops

    Grupo 2 Acrópole de Atenas

    Grupo 3 Machu Picchu (civilização inca)

    Grupo 4 Chichén Itzá (civilização maia)

    2. Pesquisando na internet, no laboratório de informática com a ajuda do moni-

    tor

    ,

    cada

    grupo deve

    buscar responder às seguintes perguntas relacionadas a

    seu tema:

    a) Onde está o monumento que seu grupo deve pesquisar? Localize no atlas o lugar

    de

    que

    estamos

    falando.

    Depois

    de

    achar o local,

    escreva

    o nome

    da

    cidade,

    do

    país e do continente onde ele está.

    b) Por que ele foi construído? Com qual fnalidade?

    c) Pensando em construções, como esse monumento foi construído? Quais materiais

    e

    técnicas

    construtivas

    foram utilizados

    para

    fazê

    -

    lo?

    P e d r e i r o 1

    17


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 24,90
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • A HISTóRIA DA CONSTRUçãO CIVIL E DA OCUPAçãO DE PEDREIRO
  • OS CONHECIMENTOS DA OCUPAçãO PROFISSIONAL E OS MEUS CONHECIMENTOS
  • FERRAMENTAS E MATERIAIS BáSICOS DE TRABALHO
  • COMO LER UM PROJETO
  • ENTRANDO EM UMA OBRA: ORGANIZAçãO E
  • PREPARO DO LOCAL DE TRABAL