Curso Online de ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA

Curso Online de ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA

Seja bem vindo ao curso de ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA. Curso 80 HORAS AULA. Curso destinados aos gestores, administradores, empreendedor...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 80 horas


Por: R$ 24,90
(Pagamento único)

Mais de 20 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

Seja bem vindo ao curso de ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA.

Curso 80 HORAS AULA.


Curso destinados aos gestores, administradores, empreendedores, investidores, economistas e contabilistas.

ORGANIZAÇÃO QUE BUSCA APRESENTAR CURSOS EM DIVERSAS ÁREAS DE ATUAÇÃO E FORMAÇÃO POR UM BAIXO CUSTO PARA OS USUÁRIOS.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa. Os certificados são impressos em papel de gramatura diferente e com marca d'água.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.

Modelo de certificados (imagem ilustrativa):

Frente do certificado Frente
Verso do certificado Verso
  • ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA

    80 HORAS AULA

  • SEJA BEM VINDO AO CURSO ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA

  • ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA

    A administração financeira é a disciplina que trata dos assuntos relacionados à administração das finanças de empresas e organizações. Trata-se de um ramo privativo à Administração.

  • Deve-se compreender e entender o sentido e o significado de finanças, que corresponde ao conjunto de recursos disponíveis circulantes em espécie que serão usados em transações e negócios com transferência e circulação de dinheiro. Sendo que há necessidade de se analisar a fim de se ter exposto a real situação econômica dos fundos da empresa, com relação aos seus bens e direitos garantidos.

  • Analisando-se, verifica-se que as finanças fazem parte do cotidiano, no controle dos recursos para compras e aquisições, tal como no gerenciamento e própria existência da empresa, nas suas respectivas áreas, seja no marketing, produção, contabilidade e, principalmente no planejamento de nível estratégico, gerencial e operacional em que se toma dados e informações financeiras para a tomada de decisão na condução da empresa.

  • A administração financeira é uma ferramenta ou técnica utilizada para controlar da forma mais eficaz possível, no que diz respeito à concessão de credito para clientes, planejamento, analise de investimentos e, de meios viáveis para a obtenção de recursos para financiar operações e atividades da empresa, visando sempre o desenvolvimento, evitando gastos desnecessários, desperdícios, observando os melhores “caminhos” para a condução financeira da empresa.

  • Tal área administrativa pode ser considerada como o “sangue” ou o combustível da empresa que possibilita o funcionamento de forma correta, sistêmica e sinérgica, passando o “oxigênio” ou vida para os outros setores, sendo preciso circular constantemente, possibilitando a realização das atividades necessárias, objetivando o lucro, maximização dos investimentos, mas acima de tudo, o controle eficaz da entrada e saída de recursos financeiros, podendo ser em forma de investimentos, empréstimos entre outros, mas sempre visionando a viabilidade dos negócios, que proporcionem não somente o crescimento, mas o desenvolvimento e estabilização.

  • É por falta de informações financeiras precisas para o controle e planejamento financeiro que a maioria das empresas pequenas brasileiras entra em falência até o quinto ano de existência. São indiscutivelmente necessárias as informações do balanço patrimonial, no qual se contabilizam os dados da gestão financeira, que devem ser analisados detalhadamente para a tomada de decisão.

  • Pelo benefício que a contabilidade proporciona à gestão financeira e pelo íntimo relacionamento de interdependência que ambas têm é que se confundem, muitas vezes, estas duas áreas, já que as mesmas se relacionam proximamente e geralmente se sobrepõem.

  • É preciso esclarecer que a principal função do contador é desenvolver e prover dados para mensurar o desempenho da empresa, avaliando sua situação financeira perante os impostos, contabilizando todo seu patrimônio, elaborando suas demonstrações, reconhecendo as receitas no momento em que são incorridos os gastos (este é o chamado regime de competência), mas o que diferencia as atividades financeiras das contábeis é que a administração financeira enfatiza o fluxo de caixa, que nada mais é do que a entrada e saída de dinheiro, que demonstrará realmente a situação e capacidade financeira para satisfazer suas obrigações e adquirir novos ativos (bens ou direitos de curto ou longo prazo) a fim de atingir as metas da empresa.

  • Os contadores admitem a extrema importância do fluxo de caixa, assim como o administrador financeiro utiliza o regime de caixa, mas cada um tem suas especificidades e maneira de descrever a situação da empresa, sem menosprezar a importância de cada atividade já que uma depende da outra no que diz respeito à circulação de dados e informações necessárias para o exercício de cada uma delas.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 24,90
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA
  • FUNÇÕES BÁSICAS
  • FUNÇÕES NA EMPRESA
  • PROFISSIONAIS
  • SISTEMA FINANCEIRO BRASILEIRO
  • MERCADO FINANCEIRO
  • DIREITO FINANCEIRO
  • Fundo de Investimento Imobiliário
  • NOÇÕES DE CONTABILIDADE
  • Atos e Fatos Administrativos
  • BALANÇO PATRIMONIAL
  • Demonstração do resultado do exercício
  • Demonstração das mutações do patrimônio líquido
  • Demonstração de Lucros ou Prejuízos Acumulados
  • Fluxo de caixa
  • Demonstração do valor adicionado
  • Demonstração de Lucros ou Prejuízos Acumulados
  • SISTEMA DE INFORMAÇÃO CONTÁBIL
  • Análise financeira
  • LEI No 6.404, DE 15 DE DEZEMBRO DE 1976
  • LEI Nº 11.638 DE 28.12.2007
  • NORMAS BRASILEIRAS DE CONTABILIDADE (NBC)
  • SÚMULAS DO CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE
  •  DECRETO-LEI Nº 9.295, DE 27 DE MAIO DE 1946
  • Agradecimento