Curso Online de Trabalhos em Temperaturas Extremas

Curso Online de Trabalhos em Temperaturas Extremas

Neste curso abordaremos os trabalhos em ambientes com temperaturas extremas sobre o conceito e a aplicação da NR 15. Indicado para profis...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 5 horas

De: R$ 40,00 Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Mais de 5 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

Neste curso abordaremos os trabalhos em ambientes com temperaturas extremas sobre o conceito e a aplicação da NR 15.
Indicado para profissionais e estudantes de segurança do trabalho, meio ambiente, qualidade, e demais áreas de interesse.

Estude aqui na MIP CURSOS, cursos on line de Segurança do Trabalho, Meio Ambiente, Medicina do Trabalho, Ergonomia, Primeiros Socorros, Prevenção e Combate a Incêndios, Prevenção de Acidentes e vários outros temas atuais, baseados em Normas Regulamentadoras, legilações e procedimentos. Conheça os desafios enfrentados no dia-a-dia e perceba que a qualificação é essencial para o perfeito funcionamento de uma grande, media ou pequena empresa. Entenda como os profissionais atualizados, qualificados e capacitados são importantes para as operações dentro de diversos estabelecimentos Industriais e Comerciais. Estude a distância e aprenda conosco. Matricule-se e comece a aplicar coisas simples na sua empresa, evitando acidentes e garantindo o bem estar dos funcionários. CORPO DOCENTE: Engenheiro de Segurança do Trabalho, Engenheiro Ambiental, Engº Mecânico, Engº Produção, Fisioterapeuta do Trabalho, Gestor Ambiental, Técnico Segurança do Trabalho, técnico em Enfermagem do Trabalho, Bombeiro Civil.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.
  • TEMPERATURAS
    EXTREMAS
    Norma Regulamentadora n. 15 ANEXOS N.º 3 e 9  

  • Temperatura Extremas Conceito

    Temperatura Extremas Conceito

    Toda temperatura ambiental superior a 45 ºC ou inferior a 12,50  2,50 ºC
    Temperatura interna do corpo humano = 40 ºC (temperatura ótima metabólica)
    Temperatura externa do corpo humano = 36.80  0,20 ºC (axilar, oral e retal)

  • Temperaturas Extremas

    Temperaturas Extremas

  • Temperaturas Extremas

    Temperaturas Extremas

    Calor ou Energia Térmica

    É a energia transmitida de um corpo para outro quando há uma diferença de temperatura, ela é, basicamente, ditada pelo movimento molecular dos corpos em estudo.
    - Unidades de calor:
    - Jaules (J)
    - British Thermical Unity (BTU)
    - Quilocalorias (kcal) = Sistema Internacional
    É a quantidade de energia necessária para elevar em 1ºC um quilograma de água a uma pressão de 1 atmosfera (14.5 ºC para 15,5 ºC).

  • Temperaturas Extremas

    Temperaturas Extremas

    1ª Lei da Termodinâmica
    “Quando dois corpos de diferentes temperaturas são submetidos ao mesmo ambiente haverá uma tendência a um equilíbrio térmico de modo a igualarem-se suas temperaturas”.
    T1 = T2

    Quando o organismo humano está submetido a uma fonte geradora de calor maior que a sua, este organismo tende a absorver esta energia para torná-los isotérmicos. O diferencial será positivo.
    Toi < Ta  Tof = Ta, logo To > 0
    Dizemos então que o organismo está submetido a situação de risco de exposição ao calor (no senso comum).

  • Temperaturas Extremas

    Temperaturas Extremas

    1ª Lei da Termodinâmica
    Contrariamente, quando o organismo humano está submetido a uma fonte geradora de calor menor que a sua, este organismo tende a liberar esta energia para torná-los isotérmicos. O diferencial será negativo.

    Toi > Ta  Tof = Ta, logo To < 0

    Dizemos então que o organismo está submetido a situação de risco de exposição ao frio. Deste modo deduz-se que o frio é ausência de calor.

  • Temperaturas Extremas

    Temperaturas Extremas

    As trocas térmicas entre corpos vivos e o ambiente
    Condução  fluxo de calor do corpo com temperatura maior para o de temperatura menor.

    Se: TA > TB e Tamb  TA; Tamb  TB

    Este fluxo torna-se nulo, no momento em que as temperaturas dos dois corpos se igualam.

    Condução-convecção  condução
    Se um dos corpos é um fluido (ar ou água).
    Haverá fluxo de calor entre os dois corpos provocando movimentação do fluído.

  • Temperaturas Extremas

    Temperaturas Extremas

    As trocas térmicas entre corpos vivos e o ambiente
    Radiação  emissão de radiação infravermelha do corpo com temperatura maior para o corpo de temperatura menor. Este fenômeno ocorre, mesmo não havendo um meio de propagação entre eles. O calor transmitido através deste mecanismo é denominado calor radiante

  • Temperaturas Extremas

    Temperaturas Extremas

    As trocas térmicas entre corpos vivos e o ambiente
    Evaporação  passagem de um líquido adsorvido a superfície do corpo sólido para o estado gasoso em função da quantidade de vapor existente no meio em uma determinada temperatura e da velocidade do ar na superfície do sólido.

  • Considerando-se que a pressão de vapor no meio se mantém constante para que um líquido passe a vapor, no processo de evaporação, é necessário que. o mesmo absorva calor. No caso citado, o líquido retira calor do sólido para passar a vapor. Concluindo, pode-se afirmar que o sólido perdeu calor para o meio ambiente, pelo mecanismo de evaporação.

    Temperaturas Extremas

  • Temperaturas Extremas

    Temperaturas Extremas

    Perda e ganho de energia térmica pelo organismo
    (sobrecarga térmica)

    S = M ± C ± R - E
    Onde:
    S - calor acumulado no organismo (sobrecarga térmica).
    M - calor produzido pelo metabolismo (sempre positivo e depende da atividade física);
    C - calor ganho ou perdido por condução-convecção;
    R - calor ganho ou perdido por radiação;
    E - calor perdido por evaporação (sempre negativo e depende da umidade relativa do ar);

    OBS.: Há também perda ou ganho de calor pelo organismo pela respiração e na ingestão de alimentos quentes ou frios, porém não serão consideradas.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • Norma Regulamentadora n.15
  • Conceito
  • Calor ou Energia Térmica
  • 1ª Lei da Termodinâmica
  • As trocas térmicas entre corpos vivos e o ambiente
  • Perda e ganho de energia térmica pelo organismo(sobrecarga térmica)
  • Atividades ocupacionais
  • Principais fatores que influem nas trocas térmicas
  • Índices a serem considerados
  • Baixas temperaturas ou Frio - Fatores de medição
  • Efeitos sobre a saúde
  • Medidas relativas ao pessoal - Calor
  • Medidas relativas ao pessoal - Frio