Curso Online de Políticas Públicas

Curso Online de Políticas Públicas

O curso de Políticas Públicas busca criar espaços mais amplos para a reflexão e geração de saberes e práticas mais próximas da realidade ...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 20 horas

Por: R$ 23,90
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

O curso de Políticas Públicas busca criar espaços mais amplos para a reflexão e geração de saberes e práticas mais próximas da realidade da administração pública brasileira. Em sua essência, o curso parte de uma concepção de administração que transcende a gestão governamental processualista e o espaço temporal de um governo, privilegiando o conceito de administração política do Estado e o compromisso ético.

Formação em Agronomia (UNICENTRO), pós-graduada em Pedagogia (UNICENTRO) e Educação Ambiental (UFPR). Experiência profissional como professora em diversas áreas de Ciências Agrárias; experiência em Educação à Distância; Tutora/Monitora; Palestras; Experiência em Cooperativa, Sindicato e Empresas Agrícolas. Experiência com cursos livres onlines desde 2012. Sou autodidata e busco incansavelmente o conhecimento das mais diversas áreas e uma frase que me define "Ensinar não é transferir conhecimento, mas criar as possibilidades para a sua própria produção ou a sua construção." (Paulo Freire)



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • POLÍTICAS PÚBLICAS

    POLÍTICAS PÚBLICAS

    Professora: Scheila de Fátima Scisloski

  • Introdução

    Introdução

    Durante os séculos XVIII e XIX, as principais funções do Estado eram a segurança pública e a defesa em caso de embate externo.

    Contudo, com a expansão da democracia, houve muitas mudanças com relação às responsabilidades do Estado perante a sociedade.

  • Atualmente, pode-se dizer que a sua principal função é proporcionar o bem-estar à mesma. 

    Para tal, o Estado necessita desenvolver diversas ações e atuar em diferentes campos, como educação, saúde, segurança, meios de transporte público, meio ambiente etc.

    Para alcançar frutos em tais áreas, o governo se utiliza das Políticas Públicas.

  • Conceito de Políticas Públicas

    Conceito de Políticas Públicas

    As Políticas Públicas são um conjunto de decisões, planos, metas e ações governamentais (seja a nível nacional, estadual ou municipal) voltados para a resolução de problemas de interesse público – que podem ser específicos, como a construção de uma ponte ou gerais, como melhores condições na saúde pública.

  • Através de grupos organizados a sociedade faz seu apelo aos seus representantes - vereadores, deputados e senadores, membros do poder legislativo, e estes mobilizam os componentes do poder executivo - prefeitos, governadores e até mesmo o Presidente da República, para que atendam as solicitações da população.

  • É importante ressaltar que a existência dos grupos organizados e suas reivindicações não são garantia de que suas expectativas serão atendidas, pois no processo das Políticas Públicas, é realizada uma seleção de prioridades que visa responder as demandas das áreas mais vulneráveis da sociedade, o que certamente não abrangerá todas as questões.

    É preciso que tais reivindicações ganhem força através de mobilizações sociais e chamem a atenção das autoridades.

  • Histórico das Políticas Públicas

    Histórico das Políticas Públicas

    No final do século X, com o aprofundamento da crise do welfare state, com as convulsões econômicas, sociais e políticas enfrentadas, principalmente a partir do final da década de 1970, junto com o movimento da nova administração pública, o Estado é fortemente questionado tanto em suas funções quanto na real eficácia de suas ações interventoras na realidade social

  • Aceitando-se que a compreensão do sucesso e do fracasso das políticas públicas é fundamental para o melhor desempenho da administração pública, passa-se a algumas considerações sobre o “Estado em ação”.

    De acordo com Faria (2003), em seus primórdios, as políticas públicas eram consideradas quase exclusivamente outputs do sistema político, o que Termo cunhado por Jobert e Muller, 1987.

  • Dessa forma, antes que a análise de políticas públicas fosse reconhecida como uma subárea da ciência política, os estudos recaíam nos processos de formação de políticas públicas, “o que parece refletir o status privilegiado que os processos decisórios sempre desfrutaram junto aos profissionais da área”.

    Nos Estados Unidos, segundo Frey (2000), pesquisas em políticas públicas começaram a se estabelecer no início dos anos 1950, sob a designação de policy science, enquanto na Europa, especialmente na Alemanha, a preocupação com campos específicos de políticas somente toma força a partir do início dos anos 1970.

  • Nesse período a unidade de análise torna-se a própria definição das políticas públicas, o que conferiu destaque aos aspectos dinâmicos do policy process e aos distintos atores, estatais e não-estatais, geralmente envolvidos.

    No caso do Brasil, os estudos sobre políticas públicas são bem recentes.

    Nesses estudos dispersos, a ênfase recaiu ou à análise das estruturas e instituições ou à caracterização dos processos de negociação das políticas setoriais específicas.

  • Para Faria (2003), há atualmente uma Babel de abordagens, teorizações incipientes e vertentes analíticas que buscam dar significação à diversificação dos processos de formação e gestão das políticas públicas, considerando um mundo cada vez mais caracterizado pela interdependência assimétrica, incerteza e complexidade das questões.

    Assim, para que se possa entender melhor a análise das políticas, Frey (2000) apresenta algumas categorias que têm conseguido relevância na literatura, com ênfase em policy cycle (ciclo político).


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,90
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • POLÍTICAS PÚBLICAS
  • Introdução
  • Conceito de Políticas Públicas
  • Histórico das Políticas Públicas
  • Políticas Públicas e os Atores Sociais
  • Fases das Políticas Públicas
  • Formulação de Políticas Públicas
  • Avaliação de Políticas Públicas
  • Formação de Agenda
  • Implementação de Políticas Públicas
  • Burocracia no Processo de Formulação e Implementação
  • Modelos de Tomada de Decisão
  • Características das Políticas Públicas no Brasil
  • As Políticas Públicas no Brasil
  • Novos Arranjos para as Políticas Públicas
  • Tipos de Políticas Públicas
  • Política e Políticas Públicas
  • Políticas Públicas Distributivas
  • Políticas Públicas Redistributivas
  • Políticas Públicas Regulatórias
  • Avaliação de Políticas Públicas
  • Breve Histórico Sobre a Avaliação de Políticas Públicas
  • Do Estado do Campo de Avaliação de Políticas Públicas
  • Como e por que Surgiu a Área de Políticas Públicas?
  • Os Pais Fundadores da Área de Políticas Públicas
  • O que são Políticas Públicas
  • O Papel dos Governos
  • Modelos de Formulação e Análise de Políticas Públicas
  • Incrementalismo
  • O Ciclo da Política Pública
  • O Modelo Garbage Can
  • Coalizão de Defesa
  • Arenas Sociais
  • Modelo do Equilíbrio Interrompido
  • Modelos Influenciados pelo Novo Gerencialismo Público e Pelo Ajuste Fiscal
  • O Papel das Instituições/regras na Decisão e Formulação de Políticas Públicas
  • Considerações Finais
  • Referências Bibliográficas