Curso Online de SOCIOLOGIA E O PODER DA MÍDIA
1 estrelas 1 aluno avaliou

Curso Online de SOCIOLOGIA E O PODER DA MÍDIA

Em linhas gerais, serão apresentadas algumas impressões acerca do impacto televisivo na realidade brasileira. É de conhecimento geral a c...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 7 horas

Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Em linhas gerais, serão apresentadas algumas impressões acerca do impacto televisivo na realidade brasileira. É de conhecimento geral a concepção de TV como um dos maiores meios de comunicação já inventados no mundo. Como formadora de opinião, a rede televisiva avança na discussão dos assuntos quando ajuda a promover a sociabilidade humana. Ao alavancar a audiência de maneira irresponsável, compromete a lisura e a profundidade noticiosa dos fatos. Considerando o fato de a TV possuir um grande potencial comunicativo em matéria de alcance público, por que a mesma nivela por baixo alguns segmentos da população ao optar pela cobertura descontextualizada e superficial da realidade? Tal dilema apresentado ganha maior fôlego de análise quando é acionada, por exemplo, a responsabilidade ética do emissor no processo em questão.

VAGNER FERREIRA SILVA É FORMADO EM CIÊNCIAS SOCIAIS PELA UNIVERSIDADE LUTERANA DO BRASIL(ULBRA)E PÓS GRADUADO(ESPECIALIZAÇÃO) EM SEGURANÇA PUBLICA E INTELIGENCIA ESTRATÉGICA E CURSO DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA NO USO INDEVIDO DE DROGAS E MEDIAÇÃO DE CONFLITOS E CURSO DE EXTENSÃO DE DIREITOS HUMANOS.


- Thais Aline Da Silva Corrêa

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • Sociologia O impacto da televisão na sociedade e na construção da opinião pública

    Sociologia O impacto da televisão na sociedade e na construção da opinião pública

    Influência social e histórica da televisão

  •  

    O tema geral deste trabalho gira em torno da mídia e do comportamento social. Para falarmos de comportamento precisamos entender como ocorre o processo de desenvolvimento humano. O homem nasce e é inserido em um ambiente repleto estímulos que podem ou não, serem incorporados pelo sujeito dependendo da forma como ele se relaciona com esse ambiente. As características biológicas, inatas ao seres humanos, vão se desenvolver à medida que esses estímulos do meio são incorporados pelo sujeito que interage ativamente com o meio.

    A mídia e o comportamento social

  • Segundo Aragão (2006) é na complexidade ocorrente da relação natural-cultural que se dá o desenvolvimento animal.

    Segundo Aragão (2006) é na complexidade ocorrente da relação natural-cultural que se dá o desenvolvimento animal.

    “A antropossociogênese tem estudado a hominização como processo imerso na história natural de onde emerge a cultura. Esse é um processo multidimensional e constituído por interelações, interações e interferências neste os fatores genéticos, ecológicos praxistas, cerebrais, sociais e culturais”. (Aragão, 2006)

  • Por tanto, a partir de algumas reflexões Aragão (2006) propõe a evolução do homem realiza-se nas interrelações físico-quimico-sócio-cultural.

    Por tanto, a partir de algumas reflexões Aragão (2006) propõe a evolução do homem realiza-se nas interrelações físico-quimico-sócio-cultural.

    “conclui-se que não há como cindir o homem, o inato passa a ser adquirido e o adquirido passa a ser o inato, no desenvolvimento e construção do se humano. Cultura e sociedade estão entremeadas quando o grupo social, a comunidade, produz conhecimento e se expressa via movimento. É isto que constitui a correlação cultura, motricidade, sociedade” (Aragão, 2006)

  • Nesse sentido faz-se necessário abordar a conceituação de motricidade humana para entendermos o contexto a que nos referimos. Aragão (2006) entende que:

    Nesse sentido faz-se necessário abordar a conceituação de motricidade humana para entendermos o contexto a que nos referimos. Aragão (2006) entende que:

    “a construção da motricidade humana ocorre em meio a um processo de questionamento dos pressupostos epistemológicos, está em busca da compreensão e da explicação das condutas motríceas, em ordem ao desenvolvimento do sujeito multidimensional e multireferencial inserido na sociedade e tendo como fundamento simultâneo o físico, o biológico e o antropossociológico”.

  • Para Godoy (1999) a motricidade é concebida como constituidora do homem. É pela ação motora, segundo o autor, pela sua intervenção concreta na natureza e na sociedade que o homem se humaniza. Godoy (2006) enfatiza ainda que tal ação provoca o planejamento de outras ações, reestruturando os movimentos humanos.

    Para Godoy (1999) a motricidade é concebida como constituidora do homem. É pela ação motora, segundo o autor, pela sua intervenção concreta na natureza e na sociedade que o homem se humaniza. Godoy (2006) enfatiza ainda que tal ação provoca o planejamento de outras ações, reestruturando os movimentos humanos.

    “O elemento fundamental na relação dialética entre ação motora e reflexão é o signo. Pela mediação do signo o movimento humano assume significado nas relações sociais. Este significado pode expressar-se como (...) forma de veiculação de idéias presentes na cultura”. (Godoy, 1999)

  • É essa forma motriz que permite ao homem se relacionar e perceber tudo que está a sua volta.

    É essa forma motriz que permite ao homem se relacionar e perceber tudo que está a sua volta.

    À medida que se desenvolve fisicamente, se relaciona com o meio, internaliza os símbolos, dá a eles significados de acordo com a cultura ao qual está inserido e vivencia cada fase de sua vida em um grupo de socialização (família, escola, grupo étnico).

  • .............................................................

    .............................................................

    É neste ambiente de interação com o mundo e significação que desde pequena a criança é colocada à frente da televisão e esta então se apresenta como parte integrante da família por ser uma boa “babá eletrônica”. Nas várias horas do dia que a criança passa em frente a televisão ela internaliza diversos saberes que ultrapassam o aprendizado dos grupos sociais tradicionais.

  • Nesse sentido, utilizamos estudos em psicologia social para tentar entender a relação entre a mídia e o comportamento social.

    Nesse sentido, utilizamos estudos em psicologia social para tentar entender a relação entre a mídia e o comportamento social.

    Partindo da premissa Piagetiana de que o homem conhece o mundo se relacionando com o objeto surgiu-nos curiosamente a indagação a respeito do poder de influencia da mídia sobre o comportamento social.

  • ...............

    ...............

    A psicologia sócio-histórica fala sobre esse contexto da formação do homem que deve ser visto como um todo. Daí pensar neste trabalho como uma alerta tendo em vista a constância da mídia na vida das pessoas desde a infância até a vida adulta participando desta forma, ativamente na construção da subjetividade do sujeito.

  • .

    .

    Assim, se os meios de comunicação participam da formação da subjetividade do sujeito, sendo formadora de opinião, divulgando a moda, notícias, a guerra, etc. teriam então, o poder de determinar o comportamento das pessoas? Seria ela capaz até de influenciar na violência, propagando-a?


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • Sociologia O impacto da televisão na sociedade e na construção da opinião pública
  • Segundo Aragão (2006) é na complexidade ocorrente da relação natural-cultural que se dá o desenvolvimento animal.
  • Por tanto, a partir de algumas reflexões Aragão (2006) propõe a evolução do homem realiza-se nas interrelações físico-quimico-sócio-cultural.
  • Nesse sentido faz-se necessário abordar a conceituação de motricidade humana para entendermos o contexto a que nos referimos. Aragão (2006) entende que:
  • Para Godoy (1999) a motricidade é concebida como constituidora do homem. É pela ação motora, segundo o autor, pela sua intervenção concreta na natureza e na sociedade que o homem se humaniza. Godoy (2006) enfatiza ainda que tal ação provoca o planejamento de outras ações, reestruturando os movimentos humanos.
  • É essa forma motriz que permite ao homem se relacionar e perceber tudo que está a sua volta.
  • .............................................................
  • Nesse sentido, utilizamos estudos em psicologia social para tentar entender a relação entre a mídia e o comportamento social.
  • ...............
  • .
  • Novelas brasileiras têm impacto sobre os comportamentos sociais
  • .
  • Impacto da televisão
  • .
  • A exposição constante às famílias menores e menos oneradas que aparecem na televisão pode ter criado uma preferência por ter menos filhos, disse Chong.
  • .
  • Influência das novelas
  • .
  • Globo versus SBT
  • .
  • O Impacto das Novas Tecnologias na Sociedade?
  • .
  • MÍDIA, SUBJETIVIDADE E COMPORTAMENTO ALIMENTAR
  • .
  • Azevedo & Morgan (1998b) adverte-nos que,
  • .
  • A Mídia e a vida diária
  • .
  • Pesquisa IBOP
  • .
  • A TV está exagerando nas cenas de sexo?
  • Essas cenas eróticas e de sexo podem prejudicar o desenvolvimento infantil?
  • A TV não é apenas um retrato da família que aprova essa legião de apresentadoras e cantoras erotizadas?
  • Mas não cabe aos pais a responsabilidade de dizer o que a criança deve assistir?
  • .
  • As primeiras imagens em uma televisão analógica apareceu em 1925. Chegou com impacto. Para o Brasil, trouxe novos costumes para a sociedade.
  • .
  • Fim