Curso Online de COMO ENSINAR UM AUTISTA?

Curso Online de COMO ENSINAR UM AUTISTA?

Autsimo: Déficits clinicamente significativos e persistentes na comunicação social e nas interações sociais, manifestadas de todas as man...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 4 horas

De: R$ 90,00 Por: R$ 60,00
(Pagamento único)

Mais de 20 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

Autsimo:
Déficits clinicamente significativos e persistentes na comunicação social e nas interações sociais, manifestadas de todas as maneiras seguintes:
Déficits expressivos na comunicação não verbal e verbal usadas para interação social; b. Falta de reciprocidade social; c. Incapacidade para desenvolver e manter relacionamentos de amizade apropriados para o estágio de desenvolvimento.
O curso :COMO ENSINAR UM AUTISTA? irá auxiliar professores,pais e mães de autistas a realizarem a intervenção correta no momento de ensinar toda e qualquer atividade,estimular sua atenção, comunicação e outros aspectos.Muito interessante!!!!

Currículo da autora: PRISCILLA AMARAL Pedagoga com habilitação em séries iniciais, Administração Escolar e com Pós-Graduação em Deficiência Intelectual. Experiência de 12 anos entre Instituições e Escolas. Vários artigos publicados. Participação em programa de televisão on-line, sendo entrevistada por Célia Coev sobre o tema: Deficiência intelectual e programa de rádio AM chamado Espaço Alternativo, sendo entrevistada por Edson Natale sobre o tema: Autismo e deficiência Intelectual. Palestrante convidada pela Câmara Municipal do Estado de São Paulo para versar sobre o tema: Transtornos diversos. Autora do livro Transtornos de conduta - Síndromes diversas e Autismo no Tempo da Delicadeza. Professora convidada de Pós-Graduação no Centro-Sul de pesquisa, extensão e graduação (Censupeg), lecionando temas relacionados à saúde mental e à inclusão social e educacional. Professora de Sala de Recursos em Escola Estadual e professora itinerante de Educação Especial. Cursos de especialização realizados: Processo de Inclusão; Introdução ao Autismo e Psicose Infantil; Estimulação Precoce; Prontidão para alfabetização; Estimulação para pessoas com Necessidades Especiais; Curso de Dislexia; Atitudes que favorecem o sucesso Escolar; Síndromes diversas; Educação Especial: Condutas típicas; Introdução ao Estudo das Neurociências; Curso básico de libras e alfabetização para pessoas com deficiência visual. Neuropsicopedagoga e psicomotricista clínica e relacional em formação pela UCM. Autora de mais de 70 cursos on-line da área de Educação Especial pelo Buzzero.com e uma das fundadoras da plataforma de cursos NeuroPsicopedagogiar. Contato: E-mail: priscamaral@uol.com.br wathsapp: (11)95239-5049 Site: professora-priscilla.webnode.com



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa. Os certificados são impressos em papel de gramatura diferente e com marca d'água.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.

Modelo de certificados (imagem ilustrativa):

Frente do certificado Frente
Verso do certificado Verso
  • COMO ENSINAR UM AUTISTA?

    COMO ENSINAR UM AUTISTA?

  • DSM-V : Transtorno do Espectro do Autismo

    DSM-V : Transtorno do Espectro do Autismo

    Deve preencher os critérios 1, 2 e 3 abaixo:
    Déficits clinicamente significativos e persistentes na comunicação social e nas interações sociais, manifestadas de todas as maneiras seguintes:
    Déficits expressivos na comunicação não verbal e verbal usadas para interação social; b. Falta de reciprocidade social; c. Incapacidade para desenvolver e manter relacionamentos de amizade apropriados para o estágio de desenvolvimento.

  • Padrões restritos e repetitivos de comportamento, interesses e atividades, manifestados por pelo menos duas das maneiras abaixo:
    Comportamentos motores ou verbais estereotipados, ou comportamentos sensoriais incomuns; b. Excessiva adesão/aderência a rotinas e padrões ritualizados de comportamento; c. Interesses restritos, fixos e intensos.
    Os sintomas devem estar presentes no início da infância, mas podem não se manifestar completamente até que as demandas sociais excedam o limite de suas capacidades.
    Justificativas:

  • O que inclui o TEA?

    O que inclui o TEA?

    Novo nome para a categoria, Transtorno do Espectro do Autismo, que inclui transtorno autístico (autismo), transtorno de Asperger, transtorno desintegrativo da infância, e transtorno global ou invasivo do desenvolvimento sem outra especificação.

  • Autistas são pensadores visuais

    Autistas são pensadores visuais

    Muitos autistas são pensadores visuais, não pensam através da linguagem. Geralmente, substantivos são as palavras mais fáceis de aprender, pois em sua mente ele pode relacionar a palavra a uma figura. Para ensinar substantivos a criança precisa escutar você falar a palavra, ver a figura e a palavra escrita simultaneamente. O mesmo deve acontecer quando for ensinar um verbo: segure um cartão que diz “pular” e você fala “pular” enquanto executa o ato de pular.

  • Crianças não verbais

    Crianças não verbais

    Crianças não verbais terão mais facilidade em associar palavras às figuras se visualizarem a palavra escrita e a figura em um cartão. Alguns não entendem desenhos e, por isto, é recomendável trabalhar-se primeiramente com objetos reais e fotos.

  • Forma concreta

    Forma concreta

    Alguns conceitos tornam-se difíceis de serem apreendidos pela criança autista se não for demonstrado de forma concreta. Por exemplo: ao ensinar o conceito de para cima / para baixo. Utiliza-se um avião de brinquedo e diz “para cima” enquanto faz o movimento de decolagem e “para baixo”, enquanto faz o movimento de aterrissagem, dessa forma, a criança autista terá maior facilidade para compreender tais conceitos.

  • Desenho, Artes e utilização de computadores

    Desenho, Artes e utilização de computadores

    Muitas crianças autistas são boas em desenho, artes e na utilização de computadores e se fixam num assunto específico. A melhor maneira de lidar com esta fixação é usá-las para motivar os trabalhos da escola. Se a criança gosta de trens, leia um livro sobre trens e faça exercícios de matemática usando trens.

  • Métodos visuais concretos

    Métodos visuais concretos

    Use métodos visuais concretos para ensinar conceitos numéricos. Algumas crianças não verbais não conseguem, ao mesmo tempo, processar estímulo verbal e visual. Eles são “mono-canal” (conseguem aprender melhor utilizando apena um tipo de estímulo) e apresentam muita dificuldade para receber informações de forma visual e auditiva.

  • Aprendizagem através do toque

    Aprendizagem através do toque

    Muitas vezes, crianças mais velhas e não verbais, conseguem aprender melhor através do toque. Pode ser ensinado o significado das letras, permitindo que as crianças toquem letras de plástico. Eles podem aprender a rotina diária, sentindo alguns objetos, minutos antes da atividade ser executada. Por exemplo: quinze minutos antes do almoço, dê uma colher para eles segurarem.

  • Alguns autistas apresentam processamento visual deficiente e acham mais fácil ler letras impressas na cor preta sobre papel colorido, para diminuir o contraste. Tente papel bege claro, azul claro, cinza ou verde claro. Experimente com cores diferentes. Evite amarelo brilhante que pode incomodar os olhos dos autistas.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 60,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • COMO ENSINAR UM AUTISTA?
  • DSM-V : Transtorno do Espectro do Autismo
  • O que inclui o TEA?
  • Autistas são pensadores visuais
  • Crianças não verbais
  • Forma concreta
  • Desenho, Artes e utilização de computadores
  • Métodos visuais concretos
  • Aprendizagem através do toque
  • Sugestões de Jogos
  • Batalha
  • 7 cobras
  • Nunca 10
  • Jogos diversos: A partir de agora a professora trabalha 2 ou mais conceitos juntos.
  • Jogos de mímica
  • Jogo Can Can / Uno
  • Jogo Banco Imobiliário:
  • Jogos de estratégia e Quebra-cabeças
  • Sugestões de Atividades Interativas
  • Conversa com os Dados
  • Início da Atividade
  • Descreva a situação de forma animada
  • O mecanismo do jogo
  • Invente uma história engraçada para estimular a fala espontânea
  • TRABALHAR SOCIALIZAÇÃO E ORALIDADE
  • Para trabalhar o nome dos familiares e o parentesco
  • TRABALHAR REGRAS E SOCIALIZAÇÃO
  • TRABALHANDO A ROTINA
  • Organizar o ambiente físico da sala de aula
  • TRABALHAR CONTEÚDOS ESPECÍFICOS
  • Trabalhando o Corpo Humano
  • Variação da atividade:
  • Incentivo
  • Outras Sugestões
  • Baixa resistência a frustração
  • Distração e Insistência em realizar atividades restritas e de seu próprio interesse / baixa socialização.
  • Dificuldade de organização
  • Bibliografia