Curso Online de Sistema esquelético

Curso Online de Sistema esquelético

Definição de ossos, funções, articulações, fraturas, tipos de mobilização.

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 4 horas

De: R$ 40,00 Por: R$ 25,00
(Pagamento único)

Mais de 0 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

Definição de ossos, funções, articulações, fraturas, tipos de mobilização.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa. Os certificados são impressos em papel de gramatura diferente e com marca d'água.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.

Modelo de certificados (imagem ilustrativa):

Frente do certificado Frente
Verso do certificado Verso
  • Sistema esquelético e fraturas

    Enfª Priscila S Delpintor

    Sistema esquelético e fraturas

  • O que é osso?

    O que é osso?

    Osso ou tecido ósseo é uma forma rígida de tecido conectivo que forma a maior parte do esqueleto; Mais de 200 ossos constituem a estrutura de sustentação e proteção do corpo.

    Enfª Priscila S Delpintor

  • Funções dos ossos

    Funções dos ossos

    1) Suporte
    2) Proteção
    3) Movimento
    4) Produção de células sanguíneas
    5) Armazenamento de sais minerais.

    Enfª Priscila S Delpintor

  • FUNÇÕES DO ESQUELETO

    FUNÇÕES DO ESQUELETO

    PROTEÇÃO: protege de lesões órgãos vitais internos

    Ex.:
    Cavidade Craniana - Encéfalo;
    Canal das Vértebras - Medula Espinal;
    Caixa Torácica - Órgãos Torácicos;
    Pelve Óssea - Bexiga Urinária

    Enfª Priscila S Delpintor

  • SUPORTE: atua como arcabouço do corpo, dando sustentação aos tecidos moles e provendo pontos de fixação para a maioria dos músculos do corpo.
    MOVIMENTO: músculos fixados ao esqueleto e ossos se relacionando por articulações móveis, determinam o tipo e a amplitude do movimento que o corpo é capaz de fazer.

    Enfª Priscila S Delpintor

  • DEPÓSITO DE MINERAIS: Cálcio, fósforo, potássio e outros minerais são estocados nos ossos do esqueleto. Estes minerais podem ser mobilizados e distribuídos pelo sistema vascular sanguíneo e para outras regiões do corpo.

    HEMATOPOESE: A medula óssea vermelha de certos ossos produz as células sanguíneas encontradas no sistema circulatório.

    Enfª Priscila S Delpintor

  • CLASSIFICAÇÃO DOS OSSOS

    CLASSIFICAÇÃO DOS OSSOS

    LONGOS: Comprimento maior que a largura e espessura.
    Ex.: Úmero, Rádio, Ulna, Fêmur, Tíbia, Falanges

    CURTOS: comprimento, largura e altura se equivalem.
    Ex.: Carpo (mão), Tarso (pé)

    PLANOS OU LAMINARES: Comprimento e largura equivalentes, sendo maiores que a espessura. Ex.: Escápula, Frontal, Parietal, Occipital

    Enfª Priscila S Delpintor

  • IRREGULARES: Formas variadas, não se encaixando em nenhuma das categorias anteriores.
    Ex.: Vértebras, Esfenóide, Etmóide
    PNEUMÁTICOS: Presença de cavidades com ar, cuja função é atuar na fala.
    Ex.: Frontal, Maxilar, Esfenóide
    SESAMÓIDES: o que os caracteriza é o local onde estão inseridos: dentro de cartilagem (tendão) ou dentro de cápsula articular. Ex.: Patela, Pisiforme, Hióideo

    Enfª Priscila S Delpintor

  • ASPECTO MACROSCÓPICO

    ASPECTO MACROSCÓPICO

    Substância Óssea Compacta
    Densa, sólida.
    Lamínulas de tecido ósseo firmemente aderidas umas às outras, sem espaço livre interposto.
    Predominam na diáfise dos ossos longos
    Envolve uma cavidade medular central e longitudinal

    Enfª Priscila S Delpintor

  • Substância Óssea Esponjosa
    Lamínulas de tecido ósseo são mais irregulares em forma e tamanho, deixando espaços entre si, preenchido pela medula óssea.
    Constitui as epífises dos ossos longos, curtos, revestido por fina camada de osso compacto.
    Periósteo:
    Dupla camada de tecido conjuntivo especializado
    Reveste os ossos com exceção superfícies articulares

    Enfª Priscila S Delpintor

  • Descrição de superfícies ósseas

    Descrição de superfícies ósseas

    Saliências: Articulação de ossos entre si, fixar músculos, ligamentos, cartilagens, etc.
    Cabeça: Superfície globosa, serve como superfície articular.
    Côndilo: Tubérculo ósseo arredondado que sustenta uma parte de uma articulação.
    Face: Superfície articular achatada ou pouco profunda.

    Enfª Priscila S Delpintor


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 25,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • Sistema esquelético e fraturas
  • O que é osso?
  • Funções dos ossos
  • FUNÇÕES DO ESQUELETO
  • CLASSIFICAÇÃO DOS OSSOS
  • ASPECTO MACROSCÓPICO
  • Descrição de superfícies ósseas
  • CLASSIFICAÇÃO DAS ARTICULAÇÕES
  • FRATURAS
  • Consolidação óssea
  • Tratamento
  • Cuidados de enfermagem em imobilizações
  • Aparelho gessado
  • Tração
  • Fixação externa
  • Prótese de quadril