Curso Online de Genética  Patogênica

Curso Online de Genética Patogênica

Os genes são unidades hereditárias que contêm a informação para a produção de substâncias bioquímicas especificas na célula. Determinam a...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 9 horas

De: R$ 50,00 Por: R$ 29,90
(Pagamento único)

Mais de 0 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

Os genes são unidades hereditárias que contêm a informação para a produção de substâncias bioquímicas especificas na célula. Determinam a nossa constituição biológica. São eles que nos tornam parecidos com os nossos progenitores e controlam o nosso crescimento e aparência. Também determinam a nossa resistência a determinadas doenças assim como a predisposição relativamente a outras - as chamadas doenças genéticas


Os fatores genéticos são responsáveis por cerca de 22% das doenças. Apesar de ser um número considerável, muitas das anomalias genéticas em tempos tidas como incuráveis são hoje controláveis ou tratáveis com sucesso, desde que diagnosticadas numa fase precoce.

Apesar das doenças com causa exclusivamente genética serem individualmente raras, no seu conjunto são numerosas e importantes.

*TERAPEUTA NATURALISTA E MASSAGISTA. *TÉCNICO EM MEDICINA CHINESA, *TÉCNICO EM MEDICINA AYURVEDA *TÉCNICO EM MEDICINA E TIBETANA *CONSULTOR PROGRAMAÇÃO NEUROLINGUÍSTICA. *CONSULTOR INTELIGÊNCIA EMOCIONAL APLICADA EM SALA DE AULA. *TÉCNICO EM LEITURA DINÂMICA ,MAPAS MENTAIS E APRENDIZAGEM ACELERADA. *FORMADO EM QUÍMICA / BIOLOGIA



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.
  • Doenças
    Genéticas

  • Genética Mendeliana

    Genética Mendeliana

  • Variações de dominância

    Variações de dominância

    Dominância
    No heterozigoto, um alelo encobre o efeito fenotípico do outro
    Dominância incompleta ou semidominância
    O fenótipo do heterozigoto é intermediário aos fenótipos dos dois homozigotos.
    Co-dominância
    Há uma independência no funcionamento dos alelos. Os dois alelos contribuem igualmente para o fenótipo dos heterozigotos.

  • Relações de dominância

    Relações de dominância

  • Dominância incompleta

    Dominância incompleta

    Semidominância

  • Co-dominância

    Co-dominância

    Num certo sentido a co-dominância é a falta total de dominância. O heterozigoto exibe os fenótipos de ambos os homozigotos.

  • Co-dominância em eqüínos e bovinos

    Co-dominância em eqüínos e bovinos

    Diferente da dominância incompleta, ambos alelos são expressos

  • Alelos múltiplos

    Alelos múltiplos

    C > cch > ch > ca

    Ex.: Cor da pelagem em coelhos.
    4 alelos
    C  selvagem (aguti).
    cch  chinchila.
    ch  himalaia.
    ca  albino.

  • Sistema ABO

    Sistema ABO

    O gene I que determina o sistema sangüíneo ABO possui mais que um alelo dominante.
    A enzima codificada adiciona moléculas de açúcar aos lipídeos sobre a superfície das hemácias.
    IA adiciona Galactosamina
    IB adiciona Galactose
    i nenhum açúcar é adicionado

    Os alelos IA e IB são co-dominantes
    O alelo i é recessivo para ambos

    As diferentes combinações dos três alelos produz quatro fenótipos diferentes

  • Sistema ABO

    Sistema ABO

  • Sistema ABO

    Sistema ABO


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 29,90
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • Genética Mendeliana
  • Variações de dominância
  • Relações de dominância
  • Dominância incompleta
  • Co-dominância
  • Co-dominância em eqüínos e bovinos
  • Alelos múltiplos
  • Sistema ABO
  • Interação Gênica
  • Genes complementares
  • Epistasia em cães Labrador
  • Epistasia
  • Epistasia dominante
  • Epistasia recessiva
  • Epistasia em humanos
  • Efeito Bombaim
  • Cor da pelagem em mamíferos
  • Relação de dominância em pelagem de camundongos
  • Genes letais
  • Alelos letais dominantes
  • Penetrância e expressividade
  • Expressividade em Drosophila
  • Pleiotropia
  • Anemia falciforme
  • Genética Pos-mendel
  • Pleiotropia
  • Vinculação
  • Herança do sexo na espécie humana.
  • Anomalias ligadas ao sexo
  • Hemofilia
  • Síndrome de Down ou Trissomia
  • O fenótipo é visível incluindo retardo mental
  • Mosaicismo
  • Esquema do Mosaicismo
  • Translocação
  • Esquema do Translocação
  • SÍNDROME DE KLINEFELTER
  • Principais características (SÍNDROME DE KLINEFELTER)
  • Síndrome de Asperger
  • Principais características da Síndrome de Asperger
  • DOENÇAS GENÉTICAS
  • MALFORMAÇÕES CONGÊNITAS HUMANAS
  • DEFINIÇÃO
  • MALFORMAÇÃO
  • TIPOS DE MALFORMAÇÕES
  • TERATOLOGIA
  • MALFORMAÇÕES CAUSADAS POR FATORES GENÉTICOS
  • SÍNDROME DE TURNER
  • SÍNDROME DE DOWN
  • SÍNDROME DE KLINEFELTER
  • ADULTO COM SÍNDROME DE KLINEFELTER
  • ABERRAÇÕES CROMOSSÔMICAS ESTRUTURAIS
  • SÍNDROME DO CRI DU CHAT
  • SÍNDROME DO MIADO DO GATO
  • LEUCEMIA MIELÓIDE CRÔNICA
  • MALFORMAÇÕES CAUSADAS POR GENES MUTANTES
  • ACONDROPLASIA
  • SÍNDROME DO X FRÁGIL
  • MALFORMAÇÕES CAUSADAS POR FATORES AMBIENTAIS
  • TIPOS DE TERATÓGENOS
  • DOENÇAS MONOGÊNICAS
  • DOENÇAS MULTIFATORIAIS
  • DOENÇAS CROMOSSÔMICAS
  • DOENÇAS MONOGÊNICAS
  • ANEMIA FALCIFORME
  • DISTROFIA MIOTÔNICA
  • FENILCETONÚRIA
  • HEMOFILIA
  • DOENÇA DE TAY-SACHS
  • FIBROSE CÍSTICA
  • SÍNDROME DO X FRÁGIL
  • DOENÇAS MULTIFATORIAIS
  • ALZHEIMER
  • DOENÇAS CROMOSSÔMICAS
  • SÍNDROME DE WOLF-HIRSCHHRON