Curso Online de EXAME FÍSICO DE ENFERMAGEM NO SISTEMA CARDIOLÓGICO

Curso Online de EXAME FÍSICO DE ENFERMAGEM NO SISTEMA CARDIOLÓGICO

O CURSO VISA CAPACITAR O ENFERMEIRO A REALIZAR METODOLÓGICAMENTE O EXAME CARDIOLÓGICO, COM MEDIDAS CIENTÍFICAS, ASSIM COMO TERMINOLOGI...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 5 horas

Por: R$ 50,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

O CURSO VISA CAPACITAR O ENFERMEIRO A REALIZAR METODOLÓGICAMENTE O EXAME CARDIOLÓGICO, COM MEDIDAS CIENTÍFICAS, ASSIM COMO TERMINOLOGIA ADEQUADA.

Enfermeira a 15 anos, formada na Famerp, atua na educação continuada como coordenadora de treinamento e ainda atua como enfermira assistencia em unidade de terapia intensiva adulto.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • EXAME FÍSICO DE ENFERMAGEM NO SISTEMA CARDIOLÓGICO

    exame físico de enfermagem no sistema cardiológico

    enf. ariane vilanova alves dos santos

  • SISTEMA CARDIOLOGICO

    sistema cardiologico

    o exame físico do coração inclui a inspeção, a palpação e a ausculta.
    alguns anos atrás, fazia-se a percussão da área precordial com o intuito de detectarem alterações no volume cardíaco.

  • o uso rotineiro de rx e ecocardiograma veio mostrar a imprecisão dos resultados obtidos com a percussão, exceto quando se trata de grandes cardiomegalias. chegando a conclusão que este procedimento poderia ser eliminado da exploração semiológica do coração sem qualquer prejuízo.

  • INSPEÇAO E PALPAÇÃO:

    inspeçao e palpação:

    realizam-se a inspeção e a palpação simultaneamente, porque os achados semióticos tornam-se mais significativos quando analisados em conjunto. os parâmetros devem ser sistematicamente analisados:

  • -pesquisa de abaulamento: para tornar mais fácil o reconhecimento de abaulamento, a observação da região precordial deve ser feita em duas incidências - tangencial e frontal. o abaulamento desta região pode indicar a presença de aneurisma de aorta, cardiomegalias, derrame pericárdico e alterações da própria caixa torácica.

  • è importante diferenciar os abaulamentos por alterações da estrutura osteomuscular dos causados pelo crescimento do ventrículo direito. o que os distingue é a presença de impulsão do pericárdio, que aparece nos casos de hipertrofia.

  • POSIÇÃO

    posição

  • B - ICTUS CORDIS ou choque da ponta:

    b - ictus cordis ou choque da ponta:

    é estudado pela inspeção e palpação, investigando-se localização, extensão, mobilidade, intensidade e forma da impulsão, ritmo e freqüência.
    a localização do ictus cordis varia de acordo com o biótipo do paciente:

  • continuação - mediolineos: situa-se no cruzamento da linha hemiclavicular esquerda, com o 5° espaço intercostal. -brevelineos: desloca-se cerca de 2 cm para fora e para cima, situando-se no 4° espaço intercostal;

  • - longilineos: costuma estar no 6° espaço e, 1 ou 2 cm para dentro da linha hemiclavicular.

  • nos portadores de enfisema pulmonar, obesidade, musculatura muito desenvolvida ou grandes mamas, o ictus cordis pode tornar-se invisível ou impalpável.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 50,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • EXAME FÍSICO DE ENFERMAGEM NO SISTEMA CARDIOLÓGICO
  • SISTEMA CARDIOLOGICO
  • INSPEÇAO E PALPAÇÃO:
  • POSIÇÃO
  • B - ICTUS CORDIS ou choque da ponta:
  • Ao encontrar-se um frêmito, três características devem ser investigadas:
  • AUSCUTA:
  • Objetivo da Ausculta do Coração
  • -BULHAS CARDIACAS:
  • -RITMOS E FREQUENCIA:
  • -CLIQUES E ESTALIDOS:
  • -SOPROS:
  • -ATRITO PERICARDICO:
  • TERMINOLOGIA DE ENFERMAGEM