Curso Online de  Alimentação E Nutrição
5 estrelas 1 aluno avaliou

Curso Online de Alimentação E Nutrição

Com o Curso,o aluno aprenderá que a Nutrição é a ciência que estuda a composição dos alimentos, sendo assim, com ela podemos mapear as ne...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 8 horas

Por: R$ 24,99
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Com o Curso,o aluno aprenderá que a Nutrição é a ciência que estuda a composição dos alimentos, sendo assim, com ela podemos mapear as necessidades nutricionais de uma pessoa em diferentes estados de saúde, podendo utilizar desta ciência para auxiliar no tratamento de moléstias ou apenas para melhorar a qualidade de vida de um indivíduo.

*TERAPEUTA NATURALISTA E MASSAGISTA. *TÉCNICO EM MEDICINA CHINESA, *TÉCNICO EM MEDICINA AYURVEDA *TÉCNICO EM MEDICINA E TIBETANA *CONSULTOR PROGRAMAÇÃO NEUROLINGUÍSTICA. *CONSULTOR INTELIGÊNCIA EMOCIONAL APLICADA EM SALA DE AULA. *TÉCNICO EM LEITURA DINÂMICA ,MAPAS MENTAIS E APRENDIZAGEM ACELERADA. *FORMADO EM QUÍMICA / BIOLOGIA


- Barbara Bergamo

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • CURSO DE ALIMENTAÇÃO
    E
    NUTRIÇÃO

  • 1-Alimento-.Substância que fornece os elementos necessários ao organismo humano para a sua formação, manutenção e desenvolvimento.

    2-Aleitamento Materno - Conjunto de processos – nutricionais, comportamentais e fisiológicos – envolvidos na ingestão, pela criança, do leite produzido pela própria mãe, seja diretamente no peito ou por extração artificial.

    3-Alimentação – Processo Biológico e cultural que se traduz na escolha, preparação e consumo de um ou vários alimentos.

    4-Alimentação complementar adequada e oportuna – Aquela que se inicia como complemento ao aleitamento materno, a partir dos 4-5 meses de vida com dietas adequadas em quantidade e qualidade ( nutrientes e calorias).

    CONCEITOS BÁSICOS DE NUTRIÇÃO E ALIMENTAÇÃO

  • CONCEITOS BÁSICOS DE NUTRIÇÃO E ALIMENTAÇÃO

    5-Alimentos “in natura” – Produtos ofertados e consumidos em seu estado natural, sem sofrer alterações industriais que modifiquem suas propriedades físico-químicas (textura, composição, propriedades organolépticas). As frutas e o leite fresco são bons exemplos de alimentos “in natura”.

    6-Alimentos diet- Sua fórmula apresenta um dos ingredientes substituído totalmente,modificando assim, sua composição.Um exemplo é quando o açúcar é substituído pelo adoçante artificial, podendo o alimento ser consumido pelo diabético.Ex.geléia diet..

    7-Alimentos light- De modo geral, seguem formula original do produto,mas têm redução significativa (pelo menos 25%) de um dos nutrientes que abastecem o corpo com energia, tomando o alimento menos calóricos. Ex.creme de leite Light.

    8-Alimentos reguladores: representados por alimentos ricos em vitaminas , minerais, fibras e água, favorecem e aceleram as diversas atividades biológicas do organismos

  • CONCEITOS BÁSICOS DE NUTRIÇÃO E ALIMENTAÇÃO

    9-Alimentos construtores: representados principalmente por alimentos ricos em proteínas, tem função plástica, isto é, mantém os processos orgânicos de crescimento, desenvolvimento e de reparação dos tecidos.

    10-Alimentos energéticos: asseguram ao organismo a temperatura suficientes para manutenção do calor e produção de energia necessária para as funções do organismos em atividade de repouso.são representados principalmente por alimentos ricos em lipídeos e carboidratos.

    11-Alimentos transgênicos:resultante da modificação em labortário da sua composição genética, que por sua vez é responsável pelas características.

    12-Alimentos funcional:todo o alimento ou bebida que consumido na alimentação habitual, pode trazer benefícios fisiológicos e específicos Ex: peixes que contenham Omega 3 e 6 .Sinônimos :nutracêuticos.

  • CONCEITOS BÁSICOS DE NUTRIÇÃO E ALIMENTAÇÃO

    13-Anemia – Redução dos níveis de hemoglobina no sangue para valores abaixo dos limites estabelecidos como normais, de acordo com a idade, sexo e condição fisiológica.
    14-Avaliação antropométrica – Uso de medidas – principalmente peso e altura – como critério para avaliar o crescimento físico e, por extensão, o estado nutricional.

    15-Balanço energético: é o equilíbrio entre a energia ingerida através dos alimentos e a energia gasta para manutenção das funções corporais, no efeito dos alimentos e na prática de atividade física.

    16-Biodisponibilidade – O grau de aproveitamento de nutrientes específicos contidos nos alimentos, tomando como referência o conteúdo total – 100% - do princípio nutritivo considerado.

  • CONCEITOS BÁSICOS DE NUTRIÇÃO E ALIMENTAÇÃO

    17-Calorias(KCAL):unidade de calor usada em nutrição para indicar um equivalente energético.correspondente a quantidade de calor necessária para elevar em um grau (14,5 a 15,5 a temperatura de um litro de água sob pressão atmosférica ao nível do mar.

    18-Carências nutricionais – Situações em que deficiências gerais ou específicas de energia e nutrientes resultam na instalação de processos orgânicos adversos para a saúde.

    19-Colesterol: Associação de um ácido gordo com álcool que existe em todo organismo.Indispensável ao crescimento do organismo, no entanto, quando em valores elevados, prejudica a saúde.promovem de certas gorduras alimentares que ingerimos e forma-se no fígado.No sangue, encontra-se essencialmente sob a forma de colesterol total, HDL (bom colesterol) e LDL (mau colesterol)

    20-Composição dos alimentos – Valor nutritivo dos alimentos, ou seja, o seu conteúdo em substâncias
    específicas, como vitaminas, minerais e outros
    princípios.

  • CONCEITOS BÁSICOS DE NUTRIÇÃO E ALIMENTAÇÃO

    21-Cuidados nutricionais específicos-Ações recomendadas para situações peculiares de riscos nutricionais,como anemia, o bócio a hipovitaminose A e outras condições.

    22-Deficiência de micronutrientes – Estado orgânico de carência de princípios de nutritivos cujas exigências são muito pequenas, medindo-se em miligramas diárias, como a vitaminas A, o ferro, o iodo e o zinco

    23-Deficiência energética - protéica – Também chamada desnutrição energético – protéica, refere-se ao estado nutricional que ressalta a deficiência de calorias e de proteínas. Ocorre sobretudo em crianças.

    24-Déficit de altura – Atraso do crescimento estatural, quando comparado com os padrões de normalidade por sexo e idade.

  • CONCEITOS BÁSICOS DE NUTRIÇÃO E ALIMENTAÇÃO

    25-Déficit antropométrica – Atraso nas relações peso/idade, peso/altura, altura/idade, tomando como referências tabelas de normalidade convencionalmente recomendadas. Pode referir-se a outros índices de medidas corporais.

    26-Déficit peso/medida – A explicação está implícita na terminologia do déficit antropométrica

    27- Desidratação: Déficit de água e eletrólitos, suficientemente grave para produzir alterações bioquímicas e sinais clínicos detectáveis, com aumento da temperatura , respiração ofegante,caibras,fadiga muscular,visão turva ou exaustão.

    28-Desnutrição – Termo genérico usualmente empregado para discriminar deficiências nutritivas, referindo-se principalmente, à desnutrição energético – protéica. Ver as definições correspondentes a déficits antropométricos, desnutrição energético-protéica, deficiência de micronutrientes,
    que seriam casos específicos de desnutrição ou
    de doenças carências.

  • CONCEITOS BÁSICOS DE NUTRIÇÃO E ALIMENTAÇÃO

    29-Desnutrição crônica – Processo carencial de longa duração, expresso, ilustrativamente, no déficit de altura.

    30-Diabetes – Processo de intolerância à glicose, que se traduz, convencionalmente, na elevação do “açúcar” no sangue e sua presença eventual na urina.

    31-Dieta – Genericamente, corresponde aos padrões alimentares dos indivíduos. Especificamente, pode representar uma combinação recomendada de alimentos em determinadas proporções para atender necessidades terapêuticas.

    32-Dieta equilibrada-Dieta que contem diferentes alimentos em proporções adequadas para satisfazer as necessidades de nutrientes.

  • CONCEITOS BÁSICOS DE NUTRIÇÃO E ALIMENTAÇÃO

    33- Dislipidemias- termo que se refere às alterações, quase sempre por excessos, nos teores de lipídeos ou gorduras do sangue, como colesterol e triglicérides.

    34-Distúrbios nutricionais – São problemas de saúde decorrentes da má nutrição, ou seja, situações patológicas de etiologia nutricional.

    35-Doenças da nutrição – Terminologia para uma grande variedade de doenças que resultam do baixo consumo, do consumo excessivo ou do desequilíbrio prolongado da ingestão e utilização de princípios nutritivos que devem ser harmonicamente combinados. Várias referências anteriores configuram essas situações: bócio, deficiências nutricionais, desnutrição. Ver também dislipidemias e obesidade.

    36-Estado nutricional:situação do organismo resultante da ingestão de alimentos, de sua assimilação e utilização, assim como: agentes infecciosos ou parasitários que interferem nesses processos.

  • CONCEITOS BÁSICOS DE NUTRIÇÃO E ALIMENTAÇÃO

    37- Gordura abdominal - Existem dois tipos de gordura do abdômen.Ao contrário da gordura subcutânea, diretamente armazenada debaixo da pele , a gordura visceral ou intra-abdominal situa-se dentro da região abdominal e representa um sério risco cardiovascular.este tecido adiposo intra –abdominal, que envolve os principais órgão do corpo, interfere no metabolismo da glicose e causa níveis elevados de colesterol VLDL e triglicérides.Estás ainda relacionado com o desenvolvimento de fatores de risco para saúde como resistência a insulina , a síndrome metabólica a hipertensão , inflamação e trombose.

    38-IMC: Índice de massa corpórea ou índice de Quetelet, calcula-se pela formula IMC= peso/altura ², desenvolvido há mais de 150 anos e atualmente muito utilizado para avaliação corporal.

    39-Medidas profiláticas – Medidas tomadas
    para a prevenção de doenças ou de agravos
    nutricionais.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 24,99
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • Nutrição
  • Obesidade
  • Controle do peso
  • NUTRIENTES
  • PROCESSO DIGESTIVO
  • DIETA SAUDÁVEL
  • QUALIDADE
  • QUANTIDADE
  • CONTROLE DO PESO
  • SOBREPESO E OBESIDADE
  • ETIOLOGIA
  • ACÚMULO DE GORDURA
  • CONTROLE DA FOME/SACIEDADE
  • OBESIDADE
  • MÉTODOS DE MEDIDA DA GORDURA CORPORAL
  • ÍNDICE DE MASSA CORPORAL
  • CIRCUNFERÊNCIA
  • COMO PREVENIR OBESIDADE
  • COMO TRATAR A OBESIDADE
  • PRESCRIÇÃO DE EXERCÍCIO PARA OBESOS
  • Nutrição em situações especiais
  • Hepatopatia
  • Oncologia
  • Nefropatia
  • Dieta e Rim Normal
  • Crescimento
  • Dieta Crianças Sadias
  • Conceito Consagrado
  • Crianças e Adolescentes Doença Renal
  • Terapia Nutricional
  • Avaliação Nutricional
  • Síndrome Nefrótica
  • Orientação Nutricional
  • Insuficiência Renal Aguda
  • Insuficiência Renal Crônica
  • Nutrição Enteral
  • Orientação Nutricional
  • Terapia Renal Substitutiva - CAPD
  • Hemodiálise
  • Transplante
  • Cardiologia
  • Cirurgia
  • Obrigada
  • Alimentos Orgânicos
  • ALIMENTAÇÃO FORA DE CASA
  • Café da Manhã
  • Almoço e Jantar
  • Sal de Ervas
  • Alimentação e Nutrição
  • Métodos de captação e ingestão de alimentos
  • Captação por filtração
  • Ingestão de fluidos
  • Ingestão de fluidos
  • Filtração no kril
  • Universalidade da dependência da luz solar?
  • Digestão
  • Nutrição
  • Equilíbrio Calórico
  • Controle da ingestão de alimentos
  • Fontes de Energia
  • Substâncias Específicas
  • Importância dos Simbiontes em Nutrição
  • Defesa Química
  • Usando o veneno já pronto
  • Defesa Química
  • Manufaturando seu próprio veneno