Curso Online de DOENÇA DA ALZHEIMER

Curso Online de DOENÇA DA ALZHEIMER

CURSO descreve sobre a doença de Alzheimer Definição Fisiopatologia Fases e sinais de alerta Risco e Proteção Epidemiologia Prevenção de ...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 5 horas

Por: R$ 40,90
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

CURSO descreve sobre a doença de Alzheimer
Definição
Fisiopatologia
Fases e sinais de alerta
Risco e Proteção
Epidemiologia
Prevenção de acidentes
Diagnóstico
Tratamento

Formada no curso de fisioterapia. Crítica, admiradora e sempre em busca de conhecimentos CURSOS: urgências e emergências; Raios x; DRY NEEDLING; Semiologia pediátrica; Reabilitação do complexo de ombro; Abordagem fisiotetapêutica em órteses e prótese; VENTILAÇÃO MECÂNICA EM PEDIATRIA; URGÊNCIAS EM PEDIATRIA.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • DOENÇA DE ALZHEIMER

    DOENÇA DE ALZHEIMER

    Milian Oliveira

  • MAL DE ALZHEIMER

    MAL DE ALZHEIMER

    A base histopatológica da doença foi descrita pela primeira vez pelo neuropatologista alemão Alois Alzheimer em 1906

    FONTE: GOOGLE IMAGENS

  • DOENÇA DE ALZHEIMER

    DOENÇA DE ALZHEIMER

    Definição
    Fisiopatologia
    Fases e sinais de alerta
    Risco e Proteção
    Epidemiologia
    Prevenção de acidentes
    Diagnóstico
    Tratamento

    FONTE: GOOGLE IMAGENS

  • DOENÇA DE ALZHEIMER

    DOENÇA DE ALZHEIMER

    A doença de Alzheimer (DA) pronuncia-se (AU-ZAI-MER) é uma doença degenerativa, progressiva que compromete o cérebro causando:diminuição da memória, dificuldade no raciocínio e pensamento e alterações  comportamentais.
    Definida por muitos como “mal do século”, “peste negra”, “epidemia silenciosa” etc. a DA é ainda pouco conhecida em nosso meio e tem efeito devastador sobre a família e o doente.

  • DOENÇA DE ALZHEIMER

    DOENÇA DE ALZHEIMER

    A doença de Alzheimer é a forma mais comum de demência, é uma doença neurodegenerativa cujo curso desenvolve-se ao longo de 5 a 10 anos de forma progressiva e inexorável.
    O conceito de demência remete para uma alteração global e persistente do funcionamento cognitivo, suficientemente grave para ter repercussões na vida profissional, social e familiar do indivíduo.

  • DOENÇA DE ALZHEIMER

    DOENÇA DE ALZHEIMER

    A demência , palavra de origem latina (dementia) , é definida como : “qualquer deterioração mental” (Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa) .
    Demência é um termo genérico, definida a partir da deterioração das habilidades intelectuais adquiridas, comprometimento da memória, da orientação, do pensamento abstrato e de alterações do comportamento.

  • FISIOPATOLOGIA

    FISIOPATOLOGIA

    ALTERAÇÕES ESTRUTURAIS

  • Nas alterações estruturais pode mencionar-se um emaranhado neurofibrilar e placas senis. O emaranhado é constituído por neurónios anormais cujo citoplasma possui fragmentos de proteínas anormais - filamentos de hélice emparelhadas.
     
    A placa senil é um cacho de nervos terminais degenerativos cujo o axónio e os dendritos contêm proteína amilóide.
     

  • PLACA SENIL

    PLACA SENIL

    A placa senil é uma lesão esférica, extra celular, constituída por um núcleo de substancia amilóide, no centro, e por uma coroa de axónios associada a células gliais.

    A substancia amilóide é constituída essencialmente por uma proteína chamada -amilóide; a placa senil encontra-se principalmente no córtex cerebral e são marcadas por anticorpos A- .

  • Estas placas e o emaranhado encontram-se localizados em áreas de células que se perdem no cérebro da pessoa com esta patologia.

    Estas áreas não são mais do que a associação de áreas neocorticais e do hipocampo sendo responsáveis pelo declínio cognitivo.  

    FONTE: GOOGLE IMAGENS

  • DEGENERÊNCIA NEUROFIBRILAR

    DEGENERÊNCIA NEUROFIBRILAR

    A degenerência neurofibrilar é uma lesão intraneuronal constituída por neurofilamentos anormais organizados em pares de filamentos em hélice.

    A análise bioquímica destas lesões permitiu caracterizar uma proteína essencial: a proteína tau (). Neste caso ela é anormal, porque está hiperfosforilada. Estas lesões estão marcadas por anticorpos anti-T.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 40,90
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • DOENÇA DE ALZHEIMER
  • MAL DE ALZHEIMER
  • DOENÇA DE ALZHEIMER
  • FISIOPATOLOGIA
  • PLACA SENIL
  • DEGENERÊNCIA NEUROFIBRILAR
  • Cérebro (Normal e com doença de Alzheimer)
  • FISIOPATOLOGIA
  • FASES E SINAIS DE ALERTA
  • FATORES DE RISCO
  • FATORES DE PROTEÇÃO
  • EPIDEMIOLOGIA
  • ÓBITOS POR ALZHEIMER
  • PREVENÇÃO DE ACIDENTES
  • DIAGNÓSTICO
  • TRATAMENTO DOS SINTOMAS DE COMPORTAMENTO
  • TRATAMENTOS QUE RETARDAM A EVOLUÇÃO DA DOENÇA
  • MEDICAMENTOS A EVITAR
  • CUIDADOS SOMÁTICOS
  • AJUDA DA FAMÍLIA
  • CENTRO DE CUIDADOS
  • PLANO DE CUIDADOS
  • OUTROS POSSÍVEIS DIAGNÓSTICOS
  • CONCLUSÃO
  • REFERÊNCIAS