Curso Online de CIPA - COMISSÃO INTERNA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES - Módulo 08
5 estrelas 3 alunos avaliaram

Curso Online de CIPA - COMISSÃO INTERNA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES - Módulo 08

*CIPA - COMISSÃO INTERNA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES - mÓDULO 08; *Proteção Auditiva; *SOM É UMA FORMA DE ENERGIA; *UNIDADE DE MEDID...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 4 horas

Por: R$ 29,90
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

*CIPA - COMISSÃO INTERNA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES - mÓDULO 08;

*Proteção Auditiva;
*SOM É UMA FORMA DE ENERGIA;
*UNIDADE DE MEDIDA DO RUÍDO;
*Proteção Auditiva Limites de Tolerância;
*EXEMPLOS TÍPICOS DE RUÍDOS;
*O QUE É PERDA AUDITIVA?
*PERDA AUDITIVA NEUROSSENSORIAL;
*PERDA AUDITIVA CONDUTIVA;
*PERDA AUDITIVA MISTA;
*O QUE É SOM;
*O QUE É RUIDO;
*SOM INTERMITENTE;
*POLUIÇÃO SONORA;
*NÍVEIS DE PRESSÃO SONORA;
*VOLUME DO SOM;
*Perda Auditiva;
*Proteção Auditiva;
*FORMA CORRETA DE UTILIZAR OS PROTETORES AURICULARES ? Concha ou Abafador;
*EFEITOS NOCIVOS DO RUIDO;
*DOENÇAS PROFISSIONAIS CAUSADAS PELO RUIDO E SUA PREVENÇÃO;
*CUIDADOS COM O PROTETOR AURICULAR TIPO PLUGUE;
*CUIDADOS COM O PROTETOR AURICULAR TIPO CONCHA;

Minas Especializações; *Graduando em Gestão Ambiental, *Técnico em Segurança do Trabalho Reg.MTE nº 25.482/MG; *Bombeiro Profissional Civil - Nível 2 -ABNT/NBR 14.276; *NR 33 Supervisor de Entrada em Espaço Confinado; *Instrutor de Curso de Operador de Empilhadeiras; *Coordenador de Brigada de Emergência; E-mail: tecsegtrab.aguiar@hotmail.com.br ou tecsegtrab.aguiar@gmail.com - Siga no Blog: http://aguiarsst.blogspot.com/ Cursos Complementares: *Política Nacional de Gerenciamento de Resíduos Sólidos - PNGRS; * OHSAS 18000:2007 - Sistema de Gestão de saúde e Segurança Ocupacional; *Brigadista de Incêndio; * TPM - Total Perfeição da Manufatura; *NR 10 - Segurança em Instalações e Serviços em Eletricidade; *Curso de Operador de Empilhadeiras -SEST/SENAT; *MOPP - Movimentação e Operação de Produtos Perigosos; *Curso de Auto Controle (Qualidade) - SENAI; *Legislação Trabalhista - SENAI; *Educação Ambiental -SENAI; *Saúde e Segurança Rural - SENAR; * PPRA, PCMAT, PPP,CIPA, SIPAT, LTCAT, FMEA, PAE, PGR. *NR 12 Segurança de Máquinas e Equipamentos;


- Maria Fausta

- Amamdeu Fernandes

- Ramires Rodrigues Nunes

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • CIPA - COMISSÃO INTERNA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES

    CIPA - COMISSÃO INTERNA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES

    MOD 08

  • Campanha
    Proteção Auditiva

  • Proteção Auditiva

    Proteção Auditiva

    SOM & RUÍDO

    Izaias de Souza Aguiar

  • Proteção Auditiva

    Proteção Auditiva

    Objetivo desta Palestra:

    Orientar e despertar em todos os funcionários a importância para o cuidado com sua audição, um bem que não é utilizado apenas no trabalho, mas em toda a sua vida.

  • Proteção Auditiva

    Proteção Auditiva

    Vivemos em um mundo ruidoso. Não podemos vê-los, porém sabemos que os sons inconvenientes estão presentes diariamente em nossas vidas.
    No ambiente de trabalho, a exposição frequente aos ruídos de alta intensidade, vão, abruptamente em alguns casos, ou gradativamente em outros, reduzindo nossa habilidade auditiva por meio de um processo irreversível.
    Por esta razão, conhecer os conceitos sobre som, ruídos, riscos envolvidos à exposição e as possibilidade de realizar a apropriada atenuação com a utilização de EPI, são necessários para uma correta ação preventiva das empresas e seus colaboradores..

  • SOM É UMA FORMA DE ENERGIA

    SOM É UMA FORMA DE ENERGIA

    O som é uma forma de energia e, como tal, obedece às leis
    fundamentais da física.
    Segundo definição dada pela ABNT, o som é “toda e qualquer vibração ou onda mecânica em um meio elástico (no ar, água ou outro meio) dentro da faixa de áudio frequência.” Quando a intensidade ou frequência destas vibrações, transmitidas na forma de ondas, agride e não é conveniente ao sistema auditivo dos seres humanos, o som altera seu nome e passa a se chamar ruído.

  • UNIDADE DE MEDIDA DO RUÍDO

    UNIDADE DE MEDIDA DO RUÍDO

    O ruído possui duas unidades de grandeza. A frequência, que é o número de vezes que a oscilação de pressão é repetida, na unidade de tempo, normalmente, é medida em ciclos por segundo ou Hertz (Hz).

  • UNIDADE DE MEDIDA DO RUÍDO

    UNIDADE DE MEDIDA DO RUÍDO

    A outra grandeza é a intensidade, que pode ser definida como o volume do som ou ruído, cuja unidade é o decibel (dB). É caracterizada por som forte ou fraco.

  • Proteção Auditiva Limites de Tolerância

    Proteção Auditiva Limites de Tolerância

    A agressão causada pelo ruído ao sistema auditivo do ser humano está associado basicamente a três grandezas:
    intensidade, e frequência da onda sonora e período ao qual o indivíduo ficará exposto ao som.
    Obviamente, cada indivíduo possui uma sensibilidade audível diferente do outro e que pode variar com a idade, sexo, etnia e exposições anteriores.

  • Proteção Auditiva Limites de Tolerância

    Proteção Auditiva Limites de Tolerância

    Os limites de intensidade sonora que pode ser alcançada pelo ser humano é de 0dB até 120dB e a frequência entre 20Hz até 20.000Hz. Os sons que são produzidos abaixo dos 20Hz são denominados infra-sons e os produzidos acima dos 20.000Hz, denominados ultra-sons.
    Apesar do alcance ser estendido aos limites apresentados, há uma limitação com relação a intensidade permitida para o ser humano sem que haja nenhum problema de saúde.

  • Proteção Auditiva Limites de Tolerância

    Proteção Auditiva Limites de Tolerância

    Esta limitação auditiva, aplicada tanto para ruído contínuo ou intermitente co-relaciona a intensidade ao tempo em que o indivíduo estará exposto e está regulamentada de acordo com o Anexo I da Norma Regulamentadora (NR 15), Portaria 3.214 de 08/06/1978 (Ministério do Trabalho e Emprego), que dispões sobre o programa de Prevenção de Riscos Ambientais - PPRA. E pelo acompanhamento por um programa de Controle Auditivo.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 29,90
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • *CIPA - COMISSÃO INTERNA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES - mÓDULO 08;
  • *Proteção Auditiva;
  • *SOM É UMA FORMA DE ENERGIA;
  • *UNIDADE DE MEDIDA DO RUÍDO;
  • *Proteção Auditiva Limites de Tolerância;
  • *EXEMPLOS TÍPICOS DE RUÍDOS;
  • *O QUE É PERDA AUDITIVA?
  • *PERDA AUDITIVA NEUROSSENSORIAL;
  • *PERDA AUDITIVA CONDUTIVA;
  • *PERDA AUDITIVA MISTA;
  • *O QUE É SOM;
  • *O QUE É RUIDO;
  • *SOM INTERMITENTE;
  • *POLUIÇÃO SONORA;
  • *NÍVEIS DE PRESSÃO SONORA;
  • *VOLUME DO SOM;
  • *Perda Auditiva;
  • *Proteção Auditiva;
  • *FORMA CORRETA DE UTILIZAR OS PROTETORES AURICULARES ? Concha ou Abafador;
  • *EFEITOS NOCIVOS DO RUIDO;
  • *DOENÇAS PROFISSIONAIS CAUSADAS PELO RUIDO E SUA PREVENÇÃO;
  • *CUIDADOS COM O PROTETOR AURICULAR TIPO PLUGUE;
  • *CUIDADOS COM O PROTETOR AURICULAR TIPO CONCHA;
  • Izaias de Souza Aguiar - técnico em Segurança do Trabalho Reg.MTE nº 25.482/