Curso Online de SOCORRISTA - PRIMEIROS SOCORROS
5 estrelas 2 alunos avaliaram

Curso Online de SOCORRISTA - PRIMEIROS SOCORROS

Como iniciar os primeiros socorros, dicas, causas, classificação. OUTROS CURSOS http://www.buzzero.com/autores/luis-pereira

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 4 horas

Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Como iniciar os primeiros socorros, dicas, causas, classificação.
OUTROS CURSOS
http://www.buzzero.com/autores/luis-pereira

Luis Carlos Pereira santos, Atuo como técnico de segurança do trabalho em empresas, consultorias e escolas profissionalizantes, estou cursando formação superior em enfermagem.ministro aulas em escolas técnicas. trabalho com treinamentos de segurança,meio ambiente e saúde ocupacional é elaboração de documentos, sou habilitado em bombeiro profissional civil sendo bombeiro lider e eletricista Básico.


- Eugenio Arena Antonucci

- Isaac Jacob Zetune

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • PRIMEIROS SOCORROS

    PRIMEIROS SOCORROS

  • PRIMEIROS SOCORROS

    PRIMEIROS SOCORROS

    Propósito
    Proporcionar ao aluno conhecimentos básicos sobre as técnicas de primeiros socorros a bordo e de prevenção a saúde.
    Objetivos
    conceituar primeiros socorros;
    identificar os sinais vitais em um acidentado: respiração, pulsação e temperatura;
    aplicar os procedimentos de primeiros socorros em caso de contusões e escoriações; e
    citar os procedimentos para o transporte seguro de um acidentado.

  • Conceito de primeiros socorros

    Conceito de primeiros socorros

    Os primeiros socorros são atendimentos básicos e simples dados à vítima no local do acidente ou próximo a este. O fundamental é saber que, em situações de emergência, deve-se manter a calma e ter em mente que a prestação de primeiros socorros não exclui a importância de um médico. Além disso, certifique-se de que há condições seguras o bastante para a prestação do socorro sem riscos para você.

  • Quando devemos prestar socorro?

    Quando devemos prestar socorro?

    Sempre que a vítima não esteja em condições de cuidar de si própria.

    Não se esqueça de que um atendimento de emergência mal feito pode comprometer ainda mais a saúde da vítima.

  • Quando devemos prestar socorro?

    Quando devemos prestar socorro?

    Materiais básicos de Primeiros Socorros

  • Quais são as primeiras atitudes?

    Quais são as primeiras atitudes?

    É comum, ao presenciarmos um acidente, depararmos com cenas de sofrimento, nervosismo, pânico, pessoas inconscientes e outras situações que exigem providências imediatas. Quando não estivermos sozinhos, devemos pedir e aceitar a colaboração de outras pessoas, sendo importante que a liderança seja exercida pela pessoa que apresentar maior conhecimento e experiência. Se essa pessoa de maior experiência e conhecimento for você, solicite a ajuda das demais pessoas, com calma e firmeza, demonstrando a cada uma o que deve ser feito, de forma rápida e precisa. Apesar da gravidade da situação devemos agir com calma, evitando o pânico.

  • Socorrista

    Socorrista

    É como chamamos o profissional em atendimento de emergência. Portanto, uma pessoa que possui apenas o curso básico de Primeiros Socorros não deve ser chamado de Socorrista e sim de atendente de emergência. Devemos, sempre que possível, preferir o atendimento destes socorristas e paramédicos, que contam com formação adequada e equipamentos especiais.
    Atendimento Especializado: Na maioria das cidades e rodovias importantes é possível acionar o atendimento especializado, que chega ao local do acidente de trânsito em poucos minutos.

  • Parada cardiorrespiratória

    Parada cardiorrespiratória

    Conceito
    Vários são os acidentes que provocam uma parada da respiração: asfixia, afogamento, intoxicação por medicamentos ou monóxido de carbono, sufocamento, choque elétrico. Se as funções respiratórias não forem restabelecidas dentro de 3 a 5 minutos, as atividades cerebrais cessarão totalmente, ocasionando a morte.
    Assim sendo, a manutenção da oxigenação dos tecidos à custa da respiração artificial tem possibilitado a recuperação de muitas pessoas.

  • Sintomas de uma parada cardiorrespiratória

    Sintomas de uma parada cardiorrespiratória

    Alguns sinais de que houve parada respiratória são a ausência de respiração (expansão do tórax) e a dilatação das pupilas. Em decorrência da gravidade de um acidente, pode acontecer a parada cardiorrespiratória, levando a vítima a apresentar, além da ausência de respiração e pulsação, inconsciência, pele fria e pálida, lábios e unhas azulados.
    Sinais de que houve parada cardíaca:
    pulso ausente;
    insuficiência respiratória;
    dilatação nas pupilas dos olhos;
    perda da consciência;
    cianose (coloração arroxeada da pele e lábios);
    ausência de batimentos cardíacos

  • Cont.

    Cont.

    Esquema da ressuscitação cardiorrespiratória básica
    colocar a vítima deitada de costas em uma superfície rígida;
    apoiar a metade inferior da palma da mão no terço inferior do osso esterno e colocar a outra mão por cima da primeira (os dedos e o restante da palma da mão devem encostar no tórax da vítima);
    esticar os braços e comprimir verticalmente o tórax do acidentado;
    fazer regularmente compressões curtas e fortes (cerca de 60 por minuto); e
    concomitantemente, associar a respiração artificial, seguindo um ritmo de cinco compressões para cada respiração aplicada.

  • Procedimentos de massagem cardíaca

    Procedimentos de massagem cardíaca

    Enquanto o ajudante enche os pulmões, soprando adequadamente para insuflá-los, pressione o peito a intervalos curtos de tempo, até que o coração volte a bater.
    Esta seqüência deve ser feita da seguinte forma: se você estiver sozinho, faça dois sopros para cada quinze pressões no coração; se houver alguém o ajudando, faça um sopro para cada cinco pressões.

    Observar o nível de consciência


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • PRIMEIROS SOCORROS
  • Conceito de primeiros socorros
  • Quando devemos prestar socorro?
  • Quais são as primeiras atitudes?
  • Socorrista
  • Parada cardiorrespiratória
  • Sintomas de uma parada cardiorrespiratória
  • Cont.
  • Procedimentos de massagem cardíaca
  • Cont.
  • CONTINUAÇÃO
  • Cont.
  • Técnica de massagem cardíaca
  • Cont.
  • TRAUMA NA COLUNA VERTEBRAL
  • QUEIMADURAS
  • QUEIMADURAS CLASSIFICAÇÃO
  • QUEIMADURAS O QUE NUNCA FAZER
  • Choque elétrico
  • O que acontece
  • Choque Elétrico
  • Procedimentos em caso de choque elétrico
  • DEZ MANDAMENTOS DO SOCORRISTA
  • MANTER A CALMA EVITAR PÂNICO
  • OBSERVAÇÃO: PARA CONCLUIR O CURSO O ALUNO TERÁ QUE ESTA LOGADO AS 4 HORAS DO CURSO, SE NÃO FICAR, O CERTIFICADO CONSTARÁ APENAS O TEMPO EM QUE FICOU.
  • EXEMPLO: CURSO DE 2 HORAS, ACABOU EM 1 HORA, NO CERTIFICADO ESTARÁ CARGA HORÁRIA 1 HORA.