Curso Online de NR 10 SEP

Curso Online de NR 10 SEP

Curso obrigatório para profissionais da área de elétrica - Portaria 598/2004 do Ministério do Trabalho e Emprego - Certificado digital q...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 8 horas

De: R$ 40,00 Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Mais de 20 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

Curso obrigatório para profissionais da área de elétrica - Portaria 598/2004 do Ministério do Trabalho e Emprego

- Certificado digital que atende as exigências legais do Ministério do Trabalho e CREA enviado por e-mail.
- Em caso de solicitações de Certificado impresso por favor entrar em contato pelo e-mail fcrhengenharia@gmail.com para obter informações sobre o procedimento e os custos.
O certificado digital apresentado no final do curso é um certificado para curso livre. Para solicitar o certificado que atende as exigências legais do Ministério do Trabalho e CREA siga os passos abaixo:
Acessar 100% do curso
Completar a Avaliação final e ser aprovado na mesma
Solicitar o envio pelo e-mail fcrhengenharia@gmail.com juntamente com seus dados (Nome Completo, Endereço Completo, RG e CPF)

- Profissionais Habilitados e Autorizados Pelo CREA e MTE.
Autores: Eng. Eletricista Fábio Ribeiro da Cruz
Eng. Segurança do Trabalho Régis Humberto Carlos
FC&RH Engenharia - Treinamentos, consultorias e soluções industriais.

Engenheiro eletricista, com mais de 12 anos de experiência na área industrial.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa. Os certificados são impressos em papel de gramatura diferente e com marca d'água.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.

Modelo de certificados (imagem ilustrativa):

Frente do certificado Frente
Verso do certificado Verso
  • Curso NR10 - SEP
    40 horas
    Formação

    Engenheiro eletricista Fábio Ribeiro da Cruz
    Engenheiro de segurança do trabalho Regis Humberto Carlos

  • 1) ORGANIZACAO DO SISTEMA ELETRICO DE POTENCIA - SEP

  • ORGANIZACAO DO SISTEMA ELETRICO DE POTENCIA - SEP

    “Sistema Eletrico de Potência (SEP) e o conjunto das instalacoes e equipamentos destinados à Geração, Transmissão, Distribuição de Energia Elétrica, até a medição, inclusive.”

    Definir como é a organização de um Sistema Elétrico de Potência (SEP) é de fundamental importância para dar um embasamento ao tema. Neste capítulo abordaremos de maneira ampla a organização do SEP e seu conjunto de equipamentos e instalações referentes a todas as funções dentro do campo de energia elétrica.

    O Sistema Elétrico de Potência tem toda sua estrutura iniciada na produção da energia e seu fim, em tese, no consumo dessa energia elétrica. Com o intuito de fornecer energia com a garantia de que não ocorra interrupções, ou que estas interrupções ocorram cada vez menos, toda a organização do sistema elétrico coloca as usinas geradoras em paralelo, em estabilidade dinâmica, com objetivo de evitar oscilações nas tensões geradas.

  • Caracterizando um sistema elétrico de potência (SEP)

    As etapas do sistema elétrico de potência brasileiro são:

    Geração: Obtenção e transformação da energia oriunda de fontes primárias.

    Transmissão: É a condução da energia de onde foi produzida para os centros de consumo. É também a interligação dos sistemas através das linhas de transmissão de alta tensão. Em ambos os casos, ocorre mudança de tensão durante o processo.
     
    Distribuição: Na distribuição ocorre a redução de tensão para níveis mais seguros dentro das subestações rebaixadoras, denominada distribuição primária. A distribuição secundária ocorre depois dos transformadores onde acontece novo rebaixamento para utilização segura em equipamentos elétricos; essa é a rede de distribuição de baixa tensão.

    Utilização/ medição: É quando a energia é transformada para que seja utilizada pelos consumidores através de diferentes equipamentos elétricos, resultando em energia sonora, luminosa, térmica e mecânica.
     
     

  • 2) ORGANIZAÇÃO DO TRABALHO

  • Trabalho em equipe

    É o conjunto de pessoas com habilidades complementares, comprometidas umas com as outras através de objetivos e metas comuns, estabelecidas por um plano de trabalho bem definido.

    Trata-se da mentalidade com a ênfase no “NÓS FAZEMOS”.

  • Trabalho em grupo

    É aquele no qual as pessoas se reúnem para realizar tarefas, cada uma executando uma atividade bem definida.

    No final, o objetivo é atingir uma única meta.

    É uma forma de se realizar tarefas diárias onde são ressaltadas as características próprias de cada indivíduo.

    Trata-se da mentalidade com a ênfase no
    “EU FAÇO”.


    No TRABALHO EM GRUPO, como não existe um comprometimento entre as pessoas (elas apenas trabalham juntas), embora exista uma meta a ser atingida, na maioria das vezes, o sucesso não é alcançado.

  • ENTENDENDO MELHOR O PRONTUÁRIO

    Representa um avanço em termos de segurança pessoal nas intervenções com a eletricidade;
    Não é burocracia ou perda de tempo, mas sim, um confiável instrumento de gestão;
    Seus benefícios serão sentidos no instante em que se necessitar de suas informações;
    Comporta-se como um cadastro das instalações, com o foco voltado para a gestão da segurança e saúde no trabalho.

    COMO IMPLANTAR O PRONTUÁRIO DAS INSTALAÇÕES ELÉTRICAS?

    Como um instrumento de gestão, deve ter sua implantação definida em função do porte da empresa e de sua filosofia de organização.
    Deve caracterizar um “SISTEMA” bem definido que atenda às exigências da Norma, podendo ser um arquivo em papel, meio eletrônico, pastas etc.
    A NR-10 não faz referência à forma de como se deve organizar o prontuário, mas exige o atendimento às suas recomendações, conforme item 10.2.4.

  • QUEM RESPONDE PELA ORGANIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DO PRONTUÁRIO?

    Segundo o texto da NR-10, a responsabilidade pela organização e manutenção do prontuário é da empresa, podendo a mesma designar formalmente uma pessoa para fazê-lo.

    EXIGÊNCIAS COMPLEMENTARES DA NORMA REFERENTES AO PRONTUÁRIO

    O PRONTUÁRIO das instalações elétricas deve: Ser organizado e mantido SEMPRE atualizado;
    Permanecer à disposição dos trabalhadores envolvidos nas instalações e serviços em eletricidade;
    Ter sua documentação técnica elaborada por um profissional legalmente habilitado.
    A seguir está apresentado um resumo das exigências da NR-10 com relação ao Prontuário das Instalações Elétricas:

  • ITENS QUE COMPÕEM AS EXIGÊNCIAS DO PRONTUÁRIO

    ESQUEMAS UNIFILARES ATUALIZADOS

    Os esquemas unifilares devem incluir:
    Sistemas de medição, proteção e alarme;
    Sistemas de manobra;
    Circuitos principais de força;
    Valores de curto-circuito nas barras;
    Identificação de todos os circuitos;
    Parâmetros elétricos principais (potência, relações de transformação, valores de tensão, freqüência, potência de banco de capacitores, etc);
    Simbologia normalizada (equipamentos e linhas de atuação)

  • ESPECIFICAÇÃO DO SISTEMA DE ATERRAMENTO

    No prontuário deverão estar disponíveis as seguintes informações (atualizadas) sobre o sistema de aterramento no SEP:


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • 1)ORGANIZAÇÃO DO SISTEMA ELÉTRICO DE POTENCIA - SEP
  • 2)ORGANIZAÇÃO DO TRABALHO
  • 3)ASPECTOS COMPORTAMENTAIS
  • 4)CONDIÇÕES IMPEDITIVAS PARA SERVIÇOS
  • 5)RISCOS TÍPICOS NO SEP E SUA PREVENÇÃO
  • 6)TÉCNICAS DE ANÁLISE DE RISCO NO SEP
  • 7)TÉCNICAS DE TRABALHO SOB TENSÃO
  • 8)EQUIPAMENTOS E FERRAMENTAS DE TRABALHO (ESCOLHA, USO, CONSERVAÇÃO, VERIFICAÇÃO, ENSAIOS)
  • 9)EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO COLETIVA (EPCs)
  • 10)EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL (EPIs)
  • 11)SEGURANÇA COM VEÍCULOS E TRANSPORTE DE PESSOAS, MATERIAIS E EQUIPAMENTOS
  • 12)SINALIZAÇÃO E ISOLAMENTO DE ÁREAS DE TRABALHO
  • 13)TREINAMENTO EM TÉCNICAS DE REMOÇÃO, ATENDIMENTO, TRANSPORTE DE ACIDENTADOS
  • 14)RESPONSABILIDADES