Curso Online de Administração de Empresas
5 estrelas 1 aluno avaliou

Curso Online de Administração de Empresas

Como administrar bem e encontrar soluções nas empresas, conceitos e tipos de administração, a importância da contabilidade, teorias e crí...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 9 horas

De: R$ 80,00 Por: R$ 49,90
(Pagamento único)

Mais de 20 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

Como administrar bem e encontrar soluções nas empresas, conceitos e tipos de administração, a importância da contabilidade, teorias e críticas administrativas, etc.

Formada em diversos cursos na área de Informática, Redes e Hardwares.


"Gostei muito do curso online do buzzero! ótimo"

- Maria Luzia Ferreira De Carvalho

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa. Os certificados são impressos em papel de gramatura diferente e com marca d'água.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.

Modelo de certificados (imagem ilustrativa):

Frente do certificado Frente
Verso do certificado Verso
  • Curso de Administração de Empresas

    curso de administração de empresas

  • Conceito

    conceito

    dentro de qualquer empresa há um fator chamado hierarquia e é ela que vai disciplinar os atos entre as pessoas. quando definimos um cargo para uma pessoa, estamos definindo quais os seus limites dentro da organização, porém algumas pessoas não entendem esta hierarquia e acabam colocando a estrutura da empresa em risco.
    cada empresa deve ser criadora de seu próprio modelo de gestão, onde se administra todos os recursos de forma profissional e direcionada a toda conjuntura em que a empresa está inserida, observando suas particularidades e efeitos estratégicos no mercado.
    todos os controles devem ser criados visando racionalizar as atividades desenvolvidas em cada setor ou departamento, economizando tempo e evitando trabalho em duplicidade, ou seja, devem ser criados caminhos que facilitem todo o processo, tornando a administração muito eficiente e sendo uma ferramenta de gestão dentro da empresa.

  • A contabilidade na administração de empresas

    a contabilidade na administração de empresas

    a contabilidade é um instrumento de análise, gerência e decisão, utiliza-se de suas demonstrações para no gerenciamento e planejamento estratégico, informar aos administradores a situação econômico financeiro da empresa.
    administração de empresas
    a administração de empreendimento de economia solidária comparada a de empresas capitalistas.
    administração de empresa e as relações humanas no ambiente de trabalho
    este material visa analisarmos quais as formas mais adequadas de nos relacionarmos em todas as instâncias profissionais, respeitando as hierarquias, o horário de trabalho sem mesmo negligenciar as possíveis amizades que do ambiente de trabalho possam surgir.

  • Gestão de empresas

    gestão de empresas

    gestão de empresas e negócios – nova era
    a administração, também chamada gerenciamento ou gestão de empresas, supõe a existência de uma instituição a ser administrada ou gerida, ou seja, uma entidade social de pessoas e recursos que se relacionem num determinado ambiente, físico ou não, orientadas para um objetivo comum, estabelecido pela a empresa. empresa, aqui significa o empreendimento, os esforços humanos organizados, feitos em comum, com um fim específico, um objetivo. as instituições (empresas) podem ser públicas, sociedades de economia mista ou privadas, com ou sem fins lucrativos.
    atualmente se utiliza esta palavra para designar os estabelecimentos comerciais, industriais, de serviços, etc., grandes ou pequenos, o que não revela seu sentido no título da profissão.(?)
    a necessidade de organizar os estabelecimentos nascidos com a revolução industrial levou os profissionais de outras áreas mais antigas e maduras a buscar soluções específicas para problemas que não existiam antes. assim a aplicação de métodos de ciências diversas para administrar estes empreendimentos deu origem aos rudimentos da ciência da administração.
    não se deve confundir a gerência de uma casa ou de nossa vida pessoal, que tem sua arte própria, porém empírica, com a gerência de uma instituição. a gerência de instituições requer conhecimento e aplicação de diversos modelos e técnicas administrativas, ao passo que a gerencia pessoal pode ser feita por pessoas sem qualificações adicionais.

  • Desenvolvimento do conceito

    desenvolvimento do conceito

    retrato de uma fábrica de tabaco no ano de 1900.

  • como ciência é um ramo das ciências humanas, ditas sociais, pois trata dos agrupamentos humanos, mas com uma peculiaridade que é o olhar holístico, buscando a perfeita sinergia entre pessoas, estrutura e recursos.
    além dos princípios específicos da ciência administrativa, a técnica de administrar utiliza-se de diversos outros ramos do pensamento humano, tais como: direito, contabilidade, economia, matemática e estatística, a psicologia, a sociologia, a informática, dentre outros diversos.
    instituições de direito público ou instituições de direito privado criadas com fins lucrativos ou para finalidades sociais, dependem da ciência da administração para funcionarem.
    segundo jucélio paiva (2011, pág. 12), "administrar é o processo de dirigir ações que utilizam recursos para atingir objetivos. embora seja importante em qualquer escala de aplicação de recursos, a principal razão para o estudo da administração é seu impacto sobre o desempenho das organizações. é a forma como são administradas que torna as organizações mais ou menos capazes de utilizar corretamente seus recursos para atingir os objetivos corretos".

  • a administração é uma ciência social aplicada, fundamentada em um conjunto de normas e funções elaboradas para disciplinar elementos de produção. a administração estuda os empreendimentos humanos com o objetivo de alcançar um resultado eficaz e retorno financeiro de forma sustentável e com responsabilidade social, ou seja, é impossível falar em administração sem falar em objetivos. em síntese, o administrador é a ponte entre os meios (recursos financeiros, tecnológicos e humanos) e os fins (objetivos). como elo entre os recursos e os objetivos de uma organização, cabe ao administrador combinar os recursos na proporção adequada e para isso é necessário tomar decisões constantemente num contexto de restrições, pois, nenhuma organização por melhor que seja dispõe de todos os recursos e também a capacidade de processamento de informações do ser humano é limitado. administrar envolve a elaboração de planos, pareceres, relatórios,projetos, arbitragens e laudos, em que é exigida a aplicação de conhecimentos inerentes às técnicas de administração. a administração se divide, modernamente, em cinco áreas: finanças, administrativo, marketing, vendas ou produção e recursos humanos . alguns doutrinadores modernos inserem nessa divisão a ti (tecnologia da informação) e a p&d, ou seja, a pesquisa, desenvolvimento e inovação. pelo fato de a administração ter diversas ciências como base, o administrador disputa seu espaço com profissional de diferente áreas. em finanças, disputa espaço com economistas e contadores. em marketing, disputa espaço com publicitários. em produção, disputa espaço com engenheiros. em recursos humanos, disputa espaço com psicólogos.

  • a profissão de administrador é historicamente recente e foi regulamentada no brasil em 9 de setembro de 1965, data em que se comemora o dia do administrador. a semana do administrador instituída pelo administrador gaston schwabacher, comemorada do dia 02 a 09 de setembro, onde são homenageando feitos administrativos com ética. dando ênfase a um dos princípios filosófico da administração que é: “a verdadeira administração não visa lucro, visa bem estar social o lucro é mera conseqüência “.
    os primeiros administradores profissionais (administrador contratado, que não é o dono do negócio) foram os que geriram as companhias denavegação inglesas a partir do século xvii.
    segundo jonh w. riegel, "o êxito do desenvolvimento de executivos em uma empresa é resultado, em grande parte, da atuação e da capacidade dos seus gerentes no seu papel de educadores.cada superior assume este papel quando ele procura orientar e facilitar os esforços dos seus subordinados para se desenvolverem".

  • Funções administrativas

    funções administrativas

    administrador em atividade em uma empresa metalúrgica no rio de janeiro, brasil

  • fayol foi o primeiro a definir as funções básicas do administrador: planejar,organizar, controlar, coordenar e comandar - poccc. atualmente, sobretudo com as contribuições da abordagem neoclássica da administração, em que um dos maiores nomes é peter drucker, os princípios foram retrabalhados e são conhecidos como planejar, organizar, dirigir e controlar (podc). ressalte-se, então, que destas funções as que sofreram transformações na forma de abordar foram "comandar e coordenar" que atualmente chama-se apenas dirigir (liderança).
    atualmente, as principais funções administrativas são:
    fixar objetivos (planejar);
    analisar: conhecer os problemas;
    solucionar problemas;
    organizar e alocar recursos (recursos financeiros e tecnológicos e as pessoas);
    comunicar, dirigir e motivar as pessoas (liderar);
    negociar;
    tomar as decisões (rápidas e precisas);
    mensurar e avaliar (controlar).

  • O papel do administrador

    o papel do administrador

    as funções do gestor foram, num primeiro momento, delimitadas como: planejar, organizar, comandar, coordenar e controlar. no entanto, por ser essa classificação bastante difundida, é comum encontrá-la em diversos livros e até mesmo em jornais de forma condensada em quatro categorias. são elas: planejar, organizar, liderar e controlar.
    planejar: "definir o futuro da empresa, principalmente, suas metas, como serão alcançadas e quais são seus propósitos e seus objetivos" , ou como "ferramenta que as pessoas e as organizações usam para administrar suas relações com o futuro. é uma aplicação específica do processo decisório."
    o planejamento envolve a determinação no presente do que se espera para o futuro da organização, envolvendo quais as decisões deverão ser tomadas, para que as metas e propósitos sejam alcançados.
    organizar: pode-se constatar que [...] se fosse possível seqüenciar, diríamos que depois de traçada(s) a(s) meta(s) organizacional (ais), é necessário que as atividades sejam adequadas às pessoas e aos recursos da organização, ou seja, chega a hora de definir o que deve ser feito, por quem deve ser feito, como deve ser feito, a quem a pessoa deve reportar-se, o que é preciso para a realização da tarefa.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 49,90
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • Curso de Administração de Empresas
  • Conceito
  • A contabilidade na administração de empresas
  • Gestão de empresas
  • Desenvolvimento do conceito
  • Funções administrativas
  • O papel do administrador
  • Princípios para um bom administrador
  • Teorias da administração
  • Henri Fayol, fundador da Teoria Clássica da Administração
  • Princípios Fundamentais do livro de Taylor
  • Organização do trabalho
  • Benefícios do método de Taylor
  • Outros integrantes do movimento da administração científica
  • Princípios da administração científica
  • Críticas ao modelo
  • Teoria clássica da administração
  • Princípios Básicos
  • Funções Básicas de Qualquer Empresa
  • Funções Administrativas
  • Críticas sobre a Teoria Clássica
  • Abordagem humanística da administração
  • Experiência de Hawthorne
  • Roethlisberger & Dickson
  • Chester Barnard
  • Teóricos
  • Críticas à teoria das relações humanas
  • Abordagem neoclássica da administração Teoria neoclássica da administração
  • Administração por objetivos (APO)
  • Características principais
  • Modelo burocrático da administração
  • Teoria estruturalista da administração
  • Origens da Teoria Estruturalista
  • Homem Organizacional
  • Reengenharia
  • Apreciação Crítica
  • Abordagem comportamental da administração
  • A motivação Humana
  • Teoria da Hierarquia das Necessidades de Maslow
  • Relação Inexistente :
  • Abordagem de McClelland 
  • Estilos Administrativos 
  • CONFLITO ENTRE OBJETIVOS ORGANIZACIONAIS E INDIVIDUAIS
  • Processo Decisorial
  • Teoria Das Decisões
  • Decorrências da Teoria das Decisões:
  • Característica do Processo Decisório:
  • Teoria do Equilíbrio Organizacional Conceitos básicos desta teoria:
  • Teoria da aceitação da autoridade
  • Principais Expoentes 
  • Teoria do desenvolvimento organizacional (D.O.)
  • Abordagem sistêmica da administração
  • Cronologia das teorias da administração
  • Teorias administrativas, suas ênfases e principais enfoques
  • As principais teorias administrativas e seus enfoques
  • Áreas da administração