Curso Online de As Frutas , Como Fazer o Seu Filho Comer

Curso Online de As Frutas , Como Fazer o Seu Filho Comer

É difícil achar por aí uma criança que não tenha passado por ao menos um período de recusa de alimentos — principalmente de frutas, legum...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 7 horas

De: R$ 50,00 Por: R$ 29,90
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

É difícil achar por aí uma criança que não tenha passado por ao menos um período de recusa de alimentos — principalmente de frutas, legumes e verduras. É uma etapa normal do desenvolvimento, mas a maneira como os pais lidam com a situação pode influenciar no comportamento alimentar dos filhos pelo resto da vida.O paladar da criança muda com o tempo, por isso, mesmo que ela rejeite alguma fruta ou legume pela primeira vez, é importante os pais oferecerem essa fruta ou legume pelo menos outras 10 vezes. É um exercício para língua e para o cérebro.
Em lares onde existem crianças que não comem bem ou facilmente, é muito importante não fazer do momento da refeição tenso e mal, deve ser um momento em que todos anseiem em estar juntos e não apenas pela comida.

*Terapeuta naturalista e massagista. *Técnico em medicina chinesa, *Técnico em medicina ayurveda *Técnico em medicina e tibetana *Consultor programação neurolinguística. *Consultor inteligência emocional aplicada em sala de aula. *Técnico em leitura dinâmica, mapas mentais e aprendizagem acelerada. *Formado em química / biologia



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa. Os certificados são impressos em papel de gramatura diferente e com marca d'água.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.

Modelo de certificados (imagem ilustrativa):

Frente do certificado Frente
Verso do certificado Verso
  • Frutas ,Como Fazer
    o Seu Filho Comer

  • AVISO LEGAL
     
    Sobre o produto possuem apenas propósitos educativos e não tem
    intenção de substituir diagnósticos, prescrições ou orientações.
    Sugerimos que quaisquer produtos aplicados para fins terapêuticos,
    , devem ser ministrados por profissionais da área de saúde.
    As informações disponíveis neste curso ou e-book não substituem em nenhuma hipótese o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos tratamentos e medicamentos tomados por você ou pelas pessoas que recebem seus cuidados e atenção.
    O uso destas informações somente deve ser feita sob supervisão médica.Se alguma das informações e dicas deste conteúdo lhe causa preocupação especial ou se quiser mais informações sobre a sua utilização, consulte o seu médico.
    Professor Sérgyo Costa

  • Introdução

    As frutas possuem um alto valor nutricional e geralmente altos indícios de fibras, água e vitaminas. A fruta contém também diversos fotoquímicos que são fundamentais para a saúde e preservação dos tecidos celulares e prevenção de doenças relacionadas com a má nutrição. O consumo regular de fruta está associado à redução do risco de cancro, de doenças cardiovasculares, da doença de Alzheimer, cataratas e de alguns dos declínios associados com o envelhecimento, daí a sua elevada importância prestada pelos alimentos.
    Professor Sérgyo Costa

  • Fazer a criança comer frutas e legumes

    Fazer a criança comer frutas e legumes pode ser uma tarefa complicada para os pais, mas existem algumas estratégias .Chantagens como: "caso não coma não há sobremesa" ou "se não comer não te deixo ver televisão", não devem ser usados. A refeição é um momento que não pode ser trocado, não pode haver opção ou negociação.
    :
    Contar histórias e fazer jogos com as frutas e os legumes para estimular a criança a comê-los;
    Variar na preparação e na apresentação dos legumes, por exemplo, se a criança não come cenoura cozida, tentar colocá-la no arroz;
    Fazer pratos criativos, divertidos e coloridos com as frutas;
    Não castigar a criança se ela rejeitar algum legume, ou fruta, nem forçá-la a comê-los, pois ela irá associar aquele alimento a uma experiência ruim;
    Dar o exemplo, comendo o mesmo prato com legumes ou frutas que quer que a criança coma;
    Deixar a criança ajudar a preparar as refeições, explicando quais os legumes que está a usar, porquê e como os preparar;

  •  
    Inventar nomes engraçados para os legumes e as frutas;
    Levar a criança no mercado para escolher e comprar as frutas e legumes;
    Ter sempre os vegetais na mesa, mesmo que a criança não coma é importante que se familiarize com o aspecto, cor, e cheiro dos vegetais que atualmente não gosta.
    10. Não ultrapassem 30 minutos;
    11. Não existam distrações e barulhos como rádio ou televisão (musica ambiente é uma boa alternativa);
    12. As conversas sejam sempre sobre assuntos agradáveis e nunca um momento para lembrar alguma coisa ruim que tenha acontecido durante o dia;
    13. Não insistir para que a criança, que não quer comer, coma, apenas que não se levante da mesa enquanto a família estiver à mesa;

  • A Roda dos Alimentos

    A Roda dos Alimentos é o principal avaliador dos
    alimentos, que através de fatias proporcionalmente divididas, demonstra as quantidades dos alimentos que cada um deve consumir.

  • A Fatia das Frutas na Roda

    O grupo das Frutas é o terceiro maior da Roda, logo é o terceiro em ordem de consumo. Só para saber, o 1º é o dos cereais e o 2º é dos legumes, também rico em fibras.

  • Constituição

    As Frutas são constituídas por nutrientes, dos quais se destacam as fibras e as vitaminas. Também são
    em grande partes constituídas por diversos açúcares.
    Podemos considerar as frutas como um todo, mas
    temos que fazer referência ao grupo dos citrinos, que são essencialmente ricos em vitaminas e praticamente constituídos por sumo.

    Grupo dos Citrinos

  • Nutrientes

    As Fibras e as Vitaminas são os principais nutrientes das frutas.
    Fibras
    As Fibras, denominadas fibras
    dietéticas, são formadas por um
    conjunto de várias substâncias,
    tais como a pectina, celulose,
    hemicelulose, gomas e mucilagens.
    As fibras são de origem vegetal e
    encontram-se vulgarmente nas
    paredes das células de origem
    vegetal.
    Este elemento encontra-se
    exclusivamente e unicamente nos
    alimentos de origem vegetal.
    Como tal, a carne e derivados,
    peixe, ovos e lacticínios não
    possuem quaisquer indícios de
    fibra.
    Vitaminas
    As vitaminas são compostos orgânicos, presentes nos alimentos, essenciais para o funcionamento normal do metabolismo, e em caso de falta podem levar a doenças.
    Existem vários tipos de vitaminas como a vitamina C, vitamina B1, vitamina B2, vitamina B6, vitamina B12, vitamina A, vitamina D, vitamina E e vitamina K. As vitaminas A e E são absorvidas unicamente através dos alimentos ingeridos, enquanto que as vitaminas D e K podem ser sintetizadas pelo próprio organismo.
    Apesar da sua importância, o corpo pode apresentar níveis de toxicidade e graves problemas de saúde caso se ingira de uma forma descontrolada suplementos vitamínicos em excesso.

  • No primeiro grupo, das fibras insolúveis em água, encontram-
    se sobretudo os farelos dos cereais, sendo formada por celulose, hemicelulose, e por
    vezes lignina. É a lignina que confere às fibras uma consistência rígida e firme.
    No segundo grupo, das fibras solúveis em água, os alimentos mais comuns são o farelo de aveia e sementes, tais como sementes de linho e também as frutas. Este segundo grupo de
    fibras é formado por substâncias viscosas, como a goma, mucilagens e pectina.

  • Já a fibra solúvel tem um papel também importante, mas noutras áreas, contribuindo para evitar o excesso de colesterol, melhorar as diabetes e suavizar e proteger a
    mucosa intestinal.
    Numa alimentação onde exista carência de fibras, registam-se prisão de
    ventre, diverticulose, arterioscleros e e um maior risco de cancro.
    Contudo, as fibras devem ser consumidas dentro dos limites estabelecidos como saudáveis, e em excesso, podem ter consequências negativas. Em caso de
    excesso, existe o risco de reduzir grandemente a absorção de ferro, zinco e outros minerais
    A fibra tem um importante papel para a saúde e deve estar presente numa alimentação saudável. Reduz o risco de uma grande variedade de doenças relacionadas com o sistema digestivo. O tipo de fibra insolúvel em água é mais eficaz nestes casos.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 29,90
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • Introdução
  • Fazer a Criança Comer Frutas e Legumes
  • Roda dos Alimentos
  • Fatia das Frutas na Roda
  • Constituição
  • Nutrientes
  • Vitaminas
  • os Ogm e a Agricultura Moderna
  • Frutas
  • Definições
  • Tipos de Frutas
  • Estrutura Celular
  • Valor Nutritivo
  • Mudanças Pós-colheita
  • Características Organolépticas
  • Pigmentos
  • Taninos
  • Aquisição
  • Frutas
  • Armazenamento
  • Conservação
  • Frutas Oleaginosas
  • Nozes
  • Alimentação Saudável
  • Regras para Uma Alimentação
  • Saudável
  • Comer Bem para Viver Melhor
  • Frutas
  • Abacate
  • Abacaxi
  • Amora
  • Banana
  • Caqui
  • Caju
  • Damasco
  • Framboesa
  • Goiaba
  • Laranja
  • Limão
  • Maçãs
  • Manga
  • Melancia
  • Morango
  • Melão
  • Mamão
  • Pêssego
  • Tangerinas
  • Uvas
  • Frutas