Curso Online de RENÉ DESCARTES

Curso Online de RENÉ DESCARTES

René Descartes nasceu em 31 de março de 1596 em Descartes na França. Filho de Joachim Descartes e Jeanne Brochard. De 1604 a 1614, estud...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 9 horas

Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

René Descartes nasceu em 31 de março de 1596 em Descartes na França.
Filho de Joachim Descartes e Jeanne Brochard.
De 1604 a 1614, estuda no colégio jesuíta de La Flèche.

Produziu cursos na área de Instrumentação Cirúrgica, onde é formado desde 2003. Autor de mais de 100 cursos na área da saúde onde atuou por mais de 10 anos na enfermagem onde é formado desde 2004. Também produziu aproximadamente 200 cursos na área da educação (Geografia e História principalmente) onde cursou Licenciatura em História de 2009 a 2013. Autor também de alguns cursos de Administração onde cursa atualmente o 3º semestre em Administração e Gestão pela IERGS em Porto Alegre - RS. Pós-Graduado em História do Brasil pela PROMINAS.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • RENÉ DESCARTES

    RENÉ DESCARTES

  • SUA VIDA

    SUA VIDA

    1596 -1650

  • René Descartes nasceu em 31 de março de 1596 em Descartes na França.
    Filho de Joachim Descartes e Jeanne Brochard.

  • De 1604 a 1614, estuda no colégio jesuíta de La Flèche.
    Aí gozará de um regime de privilégio, pois levanta-se quando quer, o que o leva a adquirir um hábito que o acompanhará por toda sua vida: meditar no próprio leito

  • De 1604 a 1614, estuda no colégio jesuíta de La Flèche.
    Aí gozará de um regime de privilégio, pois levanta-se quando quer, o que o leva a adquirir um hábito que o acompanhará por toda sua vida: meditar no próprio leito.

  • Apesar de apreciado por seus professores, ele se declara, no "Discurso sobre o Método", decepcionado com o ensino que lhe foi ministrado: a filosofia escolástica não conduz a nenhuma verdade indiscutível, "Não encontramos aí nenhuma coisa sobre a qual não se dispute".

  • Só as matemáticas demonstram o que afirmam: "As matemáticas agradavam-me sobretudo por causa da certeza e da evidência de seus raciocínios".
    Mas as matemáticas são uma exceção, uma vez que ainda não se tentou aplicar seu rigoroso método a outros domínios.

  • Eis por que o jovem Descartes, decepcionado com a escola, parte à procura de novas fontes de conhecimento, a saber, longe dos livros e dos regentes de colégio, a experiência da vida e a reflexão pessoal: "Assim que a idade me permitiu sair da sujeição a meus preceptores, abandonei inteiramente o estudo das letras; e resolvendo não procurar outra ciência que aquela que poderia ser encontrada em mim mesmo ou no grande livro do mundo, empreguei o resto de minha juventude em viajar, em ver cortes e exércitos, conviver com pessoas de diversos temperamentos e condições".

  • Após alguns meses de elegante lazer com sua família em Rennes, onde se ocupa com equitação e esgrima (chega mesmo a redigir um tratado de esgrima, hoje perdido), vamos encontrá-lo na Holanda engajado no exército do príncipe Maurício de Nassau.
    Mas é um estranho oficial que recusa qualquer soldo, que mantém seus equipamentos e suas despesas e que se declara menos um "ator" do que um "espectador": antes ouvinte numa escola de guerra do que verdadeiro militar.

  • Na Holanda, ocupa-se sobretudo com matemática, ao lado de Isaac Beeckman. É dessa época (tem cerca de 23 anos) que data sua misteriosa divisa "Larvatus prodeo". Eu caminho mascarado.
    Segundo Pierre Frederix, Descartes quer apenas significar que é um jovem sábio disfarçado de soldado.

  • Em 1619, ei-lo a serviço do Duque de Baviera. Em virtude do inverno, aquartela-se às margens do Danúbio.
    Podemos facilmente imaginá-lo alojado "numa estufa", isto é, num quarto bem aquecido por um desses fogareiros de porcelana cujo uso começa a se difundir, servido por um criado e inteiramente entregue à meditação.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • RENÉ DESCARTES
  • SUA VIDA
  • O Método
  • 1. - A primeira regra é a evidência :
  • 2. - A segunda, é a regra da análise:
  • 3. - A terceira, é a regra da síntese :
  • 4. - A última á a dos "desmembramentos tão complexos... a ponto de estar certo de nada ter omitido".
  • A Metafísica
  • livros
  • INFORMAÇÕES DO LIVRO
  • INFORMAÇÕES TÉCNICAS
  • INFORMAÇÕES DO LIVRO
  • INFORMAÇÕES TÉCNICAS
  • INFORMAÇÕES DO LIVRO
  • INFORMAÇÕES TÉCNICAS
  • REFERÊNCIAS