Curso Online de A HISTOLOGIA ANIMAL

Curso Online de A HISTOLOGIA ANIMAL

Este curso aborda a problemática da Histologia.

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 10 horas

Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Este curso aborda a problemática da Histologia.

EUROPA LEARNING é um programa especializado em ensino à distância. Apresentamos cursos em todas as areas, criados a pensar em voce. Investimos não só na qualidade de nosso material didático, como também em novos meios para difundir conceitos e técnicas de forma eficiente para todos alunos. Por isso hoje este projeto orgulhosamente traz ao Brasil cursos de primeira linha criando novas tendências de mercado quando o assunto é e-learning



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • HISTOLOGIA ANIMAL

    HISTOLOGIA ANIMAL

    TECIDOS EPITELIAIS

  • EPITÉLIOS DE REVESTIMENTO

    EPITÉLIOS DE REVESTIMENTO

  • EPITÉLIOS DE REVESTIMENTO

    EPITÉLIOS DE REVESTIMENTO

  • TIPOS DE EPITÉLIOS DE REVESTIMENTO

    TIPOS DE EPITÉLIOS DE REVESTIMENTO

  • EPITÉLIOS GLANDULARES

    EPITÉLIOS GLANDULARES

  • GLÂNDULAS EXÓCRINAS: secreção fora da circulação

    GLÂNDULAS EXÓCRINAS: secreção fora da circulação

    Sudoríparas
    Sebáceas
    Salivares
    Lacrimais
    Gástricas e etc.

  • GLÂNDULAS ENDÓCRINAS: secreção diretamente na circulação

    GLÂNDULAS ENDÓCRINAS: secreção diretamente na circulação

    HIPÓFISE

    TIREÓIDE

    PÂNCREAS

    SUPRA-RENAIS

    TESTÍCULOS

    OVÁRIOS

  • QUANTO À MANEIRA DE SECRETAR

    QUANTO À MANEIRA DE SECRETAR

  • A PELE HUMANA

    A PELE HUMANA

  • Tipos de tecidos conjuntivos

    Tipos de tecidos conjuntivos

    Tecido conjuntivo propriamente dito
    Tecido conjuntivo frouxo
    Tecido conjuntivo denso
    Tecido adiposo
    Tecido cartilaginoso
    Tecido ósseo
    Tecido hematopoiético
    Tecido sanguíneo
    Tecido linfático

  • 1- fibra colágena; 2- fibra elástica; 3-linfócito; 4-monócito; 5-macrófago; 6-fibroblasto; 7-mastócito; 8-célula mesenquimal; 9-plasmócito; 10-capilar; 11-adipócito


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • HISTOLOGIA ANIMAL
  • EPITÉLIOS DE REVESTIMENTO
  • TIPOS DE EPITÉLIOS DE REVESTIMENTO
  • EPITÉLIOS GLANDULARES
  • GLÂNDULAS EXÓCRINAS: secreção fora da circulação
  • GLÂNDULAS ENDÓCRINAS: secreção diretamente na circulação
  • QUANTO À MANEIRA DE SECRETAR
  • A PELE HUMANA
  • Tipos de tecidos conjuntivos
  • Celulas do tecido conjuntivo
  • FIBROBLASTO e FIBRÓCITO
  • FUNÇÕES DO MACRÓFAGO
  • Mastócito
  • Ativação do mastócito na reação de hipersensibilidade tipo I, com liberação de mediadores através da desgranulação. A reação tipo I é a reação alérgica por excelência, estando presente na rinite alérgica urticária, choque anafilático, asma, etc.,
  • FUNÇÕES DO MASTÓCITO
  • Anafilaxia
  • Choque anafilático
  • PLASMÓCITO
  • INFLAMAÇÃO
  • Os neutrófilos migram dos vasos sangüíneos para o tecido inflamado via quimiotaxia, e então removem os agentes patológicos através da fagocitose e da degranulação.
  • Abscesso na pele, mostrando edema e hiperemia característicos da inflamação, com área central necrótica de cor escura.
  • Tecido Conjuntivo Hematopoético
  • Medula óssea
  • SANGUE
  • Tecido Conjuntivo Ósseo
  • Ossificação Endocondral
  • Tecido Conjuntivo Cartilaginoso
  • Tecido Muscular
  • Fibra muscular (miofibrilas)
  • A função muscular
  • Tipos de Fibras Esqueléticas
  • Características
  • Músculos adaptados
  • Identificação das fibras
  • POR QUÊ SE USA A ATPase PARA  ESTUDAR OS TIPOS DE FIBRAS ? 
  • Identificação do tipo de fibra
  • Técnica para  ATPase miosínica  em pH básico e ácido em dois cortes contíguos.
  • Velocidade de Contração e Relaxamento
  • Velocidade de Contração (Powers & Howley, 2000)
  • Velocidade de Contração x Força (Powers & Howley, 2000)
  • Força específica
  • Hipertrofia muscular ( musculação )
  • Tipos de fibras e modalidades esportivas
  • Adaptações Musculares ao TF
  • Tecido Nervoso