Curso Online de Enfermagem em Pediatria
5 estrelas 3 alunos avaliaram

Curso Online de Enfermagem em Pediatria

Nesse curso iremos abordar as fases do crescimento, desenvolvimento da criança e as ações de enfermagem, baseadas na sistematização da as...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 25 horas

Por: R$ 48,99
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Nesse curso iremos abordar as fases do crescimento, desenvolvimento da criança e as ações de enfermagem, baseadas na sistematização da assistência, vídeo, etc.

Cursos com vídeos, imagens ilustrativas, bem explicado. Equipe só enfermagem Duvidas e Sugestões soenfermagem@soenfermagem.net


- Marli Aparecida Gaspar Horbach

- Maria Ribeiro MagalhÃes

- Vanuza Maria De Medeiros FranÇa

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • Enfermagem em Pediatria

    Enfermagem em Pediatria

  • Olá, bem-vindo (a) ao curso a distância do Só Enfermagem.

    Utilize as teclas abaixo para sair, voltar ou avançar.

    Bons estudos!

  • Programa de Educação Continuada à Distância
    EAD – Educação à Distância

  • Introdução

    Introdução

  • Uma criança é um ser humano no início de seu desenvolvimento. O ramo da medicina que cuida do desenvolvimento físico e das doenças e/ou traumas físicos nas crianças é a pediatria. Os aspectos psicológicos do desenvolvimento da personalidade, com presença ou não de transtornos do comportamento, de transtornos emocionais, e/ou presença de neurose infantil - incluídos toda ordem de carências, negligências, violências e abusos, que não os deixa "funcionar" saudavelmente, com a alegria e interesses que lhes são natural - recebem a atenção da Psicologia Clínica Infantil (Psicólogos), através da Psicoterapia Lúdica.
    Os aspectos cognitivos (intelectual e social) é realizada pela Pedagogia (Professores), nas formalidades da vida escolar, desde a pré-escola, aos cinco anos de idade, ou até antes, aos 3 anos de idade.

    Fases do desenvolvimento da criança:
    1- RN ( 0 – 28 dias)
    2- Lactente ( 29 -2 amos)
    3- Pré-escolar ( 3 – 5 anos)
    4- Escolar ( 5 – 12 anos)
    5- Adolescente ( > 12 anos)

  • Há algum tempo, a assistência de enfermagem à criança hospitalizada seguia condutas e
    procedimentos extremamente rígidos. A ausência de medicamentos antibióticos, os altíssimos
    índices de infecção, o grande número de crianças doentes e o próprio despreparo de
    profissionais levavam ao estabelecimento de regras de isolamento e repouso muitas vezes
    absurdas, como o uso de camisas - de - força. Preocupados com o risco de infecção cruzada e
    despreparados para atender as necessidades individuais da criança e dos pais, os profissionais
    de saúde as mantinham isoladas, tanto uma das outras como da mãe e do restante da família.
    Com os avanços na área de saúde, houve mudanças nos métodos de assistência à criança.O
    advento da Psicologia, os estudos de Freud e de outros sobre o comportamento humano
    deram início a uma abordagem mais integral à criança, possibilitando a compreensão das suas
    necessidades emocionais,em suas diversas fases de crescimento e desenvolvimento.

  • História da Pediatria

    História da Pediatria

  • Após a metade final do século XIX houve necessidade de maior resolutividade médica, pois os índices de mortalidade infantil estavam muito altos, além disto ter uma especilalização agiria como inibidor da concorrência profissional. A partir disto surgiu a Pediatria como uma especialidade. Mas houve certas dificuldades para institucionalizar e reconhecer a especialidade, para tanto os argumentos que foram utilizados é de que para crianças deveria haver uma semiologia e uma terapêutica voltadas especificamente para crianças.

    Conforme a ampliação da especialização, os pediatras foram se unindo em sociedades,e surgiram em locais tais como São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Bahia, Rio Grande do Sul. A sociedade do Rio de Janeiro foi fundada em 1910 e possuia somente 67 sócios, mas era para os residentes no estado do Rio de Janeiro, somente em 1951 é que se nacionalizou a sociedade e passou a ser considerada Sociedade Brasileira de Pediatria.

    A pediatria é a especialidade dedicada à assistência à criança e ao adolescente, nos seus diversos aspectos, sejam eles preventivos (Puericultura) ou curativos. (principalmente crianças)

  • Aspectos preventivos envolvem ações como aleitamento materno, imunizações (vacinas), prevenção de acidentes, além do acompanhamento e das orientações necessárias a um crescimento e desenvolvimento saudáveis (puericultura).

    Os curativos correspondem aos diversos procedimentos e tratamentos das mais diversas patologias exclusivas ou não da criança e adolescente.

    Pediatra hoje
    Estima-se que os pediatras ocupam 40% das suas atividades clinicas com prevenção. O pediatra, atualmente, depara-se com situações diversas nas consultas, tais como:
    Mães que trabalham o dia todo;
    Televisão e mídias como um todo;
    Grande exposição a conteúdos eróticos;
    Violência;
    Dificuldades financeiras.

  • Recém-nascido

    Recém-nascido

  • Conceito e classificação do RN (recém-nascido) quanto:
    Idade Gestacional
    RN À TERMO OU NORMAL: é toda criança nascida de uma gestação entre 38 a 42 semanas de gestação. (280 dias/ Dando margem de 15 dias antes ou após o parto).
    RN PREMATURO: é toda criança nascida de uma gestação entre 28 a 37 semanas de gestação.
    RN POSMATURO: é toda criança nascida de uma gestação com mais de 42 semanas de gestação.

    Peso Ao Nascer
    A.I. G (Adequado para a Idade Gestacional): é todo RN que nasce com peso > 2,5 a 4 kg – entre percentis 10 e 90.
    P.I.G (Pequeno para a Idade Gestacional): é todo RN que nasce com peso igual ou inferior a 2,5 kg, abaixo do percentil 10.
    G.I.G (Grande para a Idade Gestacional): é todo RN que nasce com peso igual ou superior a 4 kg – acima do percentil 10.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 48,99
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • Enfermagem em Pediatria
  • Introdução
  • História da Pediatria
  • Recém-nascido
  • Infância
  • Acompanhamento do Crescimento e Desenvolvimento Infantil
  • Calendário básico de vacinação da criança no primeiro ano de vida
  • Medidas antropométricas na criança
  • Importância da Enfermagem em pediatria
  • Características do Profissional de Enfermagem em Pediatria
  • Atribuições do enfermeiro em pediatria
  • O Relacionamento da Enfermagem com a Criança Hospitalizada
  • Necessidades de uma criança doente (internação)
  • Unidade Pediátrica
  • Admissão e alta da criança na Unidade Hospitalar
  • A enfermagem no tratamento de patologias pediátricas
  • Escabiose (sarna)
  • Impetigo
  • Candidíase (monilíase oral ou sapinho)
  • Pneumonia
  • Bronquite
  • Asma
  • Nasofaringite
  • A criança com desidratação
  • A criança com diarréia
  • Meningite
  • Doenças congênitas
  • Lábio leporino
  • Fenda palatina
  • Atresia de esôfago
  • Imperfuração anal
  • Espinha bífida
  • Meningocele
  • Meningomielocele
  • Microcefalia
  • Macrocefalia
  • Hidrocefalia
  • Hiperbilirrubinemia neonatal
  • Convulsões febris
  • A hospitalização e seus efeitos sobre a criança
  • Cuidados de enfermagem na assistência da criança no pré – trans e pós operatório
  • Exames Laboratoriais – Valores de Referência em Pediatria
  • Técnicas pediátricas
  • Admissão de crianças em UTI pediátrica
  • Assistência de enfermagem a família e a criança com doença terminal
  • Avalie nosso curso
  • Bibliografia