Curso Online de Cultura da Cenoura

Curso Online de Cultura da Cenoura

Aprenda sobre a cultura deste alimento nutritivo.

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 5 horas

De: R$ 40,00 Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Mais de 10 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

Aprenda sobre a cultura deste alimento nutritivo.

Técnico agrícola, agrônomos e médicos veterinários.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.
  • Cultura da Cenoura (Daucos carota)

    Cultura da Cenoura (Daucos carota)

  • Introdução

    Introdução

    É uma planta herbácea da família das apiáceas, a mesma da salsa, do coentro, do funcho e da mandioquinha-salsa.
    A cenoura é uma hortaliça do grupo das raízes tuberosas amplamente cultivada no Sudeste, no Nordeste e no Sul do Brasil.
    Sua cor se deve à presença de betacaroteno, convertido no organismo em vitamina A, importante para os olhos, a pele e os cabelos.
    Utilização: em sucos, crua ou cozida, em saladas, com arroz, bolos.
    Partes comercializadas:
    Raízes, uma das fontes vegetais mais ricas em vitamina A.

  • Cultivo da Cenoura

    Cultivo da Cenoura

    Escolha do cultivar
    Escolha do local
    Análise do solo
    Correção do Solo
    Preparo do Solo
    Aração e gradagem
    Levantamento dos canteiros
    Plantio
    Plantio manual
    Plantio mecanizado
    Tratos culturais
    Irrigação
    Desbaste
    Adubação de cobertura
    Capina
    Controle de doenças e pragas
    Colheita
    Classificação
    Embalagem

  • Clima

    Clima

    A temperatura é o fator climático mais importante para a produção de raízes.
    Temperaturas de 10 a 15 ºC favorecem o alongamento e o desenvolvimento de coloração característica, enquanto temperaturas superiores a 21 ºC estimulam a formação de raízes curtas e de coloração deficiente.
    Existem cultivares que formam boas raízes sob temperaturas de 18 a 25 ºC.
    Em temperaturas acima de 30ºC, a planta tem o ciclo vegetativo reduzido, o que afeta o desenvolvimento das raízes e a produtividade.
    Temperaturas baixas associadas a dias longos induzem o florescimento precoce, principalmente daquelas cultivares que foram desenvolvidas para plantio em épocas quentes do ano.
    A germinação das sementes ocorre sob temperaturas de 8 a 35 ºC, sendo que a velocidade e a uniformidade de germinação variam com a temperatura dentro destes limites. A faixa ideal para uma germinação rápida e uniforme é de 20 a 30 ºC, dando-se a emergência de 7 a 10 dias após a semeadura.
    A alta umidade relativa do ar associada à temperaturas elevadas favorece o desenvolvimento de doenças nas folhas durante a fase vegetativa da cultura.

  • Escolha da Cultivar

    Escolha da Cultivar

    A escolha da cultivar deve ser feita observando-se as épocas da realização do plantio:
    Primavera/verão, inverno e verão.
    É importante que, antes de comprar as sementes, a pessoa interessada consulte um profissional da área para saber qual a melhor cultivar para a época pretendida.

  • Escolha do Local

    Escolha do Local

    As melhores produtividades podem ser obtidas em solos leves, profundos, bem drenados, férteis, com bom teor de matéria orgânica e livres de nematódeos.
    O terreno utilizado deve receber boa insolação, ser de fácil acesso, mecanizável e com abundância de água de boa qualidade.

  • Análise do Solo

    Análise do Solo

    As recomendações para a aplicação de calcário e de adubo químico são feitas de acordo com o resultado da análise química do solo.
    Para realizar a análise, retirar as amostras de solo e enviá-las ao laboratório, pelo menos 60 a 90 dias antes do plantio.

  • Correção do Solo

    Correção do Solo

    Com base na análise de solo, a necessidade de calcário pode ser calculada por um dos métodos abaixo:

    Pelo método que considera teor de Alumínio (Al) e [Cálcio (Ca) + Magnésio (Mg)] trocável, aplicando-se a fórmula:
    t/ha de calcário = 2 x meq Al/100 cm3 + 4 - [meq(Ca+Mg)/100 cm3 ] x PRNT

    Pelo método da saturação de bases:
    t/ha de calcário = [ T(V2-V1)/PRNT ] , onde:

    T = capacidade de troca de cátions: [Ca + Mg + K + (H + Al)] em meq/100 cm3

    V2 = saturação de base desejada (60%)

    V1 = saturação de base atual do solo: [(S x 100)/ T], sendo

    S = K + Ca + Mg em meq/100 cm3

    PRNT= Poder Relativo de Neutralização Total do Calcário.

  • Correção do Solo

    Correção do Solo

    O pH do solo para o cultivo da cenoura deve estar em torno de 6,0 a 6,5.
    A elevação exagerada do pH pode causar reduções na produção, por diminuir a disponibilidade de micronutrientes, tais como: Boro (B), Cobre (Cu), Ferro (Fe), Manganês (Mn) e Zinco (Zn).
    A aplicação do corretivo deve ser feito com antecedência de 2 a 3 meses do plantio.
    Metade da quantidade calculada do calcário deve ser aplicada antes da aração e a outra metade antes da gradagem.

  • Preparo do Solo

    Preparo do Solo

    O preparo do solo consta de aração, gradagem e levantamento dos canteiros.
    Aração e gradagem:
    A cenoura requer um bom preparo do solo para favorecer o bom desenvolvimento das raízes.
    Em solos de primeiro plantio, realizar a aração com a profundidade de 25 centímetros, 60 dias antes do plantio.
    Uma segunda aração deve ser executada 30 dias depois da primeira.
    Aplicar, se necessário, calcário dolomítico com PRNT (Poder Relativo de Neutralização Total) acima de 80%.

  • Preparo do Solo

    Preparo do Solo

    Aração e gradagem:
    Se o calcário for calcinado de boa qualidade, pode-se aplicá-lo 15 dias antes do semeio.
    Em solos já cultivados, fazer uma aração após a aplicação do calcário, e, em seguida, uma gradagem.
    A gradagem deve ser feita com capricho, um dia antes da operação de levantamento dos canteiros.
    Em terrenos com declividade superior a 5%, há necessidade de se adotar práticas de conservação do solo.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • Cultura da Cenoura (Daucos carota)
  • Introdução
  • Cultivo da Cenoura
  • Clima
  • Escolha da Cultivar
  • Escolha do Local
  • Análise do Solo
  • Correção do Solo
  • Preparo do Solo
  • Plantio
  • Adubação de Plantio
  • Tratos Culturais
  • Colheita
  • Doenças
  • Controle de Doenças da Cenoura
  • Controle de Pragas da Cenoura
  • Classificação
  • Embalagem
  • Propriedades Vitamínicas e Medicinais
  • Cegueira Noturna
  • Obrigada!