Curso Online de Gerenciamento De Recursos Humanos Em Projetos

Curso Online de Gerenciamento De Recursos Humanos Em Projetos

O tema tratado neste curso tem a intenção de suscitar várias questões. Vamos imaginar, por um instante, quem são as pessoas que vão reali...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 13 horas

Por: R$ 29,90
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

O tema tratado neste curso tem a intenção de suscitar várias questões. Vamos imaginar, por um instante, quem são as pessoas que vão realizar um projeto. De que forma elas pensam sobre um projeto? Como essas pessoas se mobilizam para fazer parte de um projeto? Como elas se encontram quando são chamadas para fazer um projeto? No que ele, afinal, termina por interferir no rumo de cada uma dessas pessoas?

A Fragas Consultoria têm como finalidade prestar serviços de Auditoria interna da ISO 14001 e OSHAS 18001; Consultorias na área ambiental , na área de recursos humanos como treinamentos e desenvolvimento de pessoal ,descrição de cargos e salários, avaliação de desempenho, desenvolvimento organizacional.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • Gerenciamento
    de
    Recursos Humanos

  • INTRODUÇÃO A RECURSOS HUMANOS

    INTRODUÇÃO A RECURSOS HUMANOS

    As causas das falhas ocorridas nos projetos apresentam evidências de mudanças ao longo da evolução da gestão de projetos. No período da gestão tradicional, era comum sair correndo para um projeto e gastar tempo demais em seu planejamento e nas estimativas.

  • INTRODUÇÃO A RECURSOS HUMANOS

    INTRODUÇÃO A RECURSOS HUMANOS

    As causas das falhas ocorridas nos projetos apresentam evidências de mudanças ao longo da evolução da gestão de projetos. No período da gestão tradicional, era comum sair correndo para um projeto e gastar tempo demais em seu planejamento e nas estimativas.

  • Quando o projeto fracassava, jogava-se a culpa no mau planejamento, nas estimativas mal definidas, na programação inadequada ou na impropriedade dos controles. No momento de transição, período do renascimento da gestão, ainda se acreditava que a maioria dos fracassos era quantitativa, mas ao mesmo tempo, se reconhecia a possibilidade de um fracasso comportamental.

  • À medida que se aproximava a década de 90, as análises pós-projetos indicavam que os fracassos eram mais comportamentais que quantitativos. Nos anos anteriores as falhas ocorridas também eram comportamentais, mas ninguém se dava conta disto. Atualmente, temos cada vez mais cursos associados às questões de comportamento humano em gestão de projetos.

  • Recursos Humanos (RH) foi implantado no Brasil nos anos 60. Nos Estados Unidos no início do século XX. A Experiência de Hawthorne trouxe muitas contribuições para o estudo do comportamento e das relações humanas.

  • A Experiência de Hawthorne

    A Experiência de Hawthorne

    A Experiência de Hawthorne aconteceu na Western Electric Company, de 1927 a 1932, visando determinar qual a relação existente entre a intensidade da iluminação e a eficiência dos operários (produtividade). A Western Electric Company fabrica equipamentos e componentes telefônicos, e desenvolvia na época uma política de pessoal bastante voltada para o bem estar de seus funcionários.

  • Em sua fábrica, situada no bairro de Hawthorne, em Chicago, havia um departamento de montagem de relês de telefone, composto basicamente por moças, que executavam um trabalho manual de montagem, dependendo intensamente de sua velocidade manual para a produção. Antes do início da pesquisa, a produção média era de cinco relês a cada seis minutos por pessoa. A direção da companhia não se preocupava em aumentar a produção, mas sim em conhecer um pouco mais sobre seus funcionários.

  • A experiência de Hawthorne foi encerrada por motivos não vinculados ao seu desenvolvimento. Entretanto, a influência de seus resultados sobre a teoria administrativa foi fundamental, abalando terrivelmente os princípios da Teoria Clássica então dominante.

  • A Experiência de Hawthorne permitiu o delineamento dos princípios básicos da Escola das Relações Humanas que veio a se formar logo em seguida, por meio de seus principais pesquisadores.

  • Dentre as principais conclusões da experiência estão: nível de produção é resultante da integração social, comportamento social dos empregados, recompensas e sanções sociais, grupos informais, relações humanas, importância do conteúdo de cargo, ênfase nos aspectos emocionais.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 29,90
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • INTRODUÇÃO A RECURSOS HUMANOS
  • A Experiência de Hawthorne
  • Gerenciamento de RH
  • PROCESSOS DE GERENCIAMENTO DE RECURSOS HUMANOS
  • DESENVOLVER O PLANO DE RECURSOS HUMANOS
  • Fluxograma Geral do Gerenciamento de Recursos Humanos do Projeto
  • Planejamento de recursos humanos
  • O Plano de Gerenciamento de Pessoal
  • Planejamento de recursos humanos: Ferramentas e técnicas
  • Planejamento de recursos humanos: Saídas
  • Um Exemplo de Histograma de Recurso
  • Contratar ou mobilizar a equipe do projeto
  • 9.2.1 Contratar ou mobilizar a equipe do projeto: Entradas
  • 9.2.2 Contratar ou mobilizar a equipe do projeto: Ferramentas e técnicas
  • 9.2.3 Contratar ou mobilizar a equipe do projeto: Saídas
  • MOBILIZAR A EQUIPE DO PROJETO
  • 9.3 Desenvolver a equipe do projeto
  • 9.3.1 Desenvolver a equipe do projeto: Entradas
  • 9.3.2 Desenvolver a equipe do projeto: Ferramentas e técnicas
  • 9.3.3 Desenvolver a equipe do projeto: Saídas
  • DESENVOLVER A EQUIPE DO PROJETO
  • A pesquisa de Maslow – Teoria da Motivação
  • Teoria da hierarquia das necessidades
  • Poder do Gerente
  • Regras básicas
  • Avaliação de desempenho
  • Gerenciamento de Conflitos em Projetos
  • 9.4 Gerenciar a equipe do projeto
  • 9.4.1 Gerenciar a equipe do projeto: Entradas
  • 9.4.2 Gerenciar a equipe do projeto: Ferramentas e técnicas
  • 9.4.3 Gerenciar a equipe do projeto: Saídas
  • EXERCICIOS DE FIXAÇÃO
  • QUESTÃO 2
  • QUESTÃO 3
  • QUESTÃO 4
  • QUESTÃO 5
  • QUESTÃO 6
  • QUESTÃO 7
  • QUESTÃO 8
  • QUESTÃO 9
  • QUESTÃO 10
  • QUESTÃO 11
  • QUESTÃO 12
  • QUESTÃO 13
  • QUESTÃO 14
  • QUESTÃO 15
  • QUESTÃO 16
  • QUESTÃO 17
  • QUESTÃO 18
  • QUESTÃO 19
  • QUESTÃO 20
  • QUESTÃO 21
  • QUESTÃO 22
  • QUESTÃO 23
  • QUESTÃO 24
  • QUESTÃO 25
  • GABARITO
  • Referências Bibliográficas