Curso Online de Torneiro Mecânico

Curso Online de Torneiro Mecânico

O Curso de Qualificação Profissional Torneiro Mecânico tem por objetivo o promover o desenvolvimento de competências profissionais de mod...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 24 horas

De: R$ 80,00 Por: R$ 49,90
(Pagamento único)

Mais de 30 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

O Curso de Qualificação Profissional Torneiro Mecânico tem por objetivo o promover o desenvolvimento de competências profissionais de modo que você prepare, regule e opere tornos mecânicos convencionais que usinam peças de metal e compósitos e controlam os parâmetros e a qualidade das peças usinadas, aplicando procedimentos de segurança às tarefas realizadas.

Bacharel em Sistemas de Informação, Bacharel em Ciencias Juridicas, Oracle Database: SQL Certified Expert, Programador Java, C, C#, Certificado em Mecânica militar e civil.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.
  • INDICE:

    Introdução;
    Histórico;
    Tornos Mecânicos;
    Classificação dos tornos mecânicos;
    Classificação dos tornos automáticos;
    Torno automático monofuso acionado por cames;
    Torno automático multifuso;
    Torno automático monofuso de cabeçote fixo;
    Torno automático monofuso de cabeçote móvel;
    Torno vertical CNC;
    Vantagens da tecnologia CNC;
    Tornos especiais;
    Características e componentes;

  • Componentes essenciais;
    Acessórios do Torno;
    Brocas, broca de centro, alargadores, brocas de roscas, etc.;
    Operações Fundamentais;
    Análise de custos;
    Velocidades de corte e avanço;
    Conclusão;
    Tendências Futuras;
    Fluídos de corte;
    Parâmetros de corte;
    Placas e arrastadores;
    Furação;
    Tipos de furação;
    Estrutura de uma furadeira;
    Principais modalidades de furação;
    Ferramentas especiais;
    Tipos de maquinas de furar;
    Fixação de peças e brocas;

  • O TORNO MECÂNICO

    1.0 – Introdução:

    As ferramentas foram a maneira que o homem encontrou para ampliar a força e destreza do seu corpo.
    As máquinas possibilitaram a multiplicação destes princípios por milhões de vezes.
    O Torno foi provavelmente uma das primeiras tecnologias desenvolvidas para a produção em grande escala. Com ele (na antiguidade) uma pessoa poderia sem maiores dificuldades, produzir recipientes para toda uma comunidade.
    Chamado de Máquina Ferramenta Fundamental, foi a partir dele que se originaram todas as demais ferramentas, o Torno pode executar maior número de operações que qualquer outra máquina ferramenta.

  • O Torno executa qualquer espécie de superfície de revolução uma vez que a peça que se trabalha tem o movimento de avanço e translação.

    Permite usinar qualquer obra que deva ter seção circular e combinações de tais seções.

    O trabalho abrange obras como eixos, polias, pinos e todas as espécies de roscas.

  • Além de tornear superfícies cilíndricas externas e internas, o Torno poderá usinar superfícies planas no topo das peças, facear, abrir rasgos ou entalhes de qualquer forma, ressaltos e golas, superfície cônicas, esféricas e perfiladas.

    Qualquer tipo de peça roscada, interna ou externa, pode ser executada no Torno.

    Além dessas operações primárias ou comuns, o Torno pode ser usado para furar, alargar, recartilhar, enrolar molas, etc.

    O Torno também pode ser empregado para polir peças empregando-se uma lima fina, lixas etc.

  • Torno Mecânico Horizontal

  • Torno Platô Pesado Clark, TP

    Características:

    Ø 1600 / 2000 / 2200 mm Capacidade de ate 3 toneladas; Motor de 30Hp. Avanço transversal e da espera através de inversor eletrônico 2,6Hp.

  • Histórico:

    O uso do Torno foi identificado por arqueólogos na fabricação de cerâmicas datadas de mais de 3000 anos de existência.
    Desenhos Egípcios mostram oleiros trabalhado com Tornos a mais de 2000 anos antes de nossa era.

    “Torno” primitivo

    Torno Oleiro

  • Os primeiros Tornos, dignos desse nome, tinham barramento de madeira e transmissão por correias de couro.

    Os mecanismos eram acionados por pedais, semelhantes às máquinas de costura manuais inspirados por Leonardo D’Vinci.

  • Torno tipo “máquina de costura”.

    Detalhe do acionamento.

  • No fim do século XVIII, os fabricantes de armas para batalhas (cruzadas), começaram a desenvolver interesse por diversos materiais metálicos, originando dispositivos mecânico para fabricação de suas armas e ferramentas.

    Um Torno mecânico era ajustado antigamente pelo ferramenteiro que utilizava um conjunto de procedimentos mentais e manuais.

    Necessitando de outro tipo de peça, era preciso reajustar todo o equipamento novamente.

    Com a chegada da energia elétrica no final do século XIX surge o motor elétrico, que trouxe junto com a revolução industrial inglesa, o aperfeiçoamento do Torno e de diversas máquinas no século XX.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 49,90
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • Introdução;
  • Histórico;
  • Tornos Mecânicos;
  • Classificação dos tornos mecânicos;
  • Classificação dos tornos automáticos;
  • Torno automático monofuso acionado por cames;
  • Torno automático multifuso;
  • Torno automático monofuso de cabeçote fixo;
  • Torno automático monofuso de cabeçote móvel;
  • Torno vertical CNC;
  • Vantagens da tecnologia CNC;
  • Tornos especiais;
  • Características e componentes;
  • Componentes essenciais;
  • Acessórios do Torno;
  • Brocas, broca de centro, alargadores, brocas de roscas, etc;
  • Operações Fundamentais;
  • Análise de custos;
  • Velocidades de corte e avanço;
  • Conclusão;
  • Trabalhos simples do torneiro;
  • Afiação de ferramentas de corte;
  • Torneamento cônico;
  • Operação de Abrir Canaletes em Superfícies Cilíndricas;
  • Operação de Furar no Torno Mecânico;
  • Operação de Torneamento com a Utilização de Mandris;
  • Tendências Futuras;
  • Fluídos de corte;
  • Parâmetros de corte;
  • Placas e arrastadores;
  • Furação;
  • Tipos de furação;
  • Estrutura de uma furadeira;
  • Principais modalidades de furação;
  • Ferramentas especiais;
  • Tipos de maquinas de furar;
  • Fixação de peças e broca