Curso Online de CURSO PROCESSOS DE REFINO DE PETRÓLEO - DESTILAÇÃO

Curso Online de CURSO PROCESSOS DE REFINO DE PETRÓLEO - DESTILAÇÃO

Uma refinaria tem a função básica na decomposição do petróleo em diferentes subprodutos, como gasolina, diesel e querosene. Para isso, el...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 14 horas

Por: R$ 150,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Uma refinaria tem a função básica na decomposição do petróleo em diferentes subprodutos, como gasolina, diesel e querosene. Para isso, ela recebe o petróleo - na forma do chamado óleo crú - das plataformas de extração e o submete a diversos processos químicos. O primeiro e mais importante desses processos é a destilação, que ocorre dentro de uma grande torre.é aquecido a altas temperaturas, evapora e, quando volta à forma líquida novamente, já tem boa parte de seus principais subprodutos separados

FORMAÇÃO ACADÊMICA 2º Grau Técnico em Contabilidade (1993) 3º Grau Tecnólogo em Petróleo e Gás -Estácio de Sá - Bahia QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL Técnico em Segurança do Trabalho ? SENAI CETIND (2002 a 2003) CREA de Registro (Emissão em 20/04/2007 Validade - 18/04/2012) CURSOS COMPLEMENTARES Informatica -: Excel, Internet, Word, Windows 98 / 2000 e Power point - Real & Dados; Primeiros Socorros ? Amigos da Vida ? SENAI CETIND PE-SMS / Treinamento no Programa de Educação, Meio Ambiente e Saúde. Direção defensiva Legislação Trabalhista- SENAI CNI Gestão Ambiental e Desenvolvimento sustentável l- FGV Ciência e tecnologia - FGV Elaboração de PPRA- Buzzero EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL ORPLAN Engenharia de Segurança e Meio Ambiente ( Na área da Caraíba Metáis). Cargo: Técnico em Segurança do Trabalho Ano: 2004 PERBRÁS Empresa de Perfuração do Brasil Cargo: Plataformista Ano: 2005



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • Curso processos de refino de petróleo -Destilação

    curso processos de refino de petróleo -destilação

  • Sumário

    sumário

    refino no brasil
    petróleo
    esquema de refino
    destilação atmosférica e a vácuo
    craqueamento catalítico
    processos de tratamento de derivados
    craqueamento retardado
    hidroprocessamento
    geração de hidrogênio
    reforma catalítica
    alquilação catalítica
    lubrificantes

  • PETRÓLEO

    petróleo

    óleo de pedra (do latim petro: pedra + oleum: óleo ).
    óleo cru.
    líquido oleoso, insolúvel em água e mais leve do que ela (menor densidade).
    coloração varia entre castanho escuro ao preto.
    mistura de hidrocarbonetos.

  • hidrocarboneto: composto químico constituído apenas por átomos de carbono e hidrogênio.
    parafínicos - cadeia aberta
    naftênicos - cadeia fechada
    aromáticos - aquele que possui, em sua molécula, pelo menos um anel de benzeno ( c6h6 ).

  • Hidrocarbonetos Parafínicos

    hidrocarbonetos parafínicos

    fórmula geral: cnh2n+2 (n é um número inteiro, geralmente de 1 a 20).
    as moléculas são cadeias ramificadas ou não.
    em temperatura ambiente podem ser gases ou líquidos, dependendo da molécula.
    exemplos: metano, etano, propano, butano, isobutano, pentano, hexano

  • Hidrocarbonetos Aromáticos

    hidrocarbonetos aromáticos

    fórmula geral: c6h5-y (y é uma molécula mais longa e não ramificada que se conecta a anéis benzênicos).
    estruturas em anel, com um ou mais anéis. 
    os anéis contêm seis átomos de carbono, com ligações duplas e simples alternando-se entre os carbonos.
    geralmente são líquidos. 
    exemplos: benzeno, naftaleno

  • Hidrocarbonetos Naftênicos

    hidrocarbonetos naftênicos

    fórmula geral: cnh2n (n é um número inteiro, geralmente de 1 a 20).
    estruturas em anel, com um ou mais anéis. 
    os anéis contêm apenas ligações simples entre os átomos de carbono.
    em temperatura ambiente, geralmente são líquidos.
    exemplos: ciclohexano, metilciclopentano

  • VOLATILIDADE

    volatilidade

    em ciências como a química e física, o termo volatilidade se refere a uma grandeza que está relacionada à facilidade de uma substância passar da fase líquida à fase vapor. essa facilidade depende do referencial; por isso, a volatilidade é sempre relativa. leva em conta duas substâncias, sendo uma delas a substância, digamos, "referencial".

  • VISCOSIDADE

    viscosidade

    nem todos os líquidos são iguais. alguns são finos e escoam mais facilmente. outros são espessos e pegajosos. mel e xarope escorrem mais lentamente que a água.
    a resistência ao escoamento apresentada por um líquido é chamada de viscosidade.
    ou seja, quanto maior a viscosidade, menor a velocidade em que o fluido se movimenta.
    a viscosidade é uma propriedade importante dos fluidos de perfuração. quando mais viscoso for o fluido, mais facilmente ele suspenderá as aparas do corte e as levará para a superfície. por outro lado, é necessária mais pressão para bombear fluidos muito viscosos, além de ser mais difícil retirar os resíduos da perfuração.
    uma maneira de testar a viscosidade de um líquido é jogar alguma coisa dentro dele e ver quanto tempo demora para afundar.

  • o tamanho das moléculas dos hidrocarbonetos influencia tanto a sua volatilidade quanto sua viscosidade.

    moléculas menores aumentam a volatilidade e reduzem a viscosidade.

    moléculas maiores reduzem a volatilidade e aumentam a viscosidade.

    a viscosidade e a volatilidade são as principais características de um combustível

  • petróleo - é uma mistura constituída predominantemente de hidrocarbonetos, que ocorre na natureza nos estados: sólido, líquido ou gasoso.
    óleo - é a porção do petróleo existente na fase líquida nas condições originais do reservatório e que permanece líquida nas condições de pressão e temperatura de superfície.
    gás natural - é a porção de petróleo que existe na fase gasosa ou em solução no óleo, nas condições originais de reservatório, e que permanece no estado gasoso nas condições atmosféricas de pressão e temperatura.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 150,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • Curso processos de refino de petróleo -Destilação
  • Sumário
  • PETRÓLEO
  • Hidrocarbonetos Parafínicos
  • Hidrocarbonetos Aromáticos
  • Hidrocarbonetos Naftênicos
  • VOLATILIDADE
  • VISCOSIDADE
  • DENSIDADE
  • ºAPI
  • Classificação do Petróleo em relação ao ºAPI
  • Contaminantes do Petróleo
  • Derivados do Petróleo
  • Derivados Produzidos pela Petrobrás
  • Gás de Petróleo
  • Nafta
  • Gasolina
  • Querosene
  • Gasóleo
  • Óleo Lubrificante
  • Óleo Combustível
  • Resíduos
  • Coque
  • AGUARRÁS
  • Produtos de uma refinaria (derivados)
  • Derivados
  • Derivados Energéticos
  • Derivados Não-Energéticos
  • P E V
  • PONTO DE EBULIÇÃO
  • O QUE FAZ UMA REFINARIA ?
  • Unidades de Processo
  • Esquema de Refino
  • Processos
  • DESTILAÇÃO
  • DESTILAÇÂO
  • Coluna de Destilação
  • Pratos
  • Prato com Borbulhador
  • Borbulhador expandido
  • Borbulhador montado
  • Pratos
  • Prato com válvulas
  • Válvula
  • Pratos
  • Torre ou Coluna de Destilação
  • Coluna de Destilação
  • Coluna com Recheio
  • Recheio Randômico
  • Recheios Estruturados
  • Anel de Raschig
  • Anel de Racshig
  • Sela de Berl
  • Sela de Berl e Sela Intalox
  • Anel de Pall
  • IMTP
  • Coluna com Recheio
  • Recheio X Pratos
  • Coluna de Destilação
  • Refervedor
  • Condensador
  • Coluna de Destilação
  • Tipos usuais de Torres de Destilação de Petróleo
  • Torre de Pré-fracionamento
  • Torre de Destilação Atmosférica
  • Destilação
  • Destilação Atmosférica
  • Coluna de Destilação
  • Torre de Retificação ou Torre Retificadora
  • Torre de Destilação a Vácuo
  • Torre Debutanizadora de Nafta
  • Torre de fracionamento de nafta