Curso Online de NR 13 - caldeiras - MT2

Curso Online de NR 13 - caldeiras - MT2

Informe sobre caldeiras e vapor, seu procedimentos e segurança NR-13

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 12 horas

Por: R$ 30,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Informe sobre caldeiras e vapor, seu procedimentos e segurança NR-13

Prof. de colégio Técnico, fiz até 4º modulo de Engenharia Mecânica, tenho 15 anos na área de ensino e 40 anos trabalhando na indústria. Conhecimento e trabalhos efetuados na área, como torneiro mecânico-SENAI, ajustagem de moldes, fabricação de máquinas sheel mounding, automatização, acompanhamento de fabricação de pneumática e hidráulica industrial, especificação e montagem, máquinas de mármore e granitos, bem como máquinas de embalagem, fabricação de blocos e prensas hidráulicas. ATENÇÃO alunos: 90% dos cursos tem site externo de apoio e pesquisas, não deixe de visitar. Cursos de NR-12 e NR-13, revisado pela Técnica de Segurança do Trabalho, D. Mirian M. dos Santos,com CREA e obedecendo a lei vigente.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • Revisão 2011-1

    Caldeira
    faz
    Vapor
    de
    ÁGUA

  • A caldeira

    A caldeira

    Recipiente metálico de qualquer tamanho para aquecer água, e produzir vapor.

  • A Pressão
    Definindo a Pressão
    Pressão Atmosférica, Pressão Manométrica e Pressão Absoluta
    Unidades de Pressão
    Calor e Temperatura
    Calor
    Temperatura, Controle de Temperatura e Escalas de Temperatura
    Processos de Troca de Calor
    Combustão
    Vapor Saturado e Vapor Superaquecido
    Tabela de Vapor
    Final Site - Vídeo e NR13

    FÍSICA fundamentada

  • PRESSÃO

    DEFINIÇÃO DE PRESSÃO
    Consideremos uma superfície de área “A” e seja “F” a componente perpendicular da resultante de todas as forças que agem na área “A”.
    Entende-se por pressão da superfície considerada, o quociente da intensidade de “F” pela área “A”.

    Pressão = Força
    Área

    P = F
    A

    No Sistema Internacional de Unidades a pressão é medida em N/m2. Um N/m2 é também denominado Pascal (PA).

    1 PA = 1 N
    m2

  • Exemplo de Aplicação do Conceito de Pressão: Considere um garrafão sobre uma mesa conforme desenho abaixo. Determine a pressão que a base de apoio do garrafão exerce sobre a mesa. P = F = 2 = 0,01kgf/cm2 A 200

    Exemplo de Aplicação do Conceito de Pressão: Considere um garrafão sobre uma mesa conforme desenho abaixo. Determine a pressão que a base de apoio do garrafão exerce sobre a mesa. P = F = 2 = 0,01kgf/cm2 A 200

  • PRESSÃO ATMOSFÉRICA,
    PRESSÃO MANOMÉTRICA E
    PRESSÃO ABSOLUTA

    O que é Pressão Atmosférica (Patm)?
    Nosso Planeta está envolto por uma camada de fluído gasoso (O ar) chamada atmosférica (do grego, “esfera de gás”).
    Como ocorre com todos os corpos na superfície da Terra, o ar também é atraído devido à gravidade, isto é, o ar tem peso.
    Assim, o ar exerce sobre a superfície da Terra, e de todos os corpos aí existentes, uma pressão chamada Pressão Atmosférica.
    O que é Pressão Absoluta (Pabs)?
    É a pressão real que um fluído exerce sobre as paredes de um Recipiente de Pressão.

  • A Pressão Atmosférica é máxima ao nível do mar e seu valor corresponde a 10,3m de água ou a 760mm de mercúrio ou a 1,03kgf/cm2 ou a 14,7 psi.
    Qualquer instrumento destinado a medir a Pressão Atmosférica chama-se barômetro. Por isso, muitas vezes, essa pressão é também chamada de Pressão Barométrica.

    Exemplo de Medição da Pressão Atmosférica (Barômetro de Torricelli):

  • O que é Pressão Manométrica (Pman)?

    É a pressão medida em um Recipiente de Pressão por um instrumento denominado Manômetro. Essa pressão corresponde a diferença entre as pressões Absoluta e Atmosférica (Pressão Relativa).

    A Pressão Manométrica ou Pressão Relativa pode ser expressa da seguinte forma:

    Pman = Pabs – Patm

  • Um vacuômetro é um instrumento de medida de pressão, semelhante ao manômetro, para medir pressões em Recipientes que operam sob vácuo.
    A pressão de vácuo, indicada no vacuômetro, pode ser expressa da seguinte forma:

    Pvac = Pabs - Patm

    Como a Pressão Absoluta dentro de um Recipiente sob vácuo é menor que a Pressão Atmosférica, utilizando a expressão acima obtém-se um valor negativo para a Pressão de Vácuo (ou seja as pressões de vácuo são indicadas no sentido anti-horário, à esquerda do zero).
    As pressões de vácuo, por serem valores pequenos, normalmente são expressas em mmHg (milímetros de mercúrio) ou em cmHg (centímetros de mercúrio).

  • UNIDADES DE PRESSÃO

    Unidades: 1 atm = 760mmHg = 10.330 mmca
    1 at = 1kgf/cm2 = 735,6mmHg = 10.000 mmca
    1 atm = 1,033 kgf/cm2
    1 atm = 10.000 N/m2
    1 atm = 14,7 psi
    1 kgf/cm2 = 14,217 psi
    1 kgf/cm2 = 98.039 N/m2
    1 N/m2 = 0,0000102 kgf/cm2
    psi = lbf/pol2

    Na prática usa-se: 1 atm ± 1kgf/cm2 ± 1 bar ± 14,7 psi

  • Exemplos

    Exemplos

    Exemplo - 1 : Converta uma pressão de 300 psi em kgf/cm2.

    1kgf/cm2 = 14,217 psi
    X = 300 psi
    14,217 . X = 300 . 1

    X = 300
    14,217
    X = 21,1kgf/cm2

    Exemplo - 2 : Converta uma pressão de 15 kgf/cm2 em psi.
    1kgf/cm2 = 14,217 psi
    15 kgf/cm2 = X
    1 . X = 15 . 14,217
    X = 213,25 psi


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 30,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • Caldeira Industrial e Comercial
  • Normas Regulamentadoras, NR-13
  • Caldeira aquatubular
  • caldeira flamotubular
  • Instalação
  • Montagem
  • Roscas
  • Tubo Bourdon
  • OXIGÊNIO
  • FIXAÇÃO DO INSTRUMENTO
  • VÁLVULAS
  • VIBRAÇÕES
  • PULSAÇÃO DA PRESSÃO
  • CORROSÃO
  • TEMPERATURA
  • SOBREPRESSÃO
  • Operação
  • MANUTENÇÃO
  • CONTATOS ELÉTRICOS
  • MANUAL DE INSTRUÇÃO
  • STANDARD GAUGE
  • CUIDADOS COM O INSTRUMENTO
  • LEITURAS
  • CERTIFICADO
  • TERMÔMETROS BIMETÁLICOS
  • CONDIÇÕES DE VIBRAÇÃO
  • EXAME VISUAL
  • CALIBRAÇÃO
  • SELO DE DIAFRAGMA
  • CONTROLADOR DE PRESSÃO
  • PRECAUÇÕES NA INSTALAÇÃO
  • CALIBRAÇÃO
  • Terminologia
  • APARELHO PARA TESTAR MANÔMETROS
  • GARANTIA
  • Modelos
  • APARELHO PARA TESTAR INSTRUMENTOS DE PRESSÃO
  • BALANÇA DE PESO MORTO
  • Princípio de Operação
  • Sobressalentes
  • Tubulação externa, para distribuição de vapor
  • Materiais para tubulações
  • Tubos Metálicos
  • Tubos não metálicos
  • Tubos de aço com revestimento interno
  • Adequações a saber
  • Processo de fabricação de Tubos
  • Tubos com costuras
  • Fabricação por laminação
  • Laminador
  • Alinhar e desempenar
  • Processo por extrusão
  • Solda
  • Tubos
  • Materiais 1
  • Materiais 2
  • Tubos de aço liga
  • Materiais 3
  • Materiais 4
  • Tipo de extremidade dos tubo de aço
  • Hidrocarbonetos fluorados (Teflon)
  • Epóxi
  • Poliésteres
  • Revestimento interno
  • Flange
  • Norma ANSI.B. 16.5 classe 7
  • Juntas para Flange
  • Junta de expansão
  • Seu emprego
  • Juntas de expansão de telescópio
  • Informação
  • Juntas de Fole ou de sanfona
  • Desvantagem
  • Verificador de trincas
  • Tipos
  • Purgadores
  • Causa de aparecimento de condensado
  • Remoção do condensado
  • Instalação
  • Detalhe de instalação
  • Instalação mais alto que a linha
  • Dados