Curso Online de ETICA PRÁTICA NOS SERVIÇOS DE BOMBEIROS CIVIS
4 estrelas 3 alunos avaliaram

Curso Online de ETICA PRÁTICA NOS SERVIÇOS DE BOMBEIROS CIVIS

A preocupação com segurança há tempos vem ganhando espaço significativo em empresas dos mais diversos segmentos, tornando-se parte do neg...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 5 horas

Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

A preocupação com segurança há tempos vem ganhando espaço significativo em empresas dos mais diversos segmentos, tornando-se parte do negócio.
Nesse contexto, novas tecnologias, aliadas a profissionais cada vez mais preparados, exigem Formação, Qualificação, Habilitação e Treinamento constante, objetivando o aperfeiçoamento contínuo do indivíduo, como forma de garantia de continuidade e confiança nos trabalhos executados ou ora a executar.
Para facilitar a busca pela formação adequada e a tão discutida qualificação, apresentamos ao amigo (a) leitor (a) esta preciosa ferramenta de informação intitulada ÉTICA PRÁTICA NOS SERVIÇOS DE BOMBEIROS CIVIS.

Aparecido da Cruz é Especialista em Segurança do Trabalho, Mestre em Pedagogia Cristã; Pós Graduado em Direito Militar e Defesa Civil, Articulista Institucional em Direitos Humanos e Defesa Civil; MBA em Segurança Pública, MBA em Recursos Humanos - Ênfase em Desenvolvimento Humano e Treinamento é autor de diversos artigos, folhetos além de autor independente de onze livros. Certificador de processos MEC em 2016; Tutor Master EaD; Atuou como coordenador de cursos no CEFAP Átrios, onde conquistou o Premio Positivo de Responsabilidade Sócio Ambiental dentre outros. Atua como educador social voluntário em instituições públicas, desenvolvendo cursos de capacitação aberta a comunidade em geral pelo NUPREC. Membro eleito do Conselho Universitário de uma das maiores universidades públicas brasileiras é também Capelão Chefe na Força Tarefa Brasileira e Escola de Comando de Guardas Municipais, além de Coordenador Nacional do NUPREC - Núcleo de Ações Voluntarias em Proteção e Defesa Civil. É coordenador de cursos da empresa Gesest Soluções em Proteção Humana e Educador Policial pelo CESDH e Escola Superior de Ciências Policiais.


- Regiane Odoricio Lopes

"muito bom o curso,trabalho ná mais não tinha o curso agora aprendi mais com vcs."

- Raimundo Quaresma Batista Filho

- Carlos Jose Azevedo Da Fonseca

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • 1

    ética prática
    nos serviços
    de bombeiros civis

  • 2

    biografia
    aparecido da cruz

    mestre em educação – ênfase em educação religiosa
    pós graduado em segurança do trabalho
    mba em recursos humanos – t&d
    mba segurança pública
    atuou como gestor de bombeiros e emergências
    bacharel em teologia
    técnico em segurança do trabalho
    educador social voluntário

    ministrou cursos em:

    abb – parque cecap
    haiz lamerz – borlem
    cummins - cumbica
    original usinagem – bonsucesso
    joalmi metalurgica
    colégio data brasil
    sociedade paulista de mastologia
    cia. suzano de papel
    braço forte – formação
    secretaria da justiça de são paulo
    dixie toga
    bridgestone fyrestone
    aula teste senac guarulhos
    grupo graber
    estrela azul segurança
    unifesp campus guarulhos
    site service guarulhos

    perfil do educador

  • 3

    procedimentos do curso

    para o bom andamento do curso e melhor aproveitamento dos conteúdos, gostaríamos de obter a concordância de todos em relação aos seguintes procedimentos:

    i- respeitar as diferenças de conhecimento, experiência e cultura;
    ii - ao questionar, adicione valor, evitando repetir o que já foi comentado exaustivamente;
    iii - procure ser objetivo em seus comentários e fazê-los em momentos oportunos via e-mail;
    iv- não deixe de esclarecer dúvidas sobre o conteúdo apresentado;
    v - procurar prestar o máximo de atenção aos comentários dos educadores, evitando juízos preliminares;
    vi – mantenha atenção em seus estudos, vislumbrando nos comentários uma oportunidade para empreender pesquisas e novos estudos sobre o tema proposto, visando seu crescimento pessoal e profissional.

  • 4

    introdução

    a preocupação com segurança há tempos vem ganhando espaço significativo em empresas dos mais diversos segmentos, tornando-se parte do negócio.

    seja por determinação legal, seja pela preocupação de seu patrimônio, da vida e bem estar de seus colaboradores e do cuidado com o meio ambiente, empresários têm se preocupado em observar os aspectos relacionados à segurança, em seus diversos níveis de abrangência. passando de mal necessário para prevenção de percas desnecessárias.

    nesse contexto, novas tecnologias, aliadas a profissionais cada vez mais preparados, exigem formação, qualificação, habilitação e treinamento constante, objetivando o aperfeiçoamento contínuo do indivíduo, como forma de garantia de continuidade e confiança nos trabalhos executados ou ora a executar.
    para facilitar a busca pela formação adequada e a tão discutida qualificação, apresentamos ao amigo (a) leitor (a) esta preciosa ferramenta de informação intitulada ética prática nos serviços de bombeiros civis.

    neste curso os (as) amigos (as) leitores (as) encontrarão informações importantíssimas, que os ajudarão em seu dia a dia na prestação de bons serviços, mantendo uma boa apresentação, serviço permanente e qualidade de vida.

    òtimo curso a todos!

  • 5

    objetivos

    i- identificar quem é, e o que faz o bombeiro civil;
    ii – tratar da definição e aplicação da ética ao profissional bombeiro civil;
    iii – demonstrar que ética e excelência profissional caminham juntas;
    iv- oportunizar aos profissionais bombeiros civis, bem como a comunidade, subsídios de identificação da atividade;
    v – disseminar a cultura da ética profissional como valor agregado;

  • 6

    quem é o bombeiro civil

    obs: tramita a alguns anos nas casas legislativas federais o pl 3858 que altera o nome bombeiro civil para “brigadista particular” numa tentativa medíocre e jurássica de que o nome bombeiro, seja exclusivo das forças militares, não levando em consideração a homogeneidade, a classificação brasileira de ocupações e diversas normas nacionais. em alguns estados, como são paulo, dominado pelo lobby militar, a alteração foi sorrateira e maldosa, inclusa na it 17 do decreto estadual 56.819 como forma de se resguardar da evidência e do crescimento dos bombeiros civis no estado.

    conhecido também como bombeiro industrial surgiu desde os anos de 1960 pela necessidade das empresas em terem um profissional que fosse bombeiro para garantir tanto prevenção quanto combate a incêndios, o militar não poderia prestar esse serviço por ser um funcionário público, então empresas traziam peritos internacionais para treinarem equipes de profissionais contratados como bombeiros. hoje o mercado de trabalho do bombeiro civil está muito além de indústrias e comércio, a cada dia novos decretos, leis e instruções técnicas recomendam o profissional, além da própria necessidade das empresas em garantir seu patrimônio tanto quanto seu pessoal. existem cada vez mais profissionais em todo país principalmente na região sudeste, sindicatos, associações e demais entidades através de articulação política procuram melhores soluções para profissão que até hoje luta por uma regulamentação própria, mesmo bem aceita e difundida no mercado, não é militar nem tão pouco autoridade pública, é alguém contratado ou que presta serviço a uma empresa. não obstante, conta com profissionais tão bem treinados, cuja formação já permitiu a muitos desses ensinar a muitos militares.

  • 7

    outros tipos de bombeiros no brasil

    bombeiros voluntários
    a mais de 120 anos desde 1892 no sul do brasil, na cidade de joinville no estado de santa catarina, existe o corpo de bombeiros voluntários (o primeiro da américa do sul). como a região tem muitos imigrantes europeus, estes trouxeram essa tradição que é muito difundida ainda hoje em toda europa em especial na alemanha e portugal e mundo a fora como no japão, com mais de 5 mil bombeiros voluntários na capital tókio.
    em santa catarina existem mais de 4.300 bombeiros voluntários atendendo mais de 70 municípios. o bombeiro voluntário surge de um grupo de pessoas em uma cidade onde não existe serviço público de atendimento e criam uma associação para esse fim. essa associação cria e leva o projeto para reunião com a prefeitura, associações de moradores, juntas do comercial, indústrias e representantes da região, após aprovação do projeto a prefeitura cede local para ser a base e a junta comercial e demais entidades sustentam os custos da base e fornecem por doações os equipamentos necessários. este formato de bombeiro pode variar para o bombeiro municipal, ocorre de forma semelhante ao voluntário, porém, este é contratado e recebe salário passando a ser um funcionário da prefeitura, realidade em vários municípios do estado de são paulo.
    bombeiro militar
    em 1856 o então imperador d. pedro ii decretou a formação do corpo de bombeiros da corte na então capital do brasil o rio de janeiro, esse sistema evoluiu com as décadas para o que conhecemos hoje, os bombeiros militares tem a função de realizar a segurança pública a serviço do estado. são muito bem treinados se exercitando e treinando constantemente, legalmente são os responsáveis pelo socorro e atendimento de emergência. infelizmente estão presentes em uma parcela muito pequena das cidades do país, o que abriu espaço para os serviços voluntários e municipais.

  • 8

    bombeiro municipal
    formação - a direção do serviço já contrata pessoal com formação e experiência, ou seleciona novos profissionais e os encaminham por convênio com centros de formação privados os de órgãos públicos para treinamento especializado. a administração se dá pela própria prefeitura.
    corpo de bombeiros mistos
    existe o bombeiro misto, realidade em alguns municípios do estado de são paulo, é um caso onde a policia militar ou a prefeitura implanta uma base com um pequeno número de bombeiros militares e um número maior de bombeiros civis, todos atuam em conjunto, nesse caso os responsáveis diretos são os militares.

    outros tipos de bombeiros no brasil

  • para meditar!
    certamente fomos feitos para abrir caminhos, superar dificuldades e vencer.
    acredite em você, tenha fé e vença!

  • Ética Profissional

    10

    ética profissional

    conjunto de normas de conduta que devem ser praticadas no exercício de todas as profissões.

  • Ética Profissional

    11

    ética profissional

    ao assumir uma profissão, a pessoa assume uma responsabilidade com esta prática.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • Ética Profissional
  • Os Bombeiros Profissionais Civis tem uma profissão comprometida com a preservação da vida, do meio ambiente, do patrimônio e o respeito com as pessoas. Inclusive, com sua imagem como cidadão e neste caso, com sua identidade profissional.
  • Dos Princípios Fundamentais
  • Exercer com Eficiência e probidade as funções que lhe couberem em decorrência do cargo;
  • Respeitar a vida, a dignidade e os direitos das pessoas, em todo o seu ciclo vital, sem discriminação de qualquer natureza.
  • Exercer suas atividades com justiça, competência, responsabilidade e honestidade.
  • Zelar pelo preparo próprio, moral, intelectual e físico, na busca pela excelência na prestação de seus serviços.
  • Dos Direitos
  • Recusar-se a executar atividades que não sejam de sua “competência legal”. Isto não exclui a pró atividade em casos específicos, pois a má interpretação pode ser considerada desídia .
  • Informar as pessoas competentes sobre os possíveis riscos, medidas preventivas e condições estruturais quando existir.
  • Das Responsabilidades
  • Assegurar uma assistência em eventuais ocorrências livre de danos decorrentes de imperícia, negligência ou imprudência.
  • Manter-se atualizado ampliando seus conhecimentos técnicos, científicos e culturais, em benefício do desenvolvimento profissional.
  • Responsabilizar-se por falta cometida em suas atividades profissionais, independente de ter sido praticada individualmente ou em equipe.
  • Dos Deveres
  • Prestar adequadas informações a população a respeito de suas atividades. Manter segredo sobre fato sigiloso de que tenha conhecimento em razão de sua atividade profissional, exceto nos casos previstos em Lei. Respeitar o ser humano na situação de morte e pós-morte.
  • Colocar seus serviços profissionais à disposição da comunidade em casos de emergência, epidemia e catástrofe, sem pleitear vantagens pessoais. Fazer bom uso do uniforme bem como a não utilização de insígnias ou emblemas pertencentes a outras instituições e/ou curso os quais não foram realizados.
  • Interromper quaisquer atividades na presença de perigo a vida e a integridade da pessoa humana. Ser honesto no relatório dos resultados das inspeções e vistorias. Tratar os colegas e outros profissionais com respeito e consideração. Alertar o profissional, quando diante de falta cometida por imperícia, imprudência e negligência.
  • Não é recomendado ao Bombeiro Civil
  • Negar atendimento em caso de urgência ou emergência. Abandonar a vitima em meio o atendimento sem garantia de continuidade da assistência. Participar de atendimento sem consentimento do paciente ou representante legal, exceto em iminente risco de vida.
  • BOAS PRÁTICAS
  • UNIFORME
  • BANDEIRAS
  • DEVEMOS EVITAR QUANDO UNIFORMIZADOS
  • NÃO É CORRETO
  • AO DEPARARMOS COM OCORRÊCIAS
  • Solicitar brindes ou cortesias distribuídos durante o horário de trabalho; Promover ou participar de conversas estimulando desejos íntimos, com pessoas do sexo oposto durante seu turno de trabalho; Não esqueça: Alguém sempre estará lhe observando, onde você menos imagina;
  • Postar em sites de relacionamentos fotos uniformizados que sejam incompatíveis com a profissão ou que comprometam a ética e a moral dos profissionais de classe; Ex: Semi vestidos e etc. Participar de situações que incite a violência ou envolver-se em brigas ou falta de inteligência.