Curso Online de Receitas com carne Seca

Curso Online de Receitas com carne Seca

No Brasil, a carne seca é muito consumida em receitas de norte a sul do Brasil, mais principalmente do Nordeste. Aprenda deliciosas rece...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 15 horas

De: R$ 80,00 Por: R$ 49,90
(Pagamento único)

Mais de 0 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

No Brasil, a carne seca é muito consumida em receitas de norte a sul do Brasil, mais principalmente do Nordeste. Aprenda deliciosas receitas de Carne seca com este curso.

Nossos cursos são elaborados por grandes profissionais e feitos com dedicação, temos intuito de propagar o conhecimento de uma forma fácil e eficiente, sem complicação, visando principalmente a qualidade de nossos cursos e a satisfação de nosso alunos e cursistas.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa. Os certificados são impressos em papel de gramatura diferente e com marca d'água.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.

Modelo de certificados (imagem ilustrativa):

Frente do certificado Frente
Verso do certificado Verso
  • Receitas com carne Seca

    Receitas com carne Seca

  • No Brasil, a carne seca  é muito consumida em receitas de norte a sul do Brasil, mais principalmente do Nordeste. Aprenda deliciosas receitas de Carne seca com este curso.

  • Origem da Carne Seca

    Origem da Carne Seca

  • Alguns historiadores datam a existência da carne seca em um passado longínquo. Contudo, não existem maiores informações e certeza que em tempos remotos havia o cuidado de secar a carne para posterior alimentação. Sabe-se, entretanto, que os quíchuas andinos secavam a carma do lhama [ruminante camelídeo que tem seu habitat na cordilheira andina: Peru, Bolívia, Noroeste da Argentina].

  • Quando do inicio da colonização portuguesa no Brasil, os nossos indígenas não conheciam a utilização do sal na alimentação cotidiana. O mesmo não acontecia com os portugueses acostumados que estavam em sua pátria, a salgarem e secarem os peixes e frutas para consumo posterior.

  • Com o aumento do número de colonizadores portugueses que chegavam cada vez em maior número à Nova Terra, passou a haver maior necessidade de produção de alimentos, pois os que chegavam pelos navios eram insuficientes para atender a demanda.

  • A cada ano, as terras cultivadas aumentavam na faixa do litoral da Nova Terra, obrigando os criadores de gado a se deslocaram para o interior, onde encontraram uma região árida, com poucos recursos para a agricultura, mas suficiente para manter o gado durante certo período. Da mesma forma que os alimentos eram escassos vindos da Europa, eram também escassos os alimentos que vinham da faixa litorânea para o interior.

  • Em vista disso, os colonizadores passaram a salgar e secar a carne bovina para a sua posterior utilização como alimento. A carne seca passou a ser um alimento muito popular devido a sua conservação e rapidamente conquistou a preferência dos colonizadores. Já nos meados do século XVII, todo o Brasil utilizava e se beneficiava com esse tipo de alimentação, ou seja, da carne seca.

  • As regiões que mais produziam esse tipo de carne era aquela onde hoje se encontra o Rio Grande do Norte e o Ceará e, nesta região havia uma grande produção desse tipo de carne, ficando essa carne sendo conhecida por ‘Carne-do-Ceará’.

  • Após a grande seca havida entre os anos de 1777 a 1779, um grande produtor cearense de carne seca, José Pinto Martins, transferiu sua ‘fábrica’ para o Rio Grande do Sul onde comercializou carne seca com grande sucesso, desenvolvendo esse tipo de alimentação no Sul do país. 

  • Durante o período da escravidão no Brasil, os escravos eram alimentados com base na carne seca e no bacalhau que vinha de Portugal já salgado e, portanto, conservado para as longas viagens.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 49,90
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • Receitas com carne Seca
  • Origem da Carne Seca
  • Preparação da Carne Seca
  • Como preparar carne seca
  • Receitas de Carne Seca
  • Carne-seca Deliciosa
  • Cestinhas de carne seca
  • Ragu de carne-seca
  • Paçoca de carne-seca
  • Rolinhos de carne-seca
  • Folhadinho de carne-seca
  • Rosca de carne-seca
  • Bolinho de mandioca com recheio de carne-seca
  • Arroz carreteiro com carne-seca desfiada e bacon
  • Escondidinho de carne-seca com mandioca
  • Carne seca com abóbora
  • Escondidinho de Aipim com Carne Seca
  • Caldo de carne seca
  • Molho Branco com Carne Seca
  • Escondidinho de carne seca com banana da terra
  • Farofa de carne seca
  • Carne seca na moranga
  • Carne seca com vegetais
  • Torta de mandioquinha e carne seca
  • Feijão preto com carne seca
  • Banana verde com carne seca
  • Risoto de carne seca
  • Fricassê de Carne-Seca
  • Pizza de Carne Seca