Curso Online de FABRICANDO E VENDENDO CONSERVAS
4 estrelas 3 alunos avaliaram

Curso Online de FABRICANDO E VENDENDO CONSERVAS

NEGOCIO LUCRATIVO E FÁCIL DE FAZER. AGORA VOCÊ PODE TER UMA FABRICA DE CONSERVAS EM CASA CURSO PASSO A PASSO. VÁRIOS TIPOS DE CONSERVA. E...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 10 horas

Por: R$ 69,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

NEGOCIO LUCRATIVO E FÁCIL DE FAZER.
AGORA VOCÊ PODE TER UMA FABRICA DE CONSERVAS EM CASA CURSO PASSO A PASSO.
VÁRIOS TIPOS DE CONSERVA.
ESTERILIZAÇÃO VEDAÇÃO E REGULAMENTAÇÃO DO NEGOCIO.

Cursos Livres formatados para internet .Curso O professor e as mídias na educação. CURSOS DE APERFEIÇOAMENTO e workshop!


- Gilmaria Firmino Vilas Boas Silva

- Iara Galdino Ramos

- Maria Angélica Purificacão Dias

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • FABRICANDO CONSERVAS PARA VENDER

  • PARA FEZER CONSERVAS
    VOCÊ PRECISA DE UMA COSINHA AZULEJADA
    ATE O TETO.
    CORTINAS DE ESTERILIZAÇÃO
    DE AMBIENTES QUE SE FECHAM AO PASSAR.
    UTENCILIOS SEMPRE LIMPOS E IGIENIZADOS.

    Para fazer uma boa conserva os
    passos são os seguintes: Esterilização Antes de fazer qualquer conserva é fundamental
    que os potes de vidro sejam esterilizados.

  • ESTERILIZAÇÃO DE VIDROS DE CONSERVA

    Basicamente é a soma de cuidados no preparo (boas práticas de produção), higiene e altas temperaturas. São passos simples para garantir que aquela geléia ou conserva vai durar o tempo que deve.
    Muitas pessoas não levam isso a sério crendo que não tem problema. Tem. A partir do momento em que a saúde (e porque não a vida) de outras pessoas estão em jogo, tudo muda de figura.

  • Equipamentos
    Vidros/recipientes para conserva: podem ser reutilizados se estiverem em condições de uso e permitam o processo de esterilização. Nem todos os tipos de vidros vão suportar as altas temperaturas.
    Independente de serem novos ou usados é preciso observar se não há nenhum trinco, rachadura e lasca. Não sei você, mas comer vidro não faz parte da minha dieta.
    Tampa: repitam comigo, sempre usar tampas novas, sempre usar tampas novas… Sim, as tampas precisam ser novas. Ainda mais as que encontramos aqui no país. Normalmente são vendidas separadamente dos vidros em lojas de embalagens.

  • Cada tampa possui um selante termossensível, aquela borrachinha branca. Junto com o processo de esterilização e o selante que vedam o vidro, criando o vácuo necessário.

  • Tampas usadas já tiveram o selante… bem, usado. Passou pela etapa de sensibilização calor, o vácuo aconteceu e pronto. Como é visível, ele se deforma.
    Os outros utensílios (pegadores, pinças, funil) prefiro que sejam todos de metal não reativo (inox), para esterilizar é melhor e sem o risco de deformarem ou derreterem durante o processo.

  • Antes do uso
    Existem várias formas, irei comentar apenas sobre duas. Foram as testadas e mais práticas (vai depender da escolha de cada um). Independente da maneira é preciso lavar muito bem os vidros e as tampas antes de qualquer coisa. Verificar se não existe nenhuma rachadura, lascar, ponto de ferrugem (nas tampas).
    Água fervente: dispor os vidros (as tampas também) sobre uma grade (ou pano de prato limpo) dentro de uma panela e preencher com água que deve passar em 2cm a altura (mínimo) do vidro, ou seja, ficam submersos. Então, deixar a água ferver (ponto de ebulição) e contar 10 minutos, esse tempo pode variar dependendo da altitude em relação ao mar você mora. A cada 300 metros acima do nível do mar, aumentar em 1 minuto o tempo de fervura dos vidros. Diminua a temperatura, mas mantenha os vidros na água quente até o momento de usar.

  • Forno: dispor os vidros sobre uma assadeira limpa, levar ao forno desligado. Ligar o forno em 200ºC, quando atingir a temperatura, marcar 20 minutos. Após, diminua a temperatura, mas mantenha os vidros no forno quente até o momento de usar. As tampas recomendo que sejam esterilizadas pelo método de água fervente.
    Entre as duas técnicas, prefiro a segunda. Mesmo tendo que esterilizar as tampas em água quente.

  • Vidros Cheios
    Para armazenar a produção é necessário esterilizar os vidros já tampadas também. É praticamente o método de água fervente, com algumas modificações.
    Os vidros são colocados quanto a água estiver quente (~70ºC), esperar que a água entre em ebulição e contar de 10-60 minutos. O tempo dentro da água fervente depende do tipo de conserva feita. Produtos mais ácidos, o tempo é menor, por exemplo.
    Existe também a possibilidade de esterilizar em panela de pressão própria para canning. O equipamento mais próximo é uma autoclave que nada mais é do que uma panela de pressão gigante, dependendo do modelo.
    Aquele método de colocar o produto quente do vidro, fechá-lo e virar de ponta-cabeça (ou deixar esfriar na posição normal). Normalmente produz o selamento do vidro, mas sem o processo da água fervente como garantia da esterilização, o risco da conserva estragar é maior.
    Lembrando que o processo de água quente é válido para produtos com alta acidez (abaixo de pH4,5) que auxilia na prevenção contra esporos de Clostridium botulinum (bactéria produtora da toxina botulínica).

  • Altitude
    Não, não leu errado. No processo de preservação/canning é imprescindível ter cuidado com a altitude. A água ferve de maneira diferente em lugares com maior altitude. Em resumo, a água entra em ebulição à 100ºC ao nível do mar. A medida que a altitude aumenta, a temperatura de ebulição diminui.
    Tendo isso em mente, em lugares mais altos o processo de esterilização irá demorar mais tempo para garantir que o produto ficou, de fato, estéril.
    Por exemplo, estou a 610 metros acima do nível do mar. Segundo a literatura, a água ferve em torno de ~97ºC. É pouco, apenas 3 graus, mas acredito que cuidado nunca é demais.

  • Vinagre Use preferencialmente, vinagre branco com acidez entre 4 e 6% (40 a 60 gl).


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 69,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • Esterilização
  • Equipamentos
  • Receitas básicas
  • Abertura de empre