Curso Online de DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM

Curso Online de DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM

O desejo de todo o professor é que seus alunos consigam aprender os conteúdos trabalhados em sala de aula e tenham uma média ótima para p...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 14 horas

Por: R$ 30,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

O desejo de todo o professor é que seus alunos consigam aprender os conteúdos trabalhados em sala de aula e tenham uma média ótima para passarem de ano. No entanto, muitas vezes não conseguem ter sucesso com alguns estudantes que não conseguem, sequer, fazer as tarefas de casa, entender os enunciados das questões, interpretar textos, resolver problemas, etc, ainda que tenham ajuda de casa, explicadores e horas de trabalhos extras para alcançarem seus objetivos.
O docente, então, fica desapontado, desnorteado, sem saber como orientar, por onde começar e passa a repetir a fala da maioria das pessoas quando diz que o aluno não se esforça, é preguiçoso e poderia entender melhor se prestasse mais atenção nas aulas.
É preciso aprender a ter um outro olhar sobre o processo de aprendizagem do aluno, observando como ele se comporta em determinadas situações ou diante de certos conteúdos. As dificuldades de aprendizagem estão muito presentes no cotidiano da sala de aula, representando um percentual bem significativo dentro de uma escola.
Para entender como essas dificuldades acontecem, é fundamental entendê-las e diferenciá-las do fracasso escolar que também é a causa do insucesso do aluno e do professor.

FORMAÇÃO • Especialização em Educação Especial Inclusiva/ AVM Faculdades Integradas • Licenciatura em Pedagogia / Universidade Castelo Branco • Secretária escolar de 1º e 2º graus / SOCIEDADE EDUCACIONAL VICENTE DE CARVALHO LTDA EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL [1992 até hoje] – JARDIM ESCOLA URSINHOS RISONHOS LTDA Função: Gestora pedagógica QUALIFICAÇÕES E ATIVIDADES PROFISSIONAIS • Oficina Projeto Pedagógico, SENAC RIO, em 2003, 2 horas, presencial. • Oficina de Alfabetização, SENAC RIO, em 2003, 2 horas, presencial. • Seminário Alfabetização em Foco, SINPRO-RIO, 2003 • Programa de Gestão Educacional, SENAC RIO, em 2005, 60 horas, presencial. • Curso complementar Aprender a Empreender, pela Internet, SEBRAE, em 2007. • Fórum sobre Inclusão, SINPRO-RIO, 2007, 7 horas, presencial. • Curso Formação de Tutores em EAD, EAD VIRTUAL, 2009, 80 horas, à distância. • Curso de Trabalho com Projetos em Sala de Aula, GPEC, 2010, 60 horas, à distância. • Curso Dificuldades de Aprendizagem, GEPEC Educação e Cultura, 2010, 120 horas, à distância. • Curso Ecopedagogia, GEPEC Educação e Cultura, 2010 • Curso Gestão Educacional e Prática Pedagógica, GEPEC Educação e Cultura, 2010 • Congresso Brasileiro de Alfabetização, Letramento, Leitura e Produção de Textos, Instituto Conexa, 2011, 40 horas, presencial. • 3º Encontro Nacional de Educadores, Projetos Pedagógicos Dinâmicos, 2011, 6 horas, presencial. • Curso Coordenação Pedagógica – Unindo esforços superando desafios, Projetos Pedagógicos Dinâmicos, 2011, 120 horas, à distância. • Curso Prática Textual em Língua Portuguesa, UNICID, 2011, 36 horas, à distância. • Neurociências na Educação, GEPEC Educação e Cultura, 2013,120 horas, à distância. • TDAH, Sinpro-Rio, 2013, 9 horas, presencial. INFORMAÇÕES ADICIONAIS • Possuo conhecimentos básicos sobre, Word, Excel, Power Point, Open Office, internet e algumas ferramentas de tecnologia da educação à distância. • Cursando Pós-graduação Educação Especial Inclusiva, AVM • Autora do curso A Importância da Aula de Recreação, site Brava Cursos; PUBLICAÇÕES • Ensaio sobre Proposta para solução de problemas em matemática – Revista Eletrônica Práticas Pedagógicas • Ensaio sobre Aula-passeio: como fomentar o trabalho docente em Artes Visuais – Revista Eletrônica Práticas Pedagógicas • Como os sete saberes necessários à educação do futuro influenciam a gestão escolar – WebArtigos • É preciso um orientador e um supervisor trabalhando interdisciplinarmente – WebArtigos • Avaliar não é julgar - `Portal Educação



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • DIFICULDADES DE
    APRENDIZAGEM

  • Tópicos

    I- DEFINIÇÃO
    II- FATORES PRESENTES NAS DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM
    III- FRACASSO ESCOLAR E DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM
    IV- TIPOS MAIS FREQUENTES DE DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM

  • V- TRANSTORNOS ESPECÍFICOS DO APRENDIZADO
    VI- FRACASSO ESCOLAR
    VII- INCLUSÃO
    VIII- O PAPEL DO PROFESSOR
    IX- SUGESTÕES DE ATIVIDADES

  • I- DEFINIÇÃO

  • Numa perspectiva orgânica as dificuldades de aprendizagem são desordens neurológicas que interferem com a recepção, integração ou expressão de informação, caracterizando-se, em geral, por uma discrepância acentuada entre o potencial estimado do aluno e a sua realização escolar.

  • Numa perspectiva educacional, as dificuldades de aprendizagem refletem uma incapacidade ou impedimento para a aprendizagem da leitura, da escrita ou do cálculo ou para aquisição de aptidões sociais.

  • II- FATORES PRESENTES NAS DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM

  • Para que possa fazer o diagnóstico de um problema de aprendizagem, devemos levar em consideração alguns fatores.

  • Sara Pain, em seu livro “Diagnóstico e Tratamento dos Problemas de Aprendizagem”, destaca como fundamental a consideração dos seguintes fatores:

  • Fatores orgânicos

    Saúde física deficiente, falta de integridade neurológica, alimentação inadequada.

    Embora perturbações orgânicas (miopia, desnutrição, lesões neurológicas ) não se constituam como causa suficiente para o aparecimento do problema de aprendizagem, estes aparecem como causa necessária.

     

  • Perturbações orgânicas podem ter como consequência problemas cognitivos, que variam em gravidade, mas que não configuram, por is só, um problema de aprendizagem.
    Se o organismo apresenta-se em equilíbrio, o sujeito pode viabilizar o exercício cognitivo e encontrar outros caminhos que não afetem seu desenvolvimento intelectual.

     


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 30,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail: