Curso Online de O Lactente Hipotônico

Curso Online de O Lactente Hipotônico

Curso com abordagem sobre Lactente Hipotônico, voltado para estudantes e profissionais da área da saúde, mostrando conceito, característi...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 8 horas


Por: R$ 32,50
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Curso com abordagem sobre Lactente Hipotônico, voltado para estudantes e profissionais da área da saúde, mostrando conceito, características, diagnósticos, tratamentos e intervenção fisioterapêutica.

Fisioterapeuta, pós graduada em: Fisioterapia Intensiva em Pediatria e neonatologia. Cursos em várias áreas: Estimulaçao Sensorio Motora, COVID-19, Intervenção Precoce em Prematuros, Urgências e Emergências Pediatricas, Oxigenoterapia e Ventilação Mecânica em Atenção Domiciliar, Ventosaterapia, Ergonomia, Dry Needling, Ventilação Mecânica em Pediatria, nas áreas de ortopedia, e de pediatria entre outros. APAIXONADA PELA PROFISSÃO, AMO PODER ENSINAR E PASSAR O POUCO QUE SEI. *OS CURSOS SÃO CURSOS COMO INTRODUÇÃO NO ASSUNTO CITADO, COM OBJETIVO DE ENSINAR AO ALUNO SOMENTE O CONTEÚDO TEÓRICO SOBRE O ASSUNTO. SENDO ASSIM, NÃO NOS RESPONSABILIZAMOS E NÃO GARANTIMOS O DESEMPENHO DO ALUNO NA PRÁTICA, POIS A EXECUÇÃO DA PARTE PRÁTICA SOBRE TUDO O QUE O ALUNO APRENDEU ESTUDANDO A TEORIA DURANTE O CURSO, DEPENDERÁ DA HABILIDADE, COMPETÊNCIA E APTIDÃO DE CADA ALUNO.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa. Os certificados são impressos em papel de gramatura diferente e com marca d'água.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.

Modelo de certificados (imagem ilustrativa):

Frente do certificado Frente
Verso do certificado Verso
  • O lactente hipotônico
    PEDIATRIA

  • Objetivos

    Mostrar o conceito do lactente hipotônico;

    Reconhecer as características de um lactente hipotônico;

    Demonstrar a importância da intervenção fisioterapêutica no lactente hipotônico.

  • Introdução
    O tônus é a resistência muscular ao estiramento.

    Existem dois tipos de tônus : o fásico e o postural.

    O tônus fásico é uma contração rápida em resposta a um estiramento de grande intensidade (reflexos tendinosos profundos).
    O tônus postural é a contração prolongada dos músculos antigravidade em resposta ao estiramento de baixa intensidade da gravidade. Quando o tônus postural está deprimido, o tronco e os membros não conseguem manter-se contra a gravidade e o lactente tem um aspecto hipotônico.

  • Para que o tônus se mantém normal é preciso que os sistemas nervosos central e periférico estejam intactos.

    A hipotonia constitui um sintoma comum de disfunção neurológica que ocorre em doenças do cérebro, medula espinhal, nervos e músculos.

  • O termo hipotonia refere-se a uma diminuição do tônus muscular, sendo considerado, na grande maioria dos casos, um sintoma de disfunção neurológica.

    O tônus muscular é um estado de tensão constante a que estão submetidos os músculos em repouso.

    É a resistência do músculo ao estiramento.

    Há dois tipos de tônus muscular, o FÁSICO, que se caracteriza por uma contração rápida e envolve as estruturas apendiculares (Tônus de Ação), e o Tônus POSTURAL, decorrente de uma contração prolongada. A gravidade mantém os músculos antigravitacionais em constante estiramento e os músculos envolvidos são do pescoço, tronco e dorso (musculatura axial.

  • Quando ocorre a diminuição do tônus postural, há uma dificuldade da criança de sustentar corpo e membros contra a gravidade, gerando a hipotonia.

    A manutenção do tônus muscular depende da integridade do Sistema Nervoso Central (SNC) e Sistema Nervoso Periférico (SNP). Neste caso, a hipotonia é um sintoma comum decorrente de distúrbios neurológicos envolvendo cérebro, tronco cerebral, medula, nervos periféricos e músculos.

  • Em decorrência do envolvimento de várias estruturas, a hipotonia é dividida em dois grupos:

    1) Hipotonia Primária: está relacionada ao comprometimento das estruturas que compõem a unidade motora (motoneurônio medular, raízes, nervos periféricos e músculos);

    2) Hipotonia Secundária: decorrente de lesões do SNC, síndromes genéticas, doenças sistêmicas ou situações que afetem tendões e ligamentos.

  • A unidade motora é a composição feita pela célula do corno anterior e todas as fibras musculares que ela inerva.
    A unidade motora é a unidade de força.
    A fraqueza constitui um sintoma de todos os distúrbios da unidade motora.
    Quando acontece um distúrbio primário do corpo celular do corno anterior é uma neuropatia.
    Quando é um distúrbio primário do axônio ou da sua cobertura de mielina é uma neuropatia.
    Quando é um distúrbio primário da fibra muscular é uma miopatia.
    O termo hipotonia cerebral engloba todas as causas de hipotonia postural provocada por doenças ou defeitos cerebrais.

  • Diagnóstico diferencial da Hipotonia Infantil

  • Distúrbios da medula espinhal

  • Distúrbios da medula espinhal


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 32,50
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • O lactente hipotônico
  • Objetivo
  • Introdução
  • Diagnóstico diferencial da Hipotonia Infantil
  • Distúrbios da medula espinhal
  • Hipotonia
  • Diagnóstico Diferencial da Artrogripose
  • A resposta à tração
  • Suspensão vertical
  • Suspensão horizontal
  • Diagnóstico
  • Etiologia
  • História clínica
  • História Clínica
  • Exame físico
  • Indícios para o Diagnóstico de hipotonia Cerebral
  • Hipotonia cerebral
  • Hipotonia Congênita Benigna
  • Distúrbios Cromossômicos
  • Síndrome da duplicação MECP2
  • Características Clínicas
  • Diagnóstico
  • Tratamento
  • Síndrome de Prader-Willi
  • Características clínicas
  • Diagnóstico
  • Intervenção da Fisioterapia na hipotonia
  • A intervenção fisioterapêutica
  • Estimulação precoce
  • Condutas Fisioterapêuticas
  • Conclusão
  • Artigos para leitura complementar
  • Referências Bibliográficas