Curso Online de Regulamentação Ambiental

Curso Online de Regulamentação Ambiental

Este curso trata desde o Histórico Florestal Brasileira até o atual Código Florestal Brasileiro e suas diretrizes, abordando também temas...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 7 horas

Por: R$ 30,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Este curso trata desde o Histórico Florestal Brasileira até o atual Código Florestal Brasileiro e suas diretrizes, abordando também temas como APP - Área de Preservação Permanente e RL - Reserva Legal.

Técnico em Agropecuária, Técnico em Saúde e Segurança no Trabalho, Pós técnico em Manejo e alimentação Bovina, Cadastro Ambiental Rural-CAR, Cadastro Estadual Florestal de Imóvel Rural - CEFIR. Técnico Socioambiental na Suzano Papel e Celulose SA., Técnico de ATER / ATES - Assistencia Técnica e Extensão Rural e Socioambiental pela SEAGRI-BA( Secretaria da Agricultura do Estado da Bahia- Brasil), Consultoria, Palestras e elaboração de Projetos Agropecuários.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • REGULARIZAÇÃO AMBIENTAL.

    RECONHECIMENTO e APROVAÇÃO.

    REGULARIZAÇÃO AMBIENTAL.

    ADRIAN DA SILVA BARRETO
    TÉCNICO AGRÍCOLA
    CREA – BA 65013/TD
    bconsultoria83@gmail.com
    (73) 9 9936-2827

  • COMPREENDENDO O PROCESSO EVOLUTIVO DO HOMEM (O Homo Sapiens Sapiens)

    Mamífero: Homo sapiens sapiens
    Época: Holoceno
    Planeta: Terra
    Continente: África
    Existência: 150 a 200 mil anos
    Altura: 1,70 m
    Peso: 70 kg
    Alimentação: onivora

  • UMA VIAGEM À MÁQUINA DO TEMPO (O Homo Sapiens Sapiens)

    100 mil anos  Uma grande erupção vulcânica na Africa reduz população a 10.000 indivíduos;
    70 mil anos  Ocupação do Oriente Médio;
    50 mil anos  Ocupação da Ásia e inicio da extinção do Homo erectus;
    40 mil anos  Ocupação da Europa sendo conhecido como homem de Cro-magnon;
    35 mil anos  Entra em contato e conflitos com o homem de Neandertal iniciando sua extinção;
    27 mil anos  O homem de Neandertal é completamente extinto;
    20 mil anos  Tem inicio mais uma Era Glacial promovendo passagem da Rússia para o Alaska;
    15 mil anos  Chega na América do Norte pelo estreito de Bhering;
    13 mil anos  Chega na América do Sul e promove extinção do Mastodonte, Mamute e Tigre de Dentes de Sabre;
     Os que ficaram no Oriente iniciam a prática da Agricultura, as construções e os grandes impérios;

  • UMA VIAGEM NA MÁQUINA DO TEMPO (A descoberta do Brasil)

    Foi no dia 22 de Abril de 1500, que a frota de Pedro Alvarez Cabral ancorou nesse paraíso que denominou Terra de Vera Cruz. Encontraram grupos indígenas que viviam da caça, da pesca e de uma agricultura muito rudimentar: os Tupis, ao longo do litoral e os Goês, os Cariris, os Aruaques e os Caraíbas ocupavam o interior. Mas foi apenas a partir do ano de 1503, que D. João III começou a promover a colonização da Terra de Vera Cruz, quando constatou a presença de navios de comércio e de Corso franceses. Foram portugueses da pequena nobreza, que viriam a beneficiar da divisão do território em capitanias.

  • UMA VIAGEM NA MÁQUINA DO TEMPO (A Mata Atlântica e o Pau Brasil)

    Logo em seguida ao descobrimento, praticamente toda a vegetação atlântica foi destruída devido à exploração intensiva e desordenada da floresta. O pau-brasil foi o principal alvo de extração e exportação dos exploradores que colonizaram a região e hoje está quase extinto. Outras madeiras de valor também foram exauridas: Tapinhoã, sucupira, canela, canjarana, jacarandá, araribá, pequi, jenipaparana, peroba, urucurana e vinhático.

  • HISTÓRICO DA PROTEÇÃO FLORESTAL NO BRASIL.

    HISTÓRICO DA PROTEÇÃO FLORESTAL NO BRASIL.

    Essa como muitas outras atividades ilegais, direcionaram as primeiras leis protetoras das florestas no Brasil.

    Em 1605 foi editada a primeira lei de proteção diretamente relacionada às florestas, o Regimento do pau-brasil, que exigia autorização do rei para o corte da árvore (WAINER, 1999).

    Com a chegada da família real, em 1808, chegou também o progresso, acarretando na expansão da agricultura, causadora das grandes devastações florestais.

  • HISTÓRICO DO CÓDIGO FLORESTAL.

    HISTÓRICO DO CÓDIGO FLORESTAL.

    NATURALISTAS

    O primeiro Código Florestal brasileiro foi editado em 1934
    Decreto Federal 23793/34

  • HISTÓRICO DO CÓDIGO FLORESTAL .

    HISTÓRICO DO CÓDIGO FLORESTAL .

    A solução do Código Florestal de 1934 (Decreto 23.793/34) foi obrigar os donos de terras a manterem 25% da área de seus imóveis com a cobertura de mata original. Era a chamada quarta parte. Porém, não havia qualquer orientação sobre em qual parte das terras (margens dos rios ou outras) a floresta deveria ser preservada.

  • HISTÓRICO DO CÓDIGO FLORESTAL .

    HISTÓRICO DO CÓDIGO FLORESTAL .

    Incentivo a retirada total das matas

    Reposição de 25%

    (Qualquer espécie)

  • HISTÓRICO DO CÓDIGO FLORESTAL .

    HISTÓRICO DO CÓDIGO FLORESTAL .

    Versus

    Assim, em 1960, o Legislativo se mobilizou para alterar a lei de 1934 – e a função das florestas em terrenos privados.

    =

    Consciência
    Ambiental

  • HISTÓRICO DO CÓDIGO FLORESTAL .

    Código Florestal de 1965 (Lei 4.771/65)

    Transforma Quarta Parte em Reserva Legal

    Amazônia 50%
    Resto do País 20%

    Permite-se desmatar área total desde que fosse replantada, sem discriminação de espécies

    Em 1967 criou-se o Instituto Brasileiro de Desenvolvimento Florestal – IBDF
    Ocupou-se em estimular o reflorestamento com espécies exóticas


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 30,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • REGULARIZAÇÃO AMBIENTAL.
  • HISTÓRICO DA PROTEÇÃO FLORESTAL NO BRASIL.
  • HISTÓRICO DO CÓDIGO FLORESTAL.
  • HISTÓRICO DO CÓDIGO FLORESTAL .
  • Lei Florestal da Bahia e DECRETO Nº 11.235/08 – DE 10/10/2008.
  • DECRETO Nº 15.180 DE 02/06/2014 Regulamentação da Gestão das Florestas
  • V - Lista Oficial das Espécies da Flora e Fauna raras, endêmicas e ameaçadas de extinção no território baiano; VI - Licenciamento Ambiental; VII - penalidades disciplinares ou compensatórias ao não cumprimento das medidas necessárias à conservação ou correção do dano ambiental da degradação ambiental; VIII - incentivos fiscais e financeiros; IX - Cota de Reserva Ambiental - CRA; X - Servidões Florestais; XI - Programa de Regularização Ambiental dos Imóveis Rurais do Estado da Bahia; XII - Cadastro Estadual Florestal de Imóveis Rurais - CEFIR.  
  • METAS DE CONSERVAÇÃO DE VEGETAÇÃO NATIVA
  • I - Áreas de Preservação Permanente e Reservas Legais; II - áreas que abrigam espécies da flora e fauna ameaçadas de extinção ou protegidas por lei e outros atos normativos; III - áreas que abrigam nascentes de rios importantes para conservação e disponibilidade de recursos hídricos, inclusive áreas de recarga; IV - áreas em que ocorram endemismos fito fisionômicos, áreas de transição entre biomas e demais áreas em que se verifique sensibilidade ou risco de degradação; V - Unidades de Conservação; VI - áreas que abrigam comunidades tradicionais, quilombolas e povos indígenas, bem como comunidades de fundo e fechos de pasto que adotem modelos sustentáveis de uso e conservação do solo, dos recursos hídricos e da vegetação nativa; VII - áreas que resguardam patrimônio histórico, artístico e cultural, que mantenham relação direta ou indireta com o ecossistema que os abriga, tais como, sítios arqueológicos, cavernas e pinturas rupestres; VIII - Servidões Ambientais e Cotas de Reserva Ambiental; IX - corredores ecológicos; X - áreas úmidas e sítios Ramsar.
  • CÓDIGO FLORESTAL. LEI Nº 12.651, DE 25 DE MAIO DE 2012.
  • ÁREA DE PRESERVAÇÃO PERMANENTE – APP
  • ÁREA DE PRESERVAÇÃO PERMANENTE - APP
  • ÁREA DE PRESERVAÇÃO PERMANENTE – APP DECRETO ESTADUAL Nº 15.180 DE 02/06/2014.
  • ÁREA DE PRESERVAÇÃO PERMANENTE - APP
  • MÓDULO RURAL X MÓDULO FISCAL
  • APP EM CURSOS D´ÁGUA EM ÁREAS CONSOLIDADAS.
  • ÁREAS CONSOLIDADAS EM APP
  • RESERVA LEGAL
  • A localização da área de Reserva Legal no imóvel rural deverá levar em consideração os seguintes estudos e critérios.
  • RESERVA LEGAL
  • REGIME DE PROTEÇÃO DA RESERVA LEGAL
  • RESERVA LEGAL.
  • NO DECRETO ESTADUAL Nº 15.180 DE 02/06/2014 – REGULAMENTA A GESTÃO FLORESTAL.
  • REGIME DE PROTEÇÃO DA RESERVA LEGAL
  • ÁREAS CONSOLIDADAS EM ÁREA DE RESERVA LEGAL.
  • RESERVA LEGAL.
  • FUNÇÕES DAS FLORESTAS
  • MUITO OBRIGADO !