Curso Online de Nutrição e Saúde do Idoso

Curso Online de Nutrição e Saúde do Idoso

Com o envelhecimento, mudanças fisiológicas e psicossociais torna-se mais difícil para o idoso atender as suas necessidades nutricionais,...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 15 horas


Por: R$ 23,90
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Com o envelhecimento, mudanças fisiológicas e psicossociais torna-se mais difícil para o idoso atender as suas necessidades nutricionais, acelerando o surgimento de fragilidade, vulnerabilidade e contribuindo para morbimortalidade. Considerando que o estado nutricional é um importante parâmetro para diagnosticar a saúde, a nutrição junto a outros fatores, são medidas que aumentam a expectativa de vida, portanto, faz-se necessário padronizar essas técnicas de avaliação nutricional, já que uma vez identificado risco de desnutrição especialmente em idosos, auxilia no tratamento precoce, prevenindo a instalação de desnutrição e melhorando a qualidade de vida.

Sou Mestre em Alimentos e Nutrição. Tecnólogo em Gerontologia. Bioquímico. Especialista em Nutrição, Envelhecimento e Longevidade. Especialista em Nutrição Clínica e Esportiva. Especialista em Qualidade de Vida e Gerontologia. Licenciado em Ciências Biológicas e Especialista em Ensino de Biologia e Química. Bacharel em Bioquímica. Me chamo Walisson Junio Martins da Silva e atualmente sou professor de ciências, química e biologia. Meu Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/1141431817967324



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa. Os certificados são impressos em papel de gramatura diferente e com marca d'água.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.

Modelo de certificados (imagem ilustrativa):

Frente do certificado Frente
Verso do certificado Verso
  • NUTRIÇÃO E SAÚDE DO IDOSO

  • Nutrição

  • A alimentação saudável deve atender aos princípios ou “leis da alimentação” da quantidade, da qualidade, da adequação e da harmonia, suprindo de forma equilibrada o total calórico e de nutrientes necessários ao organismo.

  • As boas práticas na produção de alimentos são fundamentais para garantir a qualidade e a segurança dos produtos alimentícios. Isso inclui desde a seleção cuidadosa das matérias-primas até o controle rigoroso de higiene durante o processamento e distribuição.

  • A ingestão dietética de referência (DRI) define-se como um conjunto de valores de referência de ingestão de nutrientes, estabelecidos e usados para o planejamento e a avaliação das dietas do indivíduo ou grupos de indivíduos saudáveis, segundo estágio de vida e gênero. Sobre esse assunto, a Ingestão Dietética Recomendada (RDA) se refere à categoria de valores de referência que corresponde a quantidade do nutriente suficiente para atender à necessidade de aproximadamente 97% a 98% dos indivíduos saudáveis de um grupo, em determinado estágio de vida e gênero.

  • A gastrite atrófica é uma inflamação crônica com deterioração da membrana mucosa e glândulas. Esse quadro resulta em acloridria e perda de fator intrínseco. Devido ao papel do ácido gástrico no aumento da disponibilidade de alguns nutrientes, é comum a deficiência de ferro e cobalamina.

  • O processo de digestão e absorção de proteínas inclui o intestino delgado. Quando o quimo entra em contato com a mucosa intestinal, ocorre a liberação da enzima enteroquinase.

  • Os carboidratos são produzidos pelos vegetais e são uma importante fonte de energia na dieta, compondo cerca da metade do total de calorias.

  • Fibra dietética refere-se aos componentes vegetais intactos que não são digeridos pelas enzimas gastrointestinais. Uma das principais funções das fibras solúveis é aumentar a excreção de sais biliares.

  • As fibras insolúveis, como o farelo de trigo, agem no aumento de volume do bolo fecal estimulando os movimentos peristálticos do intestino, ou seja, produz impacto sobre o funcionamento e a velocidade do trânsito intestinal podendo prevenir a constipação. Não são solúveis em água, portanto, não formam géis, e sua fermentação é limitada

  • Sobre o tecido adiposo, a gordura de armazenamento é reserva de energia, principalmente na forma de triacilglicerois.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,90
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • Nutrição
  • Vitaminas
  • Nutrição do Idoso
  • Fitoquímicos e Saúde
  • Doenças Crônicas Não Transmissíveis
  • Saúde do Idoso
  • Atividade Física e Saúde
  • Sarcopenia e Síndrome da Fragilidade
  • Doença de Alzheimer
  • Envelhecimento Saudável