Curso Online de MANUAL DE BOAS PRATICAS FARMACÊUTICAS EM MANIPULAÇÃO

Curso Online de MANUAL DE BOAS PRATICAS FARMACÊUTICAS EM MANIPULAÇÃO

O curso “MANUAL DE BOAS PRATICAS EM MANIPULAÇÃO” oferece embasamento para os profissionais e estudantes estarem preparados ao entendimen...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 24 horas

Por: R$ 150,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

O curso “MANUAL DE BOAS PRATICAS EM MANIPULAÇÃO” oferece embasamento para os profissionais e estudantes estarem preparados ao entendimento dos conceitos relacionados ao controle de qualidade de fármacos e correlatos permitindo o aperfeiçoamento para futuras implantações de condutas adequadas às normas vigentes. O aluno não tem a obrigação de ler todo o material.

DESCRIÇÃO E QUALIFICAÇÕES Sou biólogo formado em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual de Minas Gerais - UEMG - Campus de Carangola - MG, Pós - Graduado em Biologia Geral pela Universidade Federal de Lavras - MG. Sou especialista em Controle da Qualidade de Medicamentos, Cosméticos e Correlatos pela UFJF / Juiz de Fora. Possuo experiências na área de educação trabalhei alguns anos com Projetos na Área Ambiental para alunos de ensino médio e fundamental. Trabalho com tutoria em Gestão Ambiental e em diversos outros projetos ambientais a distância minha formação em tutor foi feito pela UAB/UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora. Escolhi esta profissão por amar a vida e a natureza. Tenho experiências de alguns anos como Tutor a Distância da UFJF. Tenho experiências com certificações e processos de auditorias internas e administração, pois a última empresa onde trabalhei a mesma foi ganhadora de vários prêmios como Excelência Empresarial do SEBRAE, PSQT - Prêmio SESI Qualidade no Trabalho nível regional e nacional, o PMQ- Prêmio Mineiro da Qualidade e vários outros. Tenho experiências com gerencia e gestão de pessoas, sou um profissional dinâmico, persistente e criativo, com capacidade de aprendizagem, a fim de oferecer o melhor ao público tanto pessoal quanto em equipes. Tenho experiência com vendas e coordenação de equipes de vendas. Estou sempre pronto para novos desvios, sabendo sair de cada um deles com coragem e tranqüilidade. Comprometimento e responsabilidade complementam o perfil. Apesar de ser biólogo tenho 12 anos de experiência com trabalho em QUÍMICA, CONTROLE DE QUALIDADE E GARANTIA DA QUALIDADE. Sou professor dos anos iniciais e finais trabalho formação de professores na area pedagógica e de informática.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • manual de boas práticas em manipulação farmacêutica
    - mbpmf -

    fabiano rodrigues de carvalho
    especialista em controle de qualidade de medicamento cosméticos e correlatos.

  • atividade farmacêutica;
    boas práticas de fabricação  histórico;
    atualização  rdc 67/07;
    abrangência das bpmf;
    normas técnicas;
    fármacos potentes e sbit;
    qualificação de fornecedores;
    controle de processo;
    garantia de qualidade;
    programas;
    inspeções sanitárias.

    conteúdo

  • introdução

    aspectos legais

  • lei federal 5.991/73  dispõe sobre o controle sanitário do comércio de medicamentos, insumos farmacêuticos e correlatos;
    lei federal 6.360/76  vigilância sanitária;
    portaria federal 344/98  ias de controle especial;
    lei federal 9782/99  anvisa;
    rdc 33/00  bpmf;
    rdc 186/04  reprovação de insumos;
    rdc 306/04  gerenciamento de resíduos;
    ss 17/2005  sgq;
    rdc 67/2007  bpmf;
    ... e outras.

    conteúdo

  • farmácia:
    “estabelecimento de manipulação de fórmulas magistrais e oficinais, de comércio de drogas, medicamentos, insumos farmacêuticos e correlatos, compreendendo a dispensação e o atendimento privativo de unidade hospitalar ou de qualquer outra equivalente de assistência médica.”

    lf 5.991/73

    atividade farmacêutica

  • “o comércio de determinados correlatos, tais como, aparelhos e acessórios, produtos utilizados para fins de diagnóstico e analíticos, odontológicos, veterinários, de higiene pessoal ou de ambiente, cosméticos e perfumes, exercido por estabelecimentos especializados, poderá ser extensivo às farmácias e drogarias, observado o disposto em lei federal e na supletiva dos estados, do distrito federal e dos territórios.”
    art. 5º § 1

    atividade farmacêutica

  • nenhum dos produtos de que trata esta lei - drogas, medicamentos, cosméticos, insumos farmacêuticos, correlatos e outros produtos, inclusive os importados, poderá ser industrializado, exposto à venda ou entregue ao consumo antes de registrado no ministério da saúde.
    lf 6.360/76 - art. 12

    atividade farmacêutica

  • definições

    preparação magistral  é aquela preparada na farmácia, a partir de uma prescrição de profissional habilitado, destinada a um paciente individualizado, e que estabeleça em detalhes sua composição, forma farmacêutica, posologia e modo de usar.
    preparação oficinal  é aquela preparada na farmácia, cuja fórmula esteja inscrita no formulário nacional ou em formulários internacionais reconhecidos pela anvisa.

    atividade farmacêutica

  • formulário nacional  82 medicamentos.

    resolução rdc 222, de 29 de julho de 2005  aprova a primeira edição do formulário nacional.
    art. 3º  “as farmácias e os laboratórios industriais farmacêuticos que manipulem ou fabriquem os produtos constantes do formulário nacional devem ter, ao menos, um exemplar atualizado e seus suplementos”. 

    atividade farmacêutica

  • definições

    medicamento  produto tecnicamente elaborado, com finalidade profilática, curativa, paliativa ou para fins de diagnóstico. forma farmacêutica que contém o fármaco e excipientes.
    cosméticos, produtos de higiene e perfumes  preparações constituídas por substâncias naturais ou sintéticas, de uso externo nas diversas partes do corpo: pele, cabelo, unha, lábio, dente e mucosas (da cavidade oral e órgãos genitais externos), com objetivo exclusivo ou principal de limpar, perfumar, alterar a aparência, corrigir odores corporais, proteger e manter em bom estado.

    atividade farmacêutica

  • grau de risco 1  risco mínimo (segurança);
    grau de risco 2  risco potencial (eficácia e segurança).

    atividade farmacêutica


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 150,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • Atividade Farmacêutica
  • Boas Práticas de Fabricação - Histórico
  • Atualização - RDC 67/07
  • Abrangência das BPMF
  • Normas Técnicas
  • Fármacos Potentes e SBIT
  • Qualificação de Fornecedores
  • Controle de Processo
  • Garantia de Qualidade
  • Programas
  • Inspeções Sanitári