Curso Online de Gestão de Salão de Beleza

Curso Online de Gestão de Salão de Beleza

O Curso de Gestão de Salão de Beleza, traz características importantes voltada para a administração, destacando varias concepções importa...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 20 horas

Por: R$ 25,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

O Curso de Gestão de Salão de Beleza, traz características importantes voltada para a administração, destacando varias concepções importantes para pessoas que tenham interesse em conhecer o assunto e possivelmente coloca-los em prática,o curso mostra como administrar salão de beleza, desde o tipo de cliente a faturamento, mostrando como obter grandes lucros e poder aumentar cada vez mais o seu negocio.

Somos uma equipe formada por pessoas com graduação e pós-graduação em diversas áreas de conhecimento, trazendo vários cursos com diferentes temas e assuntos. A equipe vem desenvolvendo vários cursos nas áreas de educação, Engenharias, Administração, Saúde, Meio Ambiente e varias outras. Para qualquer dúvida e informação estamos a disposição. CFEP - Centro de Formação e Educação Profissional e-mail: paula_his@hotmail.com



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • Curso de Gestão de Salão de Beleza

    Curso de Gestão de Salão de Beleza

    Carga Horária Total do Curso: 20 Horas

    paula_his@hotmail.com

  • DESENVOLVIMENTO DA TEORIA DO EMPREENDEDORISMO O EMPREENDEDORISMO É COMO UMA FEBRE QUE VEM CONTAGIANDO MUITOS AO REDOR DO MUNDO, PROVOCANDO GRANDES MUDANÇAS EM VELOCIDADES ALUCINANTES, ENVOLVENDO NOVAS TECNOLO- GIAS E NOVAS FORMAS DE COMERCIALIZAÇÃO.

    DESENVOLVIMENTO DA TEORIA DO EMPREENDEDORISMO O EMPREENDEDORISMO É COMO UMA FEBRE QUE VEM CONTAGIANDO MUITOS AO REDOR DO MUNDO, PROVOCANDO GRANDES MUDANÇAS EM VELOCIDADES ALUCINANTES, ENVOLVENDO NOVAS TECNOLO- GIAS E NOVAS FORMAS DE COMERCIALIZAÇÃO.

  • CONFORME SCHUMPETER (1982, P. 64), A ESSÊNCIA DO EMPREENDEDORISMO ESTÁ NA:   PERCEPÇÃO DE NOVAS OPORTUNIDADES E EM SEU APROVEITAMENTO POR MEIO DA INTRO- DUÇÃO DE NOVOS PRODUTOS E DE NOVOS PROCESSOS PRODUTIVOS, BUSCANDO NOVOS FORNECEDORES E MATERIAIS E ESTABELECENDO UMA NOVA ORGANIZAÇÃO PARA A CONQUIS- TA DESSE NOVO MERCADO.

    CONFORME SCHUMPETER (1982, P. 64), A ESSÊNCIA DO EMPREENDEDORISMO ESTÁ NA:   PERCEPÇÃO DE NOVAS OPORTUNIDADES E EM SEU APROVEITAMENTO POR MEIO DA INTRO- DUÇÃO DE NOVOS PRODUTOS E DE NOVOS PROCESSOS PRODUTIVOS, BUSCANDO NOVOS FORNECEDORES E MATERIAIS E ESTABELECENDO UMA NOVA ORGANIZAÇÃO PARA A CONQUIS- TA DESSE NOVO MERCADO.

  • DISTINTAS INTERPRETAÇÕES DO EMPREENDEDORISMO PODEM SER JUSTIFICADAS PELA INFLUÊNCIA DAS ÁREAS DO CONHECIMENTO QUE ABORDAM E CONCEITUAM O TEMA. CONSIDERANDO-SE A HETEROGE- NEIDADE DOS ENFOQUES, É POSSÍVEL DISTINGUIR OS

    DISTINTAS INTERPRETAÇÕES DO EMPREENDEDORISMO PODEM SER JUSTIFICADAS PELA INFLUÊNCIA DAS ÁREAS DO CONHECIMENTO QUE ABORDAM E CONCEITUAM O TEMA. CONSIDERANDO-SE A HETEROGE- NEIDADE DOS ENFOQUES, É POSSÍVEL DISTINGUIR OS

  • ESTUDOS DO EMPREENDEDORISMO SEGUNDO AS PERSPECTIVAS ECONÔMICA, SOCIOLÓGICA E PSICOLÓGICA; E AQUELES QUE DEFINEM FOCOS DE ANÁLISE DO EMPREENDEDORISMO, COM A ABORDAGEM DE ESCOLAS OU DIMENSÕES ANALÍTICAS DO FENÔMENO.

    ESTUDOS DO EMPREENDEDORISMO SEGUNDO AS PERSPECTIVAS ECONÔMICA, SOCIOLÓGICA E PSICOLÓGICA; E AQUELES QUE DEFINEM FOCOS DE ANÁLISE DO EMPREENDEDORISMO, COM A ABORDAGEM DE ESCOLAS OU DIMENSÕES ANALÍTICAS DO FENÔMENO.

  • DA PERSPECTIVA ECONÔMICA FOI QUE EMERGIRAM AS PRIMEIRAS IDEIAS SOBRE O EMPREENDE- DORISMO, IDENTIFICANDO-SE A RACIONALIDADE COMO ELEMENTO CENTRAL PARA ESSA ATIVIDADE PRODUTIVA SOB A ÉGIDE DO MERCADO. NA PERSPECTIVA

    DA PERSPECTIVA ECONÔMICA FOI QUE EMERGIRAM AS PRIMEIRAS IDEIAS SOBRE O EMPREENDE- DORISMO, IDENTIFICANDO-SE A RACIONALIDADE COMO ELEMENTO CENTRAL PARA ESSA ATIVIDADE PRODUTIVA SOB A ÉGIDE DO MERCADO. NA PERSPECTIVA

  • ECONÔMICA, O FENÔMENO É DETERMINA- DO PELAS INFLUÊNCIAS E CARACTERÍSTICAS DO AMBIENTE, COMO A TURBULÊNCIA E A COMPLEXIDADE (BAUMOL, 1993), ESTABELECENDO-SE A ASSOCIAÇÃO DIRETA ENTRE O EMPREENDEDORISMO E A INOVAÇÃO.

    ECONÔMICA, O FENÔMENO É DETERMINA- DO PELAS INFLUÊNCIAS E CARACTERÍSTICAS DO AMBIENTE, COMO A TURBULÊNCIA E A COMPLEXIDADE (BAUMOL, 1993), ESTABELECENDO-SE A ASSOCIAÇÃO DIRETA ENTRE O EMPREENDEDORISMO E A INOVAÇÃO.

  • EM 1800, JEAN BATISTESAY, RECONHECIDO COMO “PAI DO EMPREENDEDORISMO”, DEFENDEU A IDEIA DE QUE A CRIAÇÃO DE NOVOS EMPREENDIMENTOS É QUE POSSIBILITARIA O DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO DE UMA NAÇÃO. SAY ARGUMENTOU

    EM 1800, JEAN BATISTESAY, RECONHECIDO COMO “PAI DO EMPREENDEDORISMO”, DEFENDEU A IDEIA DE QUE A CRIAÇÃO DE NOVOS EMPREENDIMENTOS É QUE POSSIBILITARIA O DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO DE UMA NAÇÃO. SAY ARGUMENTOU

  • QUE O PROCESSO EMPREENDEDOR PERMITIA A TRANSFERÊNCIA DE RECURSOS ECONÔMICOS DE UM SETOR DE PRODUTIVIDADE MAIS BAIXO PARA UM SETOR DE PRODUTIVIDADE MAIS ELEVADO E DE MAIOR RENDIMENTO.

    QUE O PROCESSO EMPREENDEDOR PERMITIA A TRANSFERÊNCIA DE RECURSOS ECONÔMICOS DE UM SETOR DE PRODUTIVIDADE MAIS BAIXO PARA UM SETOR DE PRODUTIVIDADE MAIS ELEVADO E DE MAIOR RENDIMENTO.

  • UMA SEGUNDA PERSPECTIVA PARA O ESTUDO DO EMPREENDEDORISMO É A SOCIOLÓGICA. OS SOCI- ÓLOGOS ABORDAM O FENÔMENO COM BASE NA ANÁLISE DAS CONDIÇÕES DO AMBIENTE QUE PERMI- TEM O SURGIMENTO DO EMPREENDEDORISMO,

    UMA SEGUNDA PERSPECTIVA PARA O ESTUDO DO EMPREENDEDORISMO É A SOCIOLÓGICA. OS SOCI- ÓLOGOS ABORDAM O FENÔMENO COM BASE NA ANÁLISE DAS CONDIÇÕES DO AMBIENTE QUE PERMI- TEM O SURGIMENTO DO EMPREENDEDORISMO,

  • OU SEJA, PERCEBENDO A ATIVIDADE EMPREENDEDORA COMO UM PRODUTO DAS CONDIÇÕES ESTRUTURAIS E DOS FATORES SOCIAIS, IMERSA EM UMA REDE DE CONTÍNUAS RELAÇÕES SOCIAIS (MAIR, 2001).

    OU SEJA, PERCEBENDO A ATIVIDADE EMPREENDEDORA COMO UM PRODUTO DAS CONDIÇÕES ESTRUTURAIS E DOS FATORES SOCIAIS, IMERSA EM UMA REDE DE CONTÍNUAS RELAÇÕES SOCIAIS (MAIR, 2001).


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 25,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • Administração de Custos
  • Administração Financeira
  • Custos Diretos e Indiretos
  • Conceitos Administrativos
  • Planejamento Financeiro
  • Empreendedorismo
  • Fluxo de Caixa
  • Identificando Investimentos
  • Tipo de Serviço
  • Características de um Salão de Beleza