Curso Online de Motorista Proativo e científico
5 estrelas 0 alunos avaliaram

Curso Online de Motorista Proativo e científico

o presente curso eleva o condutor a outra categoria, pessoas com mais de 30 anos de experiência que nunca se deram conta de sua técnica e...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 5 horas

De: R$ 40,00 Por: R$ 25,00
(Pagamento único)

Mais de 10 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

o presente curso eleva o condutor a outra categoria, pessoas com mais de 30 anos de experiência que nunca se deram conta de sua técnica equivocada, perdulária e dispendiosa.Direcionado a carreteiros e motoristas de carro de passeio. Profissionais que já foram meus alunos com prêmios nacionais de desempenho otimizado por kilometro rodado e fadiga de equipamento, hoje são proprietários ou profissionais cobiçados

graduação em processos gerenciais, pós graduação em gestão de empresas, pós graduação em estratégia de marketing. RH .especializado em práticas pedagógicas e atividades artísticas variadas. Master Practitioner em PNL. Pós graduado em neuropsicologia.pós em dependência química, Mestrado em Psicanálise.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa. Os certificados são impressos em papel de gramatura diferente e com marca d'água.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.

Modelo de certificados (imagem ilustrativa):

Frente do certificado Frente
Verso do certificado Verso
  • Curso Motorista Proativo Eco-condução científica Direcionado a carreteiro e a todos motoristas

    Curso Motorista Proativo Eco-condução científica Direcionado a carreteiro e a todos motoristas

    Consultor: Luiz Carlos Marotta Junior


    É expressamente proibido a reprodução total ou parcial desse e-book. Pirataria é crime

  • NOME: Luiz Carlos Marotta Junior

    *Graduado em Administração
    *Pós-graduado em gestão Empresarial
    *Pós-graduado em Marketing
    *Pós-graduado em RH
    *Cursos: requisitos para NBR ISO 9001 (gestão de qualidade).
    * Balance Scorecard *ISO TS 16949
    * Músico, arranjador e compositor
    *Terapeuta em EFT & Hipnose
    * Máster Coach em PNL Sistêmico
    * Autor do sistema Recognição
    *Pedagogia Transpessoal
    * Pós-graduado em Neuropsicologia
    * Mestrando em Psicanálise
    Tuc8.4 – Teoria do Usuário Conceitual
    Ponto de Vista
    O melhor motorista é aquele que possui flexibilidade diante de novos conhecimentos, não é o tempo que conta, é a forma como nos utilizamos dele para aprender

  • A relação custo-benefício

    A relação custo-benefício

    Meu amigo, esse será um divisor de águas.
    Por um preço equivalente a um prato de comida você está recebendo um curso que, ao implementar toda essa metodologia sua economia será de larga-escala por toda a vida.
    Não desperdice ignorando essa abordagem, antes que outra fonte de energia mais inteligente apareça e suplante o combustível fóssil. Bons estudos e boas aplicações na condução de seu veículo

  • CONDUÇÃO CIENTÍFICA
    Condução não inteligente origina desgaste do carro e sua fadiga conforme especificação técnica do fabricante, porém nosso objetivo é superar à expectativa com o dobro de durabilidade.
    Observe a curva de torque e rotação (sempre no verde) para a melhor conservação do trem de força. A boa direção decorre da análise e leitura do conta-giros, não do velocímetro (sempre no verde) analise as especificações do carro e determine qual a faixa de giro 1500 a 2000 ou 1000 a 1500 gasolina, álcool ou diesel.
    Tenha uma condução técnica e imprima um estilo para cada circunstância chuva e pista escorregadia, carga pesada ou carga leve (PDCA). Estabeleça os parâmetros adequados à relação de marchas e rotação do motor, faz-se necessário saber quanto, na curva de torque podemos imprimir o melhor quilograma força para desempenho, e executar a tríade Tuc aceleração/ar/combustível. Consciente disso pode-se determinar se 800 a 1500 ou 1700 giros ou até 2200 giros. O espectro de atuação varia em graus de aclive, retas e declives conforme sua acentuação. A experiência trará à tona uma equação descomplicada pelo empirismo dos motoristas entender o melhor desempenho em grau Inclinação/RPM/KgF.
    Resumindo: aplicar um comando em cada grau relativo de aclive, pode substituir grandemente o numero de comando e mapeamento, pois isto não deixa de ser um conceito de eliminação de erros, trabalhado em erros e acertos.

    Atenção!
    Este curso não possui aulas práticas, portanto é muito importante que você preste atenção em cada orientação e coloque todos os dias em prática o que aprendeu.
    São muitas técnicas e o aprendizado deve ser gradual. Devemos assimilar, memorizar e executar para o processo de aprendizagem ser completo e você se tornar um expert e ter muito lucro.

  • TERMOS E CONVENÇÕES DE CONDUÇÃO (TUC)
    Condução econômica, autogerenciamento (redução de manutenção).

    PROCEDIMENTOS
    FREIOS. Em desaceleração por parada inevitável, a saber, semáforo, quebra-molas ou transito lento, não acelere desnecessariamente para frear à frente, anteveja economizando com uma marcha leve se preciso a frenagem deve ser o mais suave possível. Faça um cálculo de tempo e espaço, utilize uma frenagem proporcional, ex: distância de 40 metros e velocidade de 60 km; a cada 10 metros desacelere 15 km p/hora até chegar ao obstáculo empreendendo uma velocidade adequada conforme a situação, a marcha deve ser proporcional ao peso (mude o conceito de frenagem para desaceleração ao aplicar técnica TUC).
    Quebra-molas acentuados efetue passando o eixo da frente desacelerando sem acionar o freio e planejando a velocidade (2 ou 3 Km/h) e o restante em transmissão acelerando suavemente, conforme sua acentuação.
    Padronize sua técnica, estabeleça estes conceitos matemáticos sem fazer conta, apenas com sua experiência Tuc (heurística é um padrão de comportamento adquirido pela capacidade de entender o que faz e não precisar pensar na hora de fazer,se torna automático).
    Há uma correlação entre o bom motorista e sua capacidade de planejar a longa distância, quanto mais longe for planejado o procedimento, melhor o resultado, isso tudo deve ser incorporado ao conceito competência inconsciente.

  • Seja proativo e concentre-se no ambiente que te circunda, atenção em motoristas imprudentes à frente, ao detectá-los mantenha-os sob vigilância ou livre-se deles, extensivos a transeuntes desligados. Em carros eletrônicos atente para pequenos declives e melhore seu desempenho deixando ele se autoconduzir em velocidade de cruzeiro não apertando o acelerador (use a força cinética e a gravidade com prudência). O procedimento do piloto automático é idêntico ao Tuc, observe sua dinâmica em aclives e declives, projetando uma velocidade 5 a 10 Km/h menor no piloto automático, pois é providencial para uma parada de emergência, visto que tal situação deixa o motorista menos concentrado. Este sistema é auto-ajustável conforme a necessidade ao pedido de potência do veículo, e muitas vezes conseguindo uma combustão muito rica.

    Analogia da mistura rica ar/combustível
    Fala uma analogia entre a mistura pobre decorrente de pouco oxigênio e a mistura rica, a saber:
    1- panela preta com gás amarelo e queima deficiente para panela limpa com gás azul e queima eficiente
    2- pessoas ansiosas com respiração fragmentada e pouca saúde e sistema cardiovascular deficiente para pessoas equilibradas consciente de sua fisiologia cuidando do corpo usando
    3- motorista reativo que deixa uma borra de fumaça por comandos errados e reage corrigindo a sua condução o tempo todo para o proativo que elabora sua condução segundos antes, pois já tem em sua mente às técnicas adequadas ao bom desempenho preventivo

  • TUC (teoria do usuário conceitual)
    PDCA (planejar, dirigir, controlar e avaliar)

    Vimos algumas generalidades, agora veremos o Tuc na prática.
    O carro chefe desta metodologia é a curva de torque no pedal do acelerador e uma técnica chamada efeito montanha russa, tendo boa técnica todo motorista possui uma gama de clichês mental a serem aplicados conforme a circunstância (imagem representativa do cenário, com o motorista observando na estrada seu próximo procedimento PDCA em tomadas de decisão) . Tudo isto não será possível se não houvesse um PDCA estratégico com segurança efetuado em segundos através da visão de longo alcance em rodovias, (Planejar, Dirigir, Controlar e Avaliar o resultado). Sabendo assim como entrar numa curva de acordo com sua acentuação e grau de tangência, velocidade, giro adequado para o aclive,declive e a respectiva marcha compatível com seu peso. Planejando sempre como será a curva à frente, com muita prudência.

    Uma prévia da metodologia

  • Aprender,Reaprender e Desaprender.
    Você precisa aprender o que não sabe ainda?
    Reaprender para aperfeiçoar sua técnica?
    Desaprender e fazer certo o que vem fazendo errado?
    Responda a si mesmo.

    Se você não adquiriu autoconhecimento. Conhecer a si próprio como reage aos conflitos e como se comporta no dia a dia se comunicando, se você nunca pensou no que você é para você, você nunca pensou em aperfeiçoar sua técnica de condução. Você apenas acha que dirige bem observando suas qualidades e nunca suas deficiências. Mas você comprou esse curso e vai sair daqui muito mais consciente da forma como você vive e como você poderia ser muito melhor e muito mais feliz.

    É impressionante como o motorista reflete o seu estado emocional ao conduzir, se é nervoso na vida, sua condução é nervosa (exige do carro o tempo todo excedendo nos procedimentos e desgastando o conjunto o tempo todo), se é ansioso, sua condução é ansiosa (se antecipa ou atrasa nos procedimentos o tempo todo por uma guerra invisível instalada em seu diálogo interno) e o ultimo é o motorista alienado (nunca está vigilante dos riscos do ambiente e ignora os 5 sentidos, não utilizando-os em favor da precaução)

  • Use os seus 5 sentidos o tempo todo adequadamente.
    Fique atento às solicitações do motor e da marcha, ser proativo é dar o comando antes ou na hora exata e ser reativo é reagir a algo que está errado consertando, e isso a longo-prazo diminui a longevidade do equipamento, estamos aqui para diminuir a emissão de carbono e extrapolar em 80% a duração do conjunto nas especificações do fabricante.
    Geralmente em finais de subidas o motorista se precipita na troca de marchas fazendo-o trabalhar com uma mistura pobre, procure melhorar sua sensibilidade no acelerador e verás que sua tocada será de pelo menos 20 % menos em relação a troca de marcha. Pois irá se deparar com velhos vícios e corrigindo logo após, até abolir a técnica de utilização prioritária das marchas. Caso esteja saindo de uma descida seguida de uma subida vamos usar uma técnica chamada Montanha Russa (o mesmo conceito que os engenheiros usam para fazê-la correr), aproveitaremos o máximo da energia cinética do carro (velocidade) quando estiver descendo usando o PDCA para não cometermos imprudência (em carros eletrônicos não há compressão na marcha leve), depois, use a tríade Tuc

  • A aplicação da técnica de mapeamento estende-se para retas e pequenos declives donde não há energia cinética. (kaizen melhoria contínua em condução).
    Planejando a perda de velocidade e não de combustível, quando o carro estiver chegando ao plano no topo do morro(a desaceleração deve ser no morro e não na descida) ele deve estar em baixa rotação e com o curso do acelerador quase zerado para frente ganhar o embalo da energia cinética, então proceda à aceleração novamente (efeito M>R). a aplicação correta é providencial para o carro não embalar cedo e efetuar frenagem desnecessária
    Resista à tentação de reduzir e observe que a técnica do acelerador é muito mais importante do que a transmissão, são instrumentos dissociados e interdependentes, ou seja; quando acaba o recurso de um,utiliza-se o outro.

    Note que você se diferenciará de todos os outros motoristas. Será sua capacitação pela técnica proativa, diagnóstico instantâneo do que está fazendo e o que está acontecendo e uma sintonia consciente entre o seu estado emocional e a forma de conduzir o veiculo e sua vida ( se não mudar o homem, não muda o profissional, se o seu comportamento é autodestrutivo ele será heterodestrutivo, ou seja: desequilibrado desequilibra tudo à sua volta, se você é uma piça de nervoso e não quer mudar, avalie se vale a pena levantar da cama ou do sofá todos os dias)

  • A observância da condução em carro pesado quando se trata de aclive acentuado é muito importante o mapeamento, pois podemos subir um morro inteiro acelerando de forma errada sem notar, é necessário o mapeamento para efetivar o melhor índice de aproveitamento da aceleração e eliminar o desperdício. Não raro o motorista se depara acelerando desnecessariamente até 30 % mantendo a mesma velocidade na subida.
    A equação ar/combustível/marcha/aceleração é o grande trunfo do motorista que aprende a condução cientifica, respeite as limitações da máquina, não proceda utilizando-a como um carro esportivo, acelere gradualmente, interaja; pois este sistema é conversacional, dê o comando correto e ele responderá positivamente. Observe suas respostas quando o motor solicita uma mudança na mistura ar/combustível e geralmente você não atende ao comando do trem de força. Conversar tecnicamente com a maquina interagindo; isto é Tuc. Em retas ao mapear a melhor mistura no pedal, proceda evitando acelerações bruscas, pois uma aceleração uniforme gera economia, aos poucos com a experiência necessária o comando será substituído apenas pelo mapeamento, tal a sensibilidade e prática. Não confunda dinâmica TUC com acelerações vigorosas e desnecessárias.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 25,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...

Desejo receber novidades e promoções no meu e-mail:


  • Curso Motorista Proativo Eco-condução científica Direcionado a carreteiro e a todos motoristas
  • A relação custo-benefício
  • Negociar ou duelar, seja justo (ao negociar seus direitos, lembre-se de querer para outrem o que queres para ti). A estrada reserva surpresas perigosas, seja proativo e evite problemas. Saiba o que é humanamente possível e preserve sua vida.
  • Piloto automático
  • Seja eficaz possuindo autogerenciamento, busque a resolução dos problemas antes que eles aconteçam, faça uma auto-análise de seu desempenho em eco condução. Ao enxergar um prego na estrada ou um pedestre, você pode evitar desvios padrões e muito aborrecimento, concentre-se
  • A motivação é contagiante.
  • Curso Tuc8.4 Eco-condução
  • Tá endemoniado? Ou tá equilibrado? Diga a si mesmo: de agora em diante eu estarei vigilante não apenas à estrada, mas ao meu estado emocional e assim eu estarei diminuindo sobremodo os riscos para minha vida e para os outros.
  • Conheça Recognição
  • Muito obrigado!