Curso Online de OPERADOR DE MÁQUINAS PESADAS

Curso Online de OPERADOR DE MÁQUINAS PESADAS

No curso Operador de Máquinas Pesadas você aprenderá as normas técnicas e as medidas de segurança necessárias para operar máquinas pesada...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 30 horas


Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

No curso Operador de Máquinas Pesadas você aprenderá as normas técnicas e as medidas de segurança necessárias para operar máquinas pesadas. Conforme determina a legislação pertinente, o estudante capacita-se para atuar como operador de máquinas pesadas expandindo suas noções sobre máquinas, equipamentos e segurança

Equipe de professores especialistas, mestres e doutores nas disciplinas de administração, história, pedagogia, psicologia, sociologia, matemática, língua portuguesa,ciências biológicas, produção cultural, administração pública,engenheiros, advogados, cineastas, fotógrafos, jornalistas, profissionais e técnicos da saúde.



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa. Os certificados são impressos em papel de gramatura diferente e com marca d'água.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.

Modelo de certificados (imagem ilustrativa):

Frente do certificado Frente
Verso do certificado Verso
  • NR-12 SEGURANÇA NO TRABALHO EM MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS

  • Capacitação.
     
    12.135. A operação, manutenção, inspeção e demais intervenções em maquinas e equipamentos devem ser realizadas por trabalhadores habilitados, qualificados, capacitados ou autorizados para este fim.
     
    12.136. Os trabalhadores envolvidos na operação, manutenção, inspeção e demais intervenções em maquinas e equipamentos devem receber capacitação providenciada pelo empregador e compatível com suas funções, que aborde os riscos a que estão expostos e as medidas de proteção existentes e necessárias, nos termos desta Norma, para a prevenção de acidentes e doenças.
     
    12.137. Os operadores de maquinas e equipamentos devem ser maiores de dezoito anos, salvo na condição de aprendiz, nos termos da legislação vigente.

  • 12.138. A capacitação deve:

    a) ocorrer antes que o trabalhador assuma a sua função;
    b) ser realizada pelo empregador, sem ônus para o trabalhador;
    c) ter carga horaria mínima que garanta aos trabalhadores executarem suas atividades com segurança, sendo distribuída em no máximo oito horas diárias e realizada durante o horário normal de trabalho;
    d) ter conteúdo programático conforme o estabelecido no Anexo II desta Norma; e
    e) ser ministrada por trabalhadores ou profissionais qualificados para este fim, com supervisão de profissional legalmente habilitado que se responsabilizará pela adequação do conteúdo, forma, carga horaria, qualificação dos instrutores e avaliação dos capacitados.

  • 12.139. O material didático escrito ou audiovisual utilizado no treinamento e o fornecido aos participantes, devem ser produzidos em linguagem adequada aos trabalhadores, e ser mantidos a disposição da fiscalização, assim como a lista de presença dos participantes ou certificado, currículo dos ministrantes e avaliação dos capacitados.

    12.140. Considera-se trabalhador ou profissional qualificado aquele que comprovar conclusão de curso especifico na área de atuação, reconhecido pelo sistema oficial de ensino, compatível com o curso a ser ministrado.

    12.141. Considera-se profissional legalmente habilitado para a supervisão da capacitação aquele que comprovar conclusão de curso especifico na área de atuação, compatível com o curso a ser ministrado, com registro no competente conselho de classe.

  • 12.142. A capacitação só terá validade para o empregador que a realizou e nas condições estabelecidas pelo profissional legalmente habilitado responsável pela supervisão da capacitação.

    12.142.1. Fica dispensada a exigência do item 12.142 para os operadores de injetoras com curso de capacitação conforme o previsto no item 12.147 e seus subitens.

    12.143. São considerados autorizados os trabalhadores qualificados, capacitados ou profissionais legalmente habilitados, com autorização dada por meio de documento formal do empregador.

  • 12.143.1. Até a data da vigência desta Norma, será considerado capacitado o trabalhador que possuir comprovação por meio de registro na Carteira de Trabalho e Previdência Social - CTPS ou registro de empregado de pelo menos dois anos de experiência na atividade e que receba reciclagem conforme o previsto no item 12.144 desta Norma.

    12.144. Deve ser realizada capacitação para reciclagem do trabalhador sempre que ocorrerem modificações significativas nas instalações e na operação de maquinas ou troca de métodos, processos e organização do trabalho.

    12.144.1. O conteúdo programático da capacitação para reciclagem deve atender as necessidades da situação que a motivou, com carga horaria mínima que garanta aos trabalhadores executarem suas atividades com segurança, sendo distribuída em no máximo oito horas diárias e realizada durante o horário normal de trabalho.

  • 12.145. A função do trabalhador que opera e realiza intervenções em maquinas deve ser anotada no registro de empregado, consignado em livro, ficha ou sistema eletrônico e em sua Carteira de Trabalho e Previdência Social CTPS.

    12.146. Os operadores de maquinas auto propelidas devem portar cartão de identificação, com nome, função e fotografia em local visível, renovado com periodicidade máxima de um ano mediante exame medico, conforme disposições constantes das NR-7 e NR-11.

    12.147. O curso de capacitação para operadores de maquinas injetoras deve possuir carga horaria mínima de oito horas por tipo de maquina citada no Anexo IX desta Norma.

    auto propelidas - que possui seu próprio meio de propulsão (impulsão)

  • 12.147.1. O curso de capacitação deve ser especifico para o tipo maquina em que o operador irá exercer suas funções e atender ao seguinte conteúdo programático:

    a) histórico da regulamentação de segurança sobre a maquina especificada;
    b) descrição e funcionamento;
    c) riscos na operação;
    d) principais áreas de perigo;
    e) medidas e dispositivos de segurança para evitar acidentes;
    f) proteções - portas, e distancias de segurança;
    g) exigências mínimas de segurança previstas nesta Norma e na NR 10;
    h) medidas de segurança para injetoras elétricas e hidráulicas de comando manual; e
    i) demonstração pratica dos perigos e dispositivos de segurança.

  • 12.147.2. O instrutor do curso de capacitação para operadores de injetora deve, no mínimo, possuir:

    a) formação técnica em nível médio;
    b) conhecimento técnico de maquinas utilizadas na transformação de material plástico;
    c) conhecimento da normatização técnica de segurança; e
    d) capacitação especifica de formação.

  • .
    Outros requisitos específicos de segurança.

    12.148. As ferramentas e materiais utilizados nas intervenções em maquinas e equipamentos devem ser adequados às operações realizadas.

    12.149. Os acessórios e ferramental utilizados pelas maquinas e equipamentos devem ser adequados às operações realizadas.

    12.150. E proibido o porte de ferramentas manuais em bolsos ou locais não apropriados a essa finalidade.

    12.151. As maquinas e equipamentos tracionados devem possuir sistemas de engate padronizado para reboque pelo sistema de tração, de modo a assegurar o acoplamento e desacoplamento fácil e seguro, bem como a impedir o desacoplamento acidental durante a utilização.

  • 12.151.1. A indicação de uso dos sistemas de engate padronizado mencionados no item 12.151 deve ficar em local de fácil visualização e afixada em local próximo da conexão.
     
    12.151.2. Os equipamentos tracionados, caso o peso da barra do reboque assim o exija, devem possuir dispositivo de apoio que possibilite a redução do esforço e a conexão segura ao sistema de tração.
     
    12.151.3. A operação de engate deve ser feita em local apropriado e com o equipamento tracionado imobilizado de forma segura com calço ou similar.
     
    12.152. Para fins de aplicação desta Norma os anexos são obrigações complementares, com disposições especiais ou exceções a um tipo especifico de maquina ou equipamento, além das já estabelecidas nesta Norma, sem prejuízo ao disposto em Norma Regulamentadora especifica.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • Maquinários e Equipamentos Da Construção Civil
  • Retroescavadeira
  • Escavadeira hidráulica
  • Pá carregadeira
  • Motoniveladora ou patrol
  • Rolo compactador pé de carneiro
  • Rolo compactador liso
  • Caminhão pipa
  • Caminhão caçamba
  • Caminhão fora da estrada
  • Caminhão comboio
  • Descarga E Espalhamento
  • Segurança na operação de máquinas pesadas
  • Riscos operacionais
  • Locomoção/manobra
  • Embarque na prancha
  • Treinamento Pá-carregadeira
  • Cuidados quanto a operação
  • Conhecendo o equipamento
  • Normas de segurança