Curso Online de 01 PROGRAMA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES COM PERFUROCORTANTES

Curso Online de 01 PROGRAMA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES COM PERFUROCORTANTES

01 PROGRAMA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES COM PERFUROCORTANTES

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 2 horas

De: R$ 40,00 Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Mais de 5 alunos matriculados no curso.

Certificado digital Com certificado digital incluído

01 PROGRAMA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES COM PERFUROCORTANTES



  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
  • Adquira certificado ou apostila impressos e receba em casa.**
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
** Material opcional, vendido separadamente.
  • APRESENTAÇÃO DO MANUAL DE IMPLEMANTAÇÃO PROGRAMA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES COM MATERIAIS PERFUROCORTANTES NOS SERVIÇOS DE SAÚDE

    APRESENTAÇÃO DO MANUAL DE IMPLEMANTAÇÃO PROGRAMA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES COM MATERIAIS PERFUROCORTANTES NOS SERVIÇOS DE SAÚDE

  • PORTARIA N.° 939 , DE 18 DE NOVEMBRO DE 2008 Publicada no DOU – Seção 1 – Nº 225, 19/11/2008 Dispositivo de Segurança para Perfurocortantes

    PORTARIA N.° 939 , DE 18 DE NOVEMBRO DE 2008 Publicada no DOU – Seção 1 – Nº 225, 19/11/2008 Dispositivo de Segurança para Perfurocortantes

  • www.riscobiologico.org
    www.fundacentro.gov.br

  • Tabela 1 Infecções transmitidas através de acidentes percutâneos durante atividades de assistência ao paciente (PC) e/ou no Laboratório/Autópsia (LA)1

    Tabela 1 Infecções transmitidas através de acidentes percutâneos durante atividades de assistência ao paciente (PC) e/ou no Laboratório/Autópsia (LA)1

    Fontes:
    -Collins CH, Kennedy DA. Microbiological hazards of occupational needlestick and other sharps’ injuries. J Appl Bacteriol 1987; 62:385-402.
    -Wagner D, de With K, Huzly D, Hufert F, Weidmann M, Breisinger S, Eppinger S, Kern WV, Bauer TM.Nosocomial transmission of dengue. Emerg Infect Dis 2004; 10(10):1872-3.
    -Devereaux HM, Stead WW, Cauthern MG, Bloch BA, Ewing MW. Nosocomial transmission of tuberculosis associated with a draining abscess. J Infect Dis 1990; 286-95.
    - Shapiro CN. Occupational risk of infection with hepatitis B and hepatitis C virus. Surg Clin N Amer 1995; 75:1047-56.
    - Bell DM. Occupational risk of human immunodefi ciency virus infection in healthcare workers: an overview. Am J Med 1997; 102(suppl 5B):9-15.

  • ACIDENTES DE TRABALHO COM MATERIAL BIOLÓGICO

    ACIDENTES DE TRABALHO COM MATERIAL BIOLÓGICO

    CUSTOS DIRETOS

    PROFILAXIAS INICIAIS

    ACOMPANHAMENTO DOS TRABALHADORES

    $71 A $5.000

    OUTROS CUSTOS

    EMOCIONAL

    MEDO
    ANSIEDADE
    PREOCUPAÇÃO

  • CARACTERÍSTICAS DO ACIDENTE

    CARACTERÍSTICAS DO ACIDENTE

    QUANDO?
    Após o uso e antes do descarte de um perfurocortante (40%),
    Durante seu uso em um paciente (41%)
    Durante ou após o descarte (15%)

    ONDE?
    Unidades de internação (39%)
    particularmente nas enfermarias/quartos, em unidades de terapia intensiva e no centro cirúrgico

    Fonte:Manual de Implementação – Programa de Prevenção de Acidentes com Materiais Perfurocortantes em Serviços de saúde
    Cristiane Rapparini ; Érica Lui Reinhardt

  • Número e proporção de acidentes por ocupações selecionadas em sistemas de vigilância brasileiros

    Número e proporção de acidentes por ocupações selecionadas em sistemas de vigilância brasileiros

    1 Sistema de vigilância voluntário mantido pelo Projeto Riscobiologico.org – criado nos moldes do NaSH (CDC)/EPINet (Univ Virginia);
    2 Sistema de notifi cação voluntária do Programa Estadual DST/Aids da Secretaria de Estado de Saúde – SP; 3 Sistema de notifi cação do Programa Municipal DST/AIDS, Gerência de Doenças Transmissíveis, da Secretaria Municipal de Saúde – RJ; 4 Refere-se exclusivamente a estudantes de medicina, enfermagem e odontologia; 5 Inclui estagiários e estudantes.

  • Número e proporção de acidentes por local de ocorrência dentro do serviço de saúde em sistemas de vigilância brasileiros

    Número e proporção de acidentes por local de ocorrência dentro do serviço de saúde em sistemas de vigilância brasileiros

    1 Sistema de vigilância voluntário mantido pelo Projeto Riscobiologico.org – criado nos moldes do NaSH (CDC)/EPINet (Univ Virginia);
    2 Sistema de notifi cação voluntária do Programa Estadual DST/Aids da Secretaria de Estado de Saúde – SP;
    ND – não disponível; SMS-RJ – Variável não disponível no sistema de vigilância.

    Fonte:Manual de Implementação – Programa de Prevenção de Acidentes com Materiais Perfurocortantes em Serviços de saúde
    Cristiane Rapparini ; Érica Lui Reinhardt

  • Número e proporção de acidentes de acordo com as circunstâncias da ocorrência em sistemas de vigilância brasileiros

    Número e proporção de acidentes de acordo com as circunstâncias da ocorrência em sistemas de vigilância brasileiros

    4 Procedimento cirúrgico + manuseio de material cirúrgico; (A) Informação disponibilizada somente com diferente
    categorização; (B) Punção vascular não especifi cada – 448 acidentes; (C) Descarte em superfície – 995 acidentes

  • Quais perfurocortantes estão envolvidos nos acidentes percutâneos?

    Quais perfurocortantes estão envolvidos nos acidentes percutâneos?

    Embora muitos tipos de perfurocortantes possam estar envolvidos, dados agregados do NaSH indicam que seis dispositivos são responsáveis por aproximadamente oitenta por cento de todos os Acidentes. Esses dispositivos são:

    Seringas descartáveis/agulhas hipodérmicas (30%)
    Agulhas de sutura (20%)
    Escalpes (12%)
    Lâminas de bisturi (8%)
    Estiletes de cateteres intravenosos (IV) (5%)
    Agulhas para coleta de sangue (3%)

    No geral, as agulhas com lúmen são responsáveis por 56% de todos os acidentes com perfurocortantes no NaSH.

  • HIERARQUIA DA PREVENÇÃO DE ACIDENTES COM PERFUROCORTANTES

    HIERARQUIA DA PREVENÇÃO DE ACIDENTES COM PERFUROCORTANTES

    Eliminar e reduzir o uso de agulhas e outros perfurocortantes onde for possível
    Isolar o perigo através do uso de um controle de engenharia no ambiente ou no próprio perfurocortante,
    Implementar mudanças na prática de trabalho
    Adotar o uso de equipamentos de proteção individual.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • APRESENTAÇÃO DO MANUAL DE IMPLEMANTAÇÃO PROGRAMA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES COM MATERIAIS PERFUROCORTANTES NOS SERVIÇOS DE SAÚDE
  • PORTARIA N.° 939 , DE 18 DE NOVEMBRO DE 2008 Publicada no DOU – Seção 1 – Nº 225, 19/11/2008 Dispositivo de Segurança para Perfurocortantes
  • Tabela 1 Infecções transmitidas através de acidentes percutâneos durante atividades de assistência ao paciente (PC) e/ou no Laboratório/Autópsia (LA)1
  • ACIDENTES DE TRABALHO COM MATERIAL BIOLÓGICO
  • CARACTERÍSTICAS DO ACIDENTE
  • Número e proporção de acidentes por ocupações selecionadas em sistemas de vigilância brasileiros
  • Número e proporção de acidentes por local de ocorrência dentro do serviço de saúde em sistemas de vigilância brasileiros
  • Número e proporção de acidentes de acordo com as circunstâncias da ocorrência em sistemas de vigilância brasileiros
  • Quais perfurocortantes estão envolvidos nos acidentes percutâneos?
  • HIERARQUIA DA PREVENÇÃO DE ACIDENTES COM PERFUROCORTANTES
  • Alternativas para o uso de agulhas
  • Mudanças nas práticas de trabalho
  • Etapas organizacionais
  • Processos operacionais
  • Diretrizes da OSHA para Dispositivos de Segurança
  • LISTA DE PERFUROCORTANTES COM DISPOSITIVOS DE SEGURANÇA (ABIMO – ABIMED)