Curso Online de CORRETAGEM
5 estrelas 2 alunos avaliaram

Curso Online de CORRETAGEM

Neste curso vamos aprender sobre: Contrato de corretagem: definição, partes, tipificação, identificação; Corretagem profissional e ocasi...

Continue lendo

Autor(a):

Carga horária: 17 horas

Por: R$ 23,00
(Pagamento único)

Certificado digital Com certificado digital incluído

Neste curso vamos aprender sobre:

Contrato de corretagem: definição, partes, tipificação, identificação;
Corretagem profissional e ocasional;
Corretagem livre e oficial;
Requisitos Subjetivos, Objetivos e Formais do Contrato de Corretagem;
Remuneração do Contrato de Corretagem;
Obrigações do Corretor e Obrigações do Comitente;
Extinção do Contrato de Corretagem;
Contratos e Documentos de apoio: Autorização de Venda; Termo de Visitação; Recibo de Sinal de Negócio; Contrato de Promessa de Compra e Venda; e Cessão de Direitos;
Técnicas de Abordagem e Persuasão: Como abordar persuasivamente; objetivo da persuasão, Tamanho, Retórica, Semelhanças, Histórico da Persuasão, Modalidades, Certo ou Preferível, Adesão, Convencimento, Universo como seu Auditório;
Sedução: a quem, o que, como dizer? O que ouvir? Sabe com quem você está falando?
Recurso para abordagem e persuasão: figuras, argumentos subjetivos, identidade, comparação, analogia, transitividade, contradição, parte/todo, entimema, valores, argumentos lógicos, sucessão, coerência, metalinguagem, símbolos, exemplos, modelos, ilustrações;
Pontos de máxima importância e obrigatória observação: duração da conversa, variedade, abertura, validade, restrição, distância, eloquência, confiança, emoção;
Táticas e estratégias;
Ética e Manipulação.

TSS - Troubleshooting Strategist; Consultor em Pesquisa Institucional (E-mec/Inep); Educador e Professor; Palestrante, Autor e Advogado, OAB/MG 94.245. Consultor na área de TSS: Troubleshooting Strategy em Desenvolvimento Educacional, Incremento Profissional, Treinamentos Motivacionais, Recursos Humanos, Neurolinguística, Coaching e Mentoring para colaboradores, profissionais e estudantes, com sólida vivência como palestrante, elaborando e ministrando cursos diversos na formação de líderes, por uma busca constante pela excelência em resultados de curto, médio e longo prazos. http://2013ricardoaugusto.wix.com/svrge


- Jessica Nogueira Resende

- Alessandro Mauro P De Souza

  • Aqui você não precisa esperar o prazo de compensação do pagamento para começar a aprender. Inicie agora mesmo e pague depois.
  • O curso é todo feito pela Internet. Assim você pode acessar de qualquer lugar, 24 horas por dia, 7 dias por semana.
  • Se não gostar do curso você tem 7 dias para solicitar (através da pagina de contato) o cancelamento ou a devolução do valor investido.*
* Desde que tenha acessado a no máximo 50% do material.
  • CORRETAGEM
    IMOBILIÁRIA
    ABORDAGEM*CONVENCIMENTO*CONTRATO

    RICARDO AUGUSTO,
    Educador e Professor, Advogado, Doutor em Educação – Corllins University; MBA em Direito Empresarial – FGV, Especialista em Direito Público e Privado – UNIGRANRIO/PRAETORIUM, Especialista em Docência Superior em Petróleo, Comércio Exterior e Logística – FAESA

  • Neste curso vamos aprender sobre:

    Contrato de corretagem: definição, partes, tipificação, identificação;
    Corretagem profissional e ocasional;
    Corretagem livre e oficial;
    Requisitos Subjetivos, Objetivos e Formais do Contrato de Corretagem;
    Remuneração do Contrato de Corretagem;
    Obrigações do Corretor e Obrigações do Comitente;
    Extinção do Contrato de Corretagem;
    Contratos e Documentos de apoio: Autorização de Venda; Termo de Visitação; Recibo de Sinal de Negócio; Contrato de Promessa de Compra e Venda; e Cessão de Direitos;
    Técnicas de Abordagem e Persuasão: Como abordar persuasivamente; objetivo da persuasão, Tamanho, Retórica, Semelhanças, Histórico da Persuasão, Modalidades, Certo ou Preferível, Adesão, Convencimento, Universo como seu Auditório;
    Sedução: a quem, o que, como dizer? O que ouvir? Sabe com quem você está falando?
    Recurso para abordagem e persuasão: figuras, argumentos subjetivos, identidade, comparação, analogia, transitividade, contradição, parte/todo, entimema, valores, argumentos lógicos, sucessão, coerência, metalinguagem, símbolos, exemplos, modelos, ilustrações;
    Pontos de máxima importância e obrigatória observação: duração da conversa, variedade, abertura, validade, restrição, distância, eloquência, confiança, emoção;
    Táticas e estratégias;
    Ética e Manipulação.

  • Contrato de Corretagem

    Definição: Código Civil de 2002, em seu art. 722, define: "Pelo contrato de corretagem, uma pessoa, não ligada a outra em virtude de mandato, de prestação de serviços ou por qualquer relação de dependência, obriga-se a obter para a segunda um ou mais negócios, conforme as instruções recebidas. " É, portanto, contrato pelo qual uma pessoa se encarrega de angariar negócios para outra mediante remuneração.

  • Contrato de Corretagem

    Partes:

    Corretor, mediador, agenciador, intermediário: É aquele que agencia negócios para a parte contratante. Comitente, cliente, dono do negócio: É pessoa que contrata a intermediação do corretor.

  • Contrato de Corretagem

    Tipificação do Contrato de Corretagem
    O Código Civil de 1916 não dispunha sobre contratos de corretagem. Eram atípicos, ou seja, não se encontravam tipificados em Lei. Existiam no universo jurídico, mas regiam-se pelas normas da teoria geral das obrigações e dos contratos. O Código Comercial disciplinava sobre a profissão "Corretagem". Não sobre contratos de corretagem.

  • Contrato de Corretagem
    Tipificação do Contrato de Corretagem

    Com a matéria empresarial presente no novo Código Civil, os contratos de corretagem foram, então, tipificados nos arts. 722 a 729, não fazendo distinção entre a natureza jurídica da corretagem civil e da corretagem mercantil, sendo que o que as difere é apenas o conteúdo do negócio.

  • Contrato de Corretagem
    Identificação do contrato de Corretagem
    O contrato de corretagem não pode ser confundido com mandato, posto que o corretor não representa o comitente. Também não se confunde com a comissão porque o corretor tem como obrigação apenas aproximar as partes enquanto o comissário contrata em seu próprio nome. As semelhanças entre os diversos tipos de contratos se dissipam quando analisadas a conduta das partes e sua atividade principal. Portanto, para que se identifique um contrato de corretagem, é necessário ter a INTERMEDIAÇÃO como seu elemento primordial

  • Corretagem Profissional e Ocasional

    Não importa se o corretor tem a corretagem como profissão ou uma atividade casual. Não há diferença entre ambas, exceto na habitualidade com que são exercidas, mas a remuneração é igualmente devida.

  • Contrato de Corretagem

    Corretagem Livre e Oficial

    A corretagem oficial somente pode ser exercida por aqueles corretores nomeados pelo Presidente da República, investidos de ofício público, com regulamentação em leis especiais. São os corretores de mercadorias, de navios, de operação de câmbio, de seguros etc.

  • Corretagem Livre e Oficial

    A corretagem livre é exercida, consequentemente, por todos aqueles corretores sem designação oficial, que independem de autorização para praticar intermediação. São os corretores de espetáculos públicos, de automóveis, de móveis, etc. A corretagem livre pode também ser regulada por lei, como é o caso dos imóveis, cuja atividade do corretor é disciplinada pela Lei nº 6.530/78, regulamentada pelo Decreto nº 81.871/78.

  • Requisitos Subjetivos do Contrato de Corretagem

    Para ambas as partes, corretor e comitente, exige-se a capacidade genérica para a vida civil. Entretanto, os corretores oficiais devem ser nomeados como tal e ainda há aqueles que a lei exige que sejam credenciados, por exemplo, os corretores de imóveis. Há, porém, uma proibição: não podem exercer corretagem pessoas obrigadas a intermediar negócios em virtude de seu cargo, como acontece com os servidores públicos ou empregados responsáveis por conseguirem bons negócios.


Matricule-se agora mesmo Preenchendo os campos abaixo
R$ 23,00
Pagamento único
Processando... Processando...aguarde...
Autorizo o recebimento de novidades e promoções no meu email.

  • Contrato de corretagem: definição, partes, tipificação, identificação;
  • Corretagem profissional e ocasional;
  • Corretagem livre e oficial;
  • Requisitos Subjetivos, Objetivos e Formais do Contrato de Corretagem;
  • Remuneração do Contrato de Corretagem;
  • Obrigações do Corretor e Obrigações do Comitente;
  • Extinção do Contrato de Corretagem;
  • Contratos e Documentos de apoio: Autorização de Venda; Termo de Visitação; Recibo de Sinal de Negócio; Contrato de Promessa de Compra e Venda; e Cessão de Direitos;
  • Técnicas de Abordagem e Persuasão: Como abordar persuasivamente; objetivo da persuasão, Tamanho, Retórica, Semelhanças, Histórico da Persuasão, Modalidades, Certo ou Preferível, Adesão, Convencimento, Universo como seu Auditório;
  • Sedução: a quem, o que, como dizer? O que ouvir? Sabe com quem você está falando?
  • Recurso para abordagem e persuasão: figuras, argumentos subjetivos, identidade, comparação, analogia, transitividade, contradição, parte/todo, entimema, valores, argumentos lógicos, sucessão, coerência, metalinguagem, símbolos, exemplos, modelos, ilustrações;
  • Pontos de máxima importância e obrigatória observação: duração da conversa, variedade, abertura, validade, restrição, distância, eloquência, confiança, emoção;
  • Táticas e estratégias;
  • Ética e Manipulação.